Com apoio da BV, pista de skate da Costeira é entregue reformada

Projeto foi desenvolvido pelo skatista Leo Kakinho e vai beneficiar dezenas de atletas locais; estreia será no Oi STU Qualifying Series, a partir de quinta-feira (24)

0
106
A terceira pista de skate reformada pela BV, marca de Varejo do Banco Votorantim, através da plataforma BV Esportes, está pronta para ser inaugurada. E o momento não poderia ser melhor: a partir desta quinta-feira (24), primeiro dia da programação oficial do Oi STU Qualifying Series – Etapa Santa Catarina, quando entram em ação alguns dos melhores skatistas do Brasil no Skate Park da Costeira, em Florianópolis. E se as duas pistas entregues em 2018 (Rio de Janeiro e Sapiranga, no Rio Grande do Sul) tiveram o multicampeão Bob Burnquist como mentor das reformas, o projeto de Floripa foi desenvolvido por uma das lendas do skate brasileiro, Leo Kakinho.
LEGENDA: Bob na pista reformada no Rio de Janeiro. Crédito: Júlio Detefon
“A plataforma BV Esportes tem o objetivo de beneficiar não somente o esporte brasileiro, mas também os atletas do futuro. E nas três pistas de skate reformadas os beneficiados serão muitos, em especial toda a comunidade do esporte nas respectivas cidades”, afirma o diretor executivo do Banco Votorantim, Gabriel Ferreira. “Em Florianópolis, contamos com o grande apoio do Leo Kakinho e chegamos a uma pista de nível internacional, que faz jus à importância da cidade e do estado para o cenário do skate brasileiro”, completa.
“Realizamos o STU nesta mesma pista ano passado e percebemos que ela poderia ser aprimorada. No tamanho das paredes e na construção de obstáculos, temos agora um melhor nível técnico, com mais qualidade para os skatistas, além de beneficiar a comunidade local. Então ficamos muito agradecidos à BV por viabilizar mais esse legado para o skate brasileiro”, diz Leo Kakinho.
Além da reforma de pistas em diferentes cidades do Brasil, o projeto da plataforma de esportes da BV com Bob Burnquist também fará a instalação de Burnkits – kits modulares móveis que formam circuitos para a prática de skate – em 10 escolas públicas no país.
“Vamos capacitar skatistas para ministrar as atividades, dar uma oportunidade de trabalho para muitos e mostrar que o skate é muito autodidático, porém, é legal ter um direcionamento. Aprender a andar e a cair é muito importante”, diz Bob Burnquist, um dos ícones do esporte que fazem parte da plataforma. Os demais projetos são o Instituto Serginho10, de Serginho Escadinha (vôlei), o M4NasEscolas, de Marcelinho Machado (basquete) e o Instituto Próxima Geração, de Mauro Menezes (tênis). O Instituto Esporte e Educação (IEE), de Ana Moser (vôlei), e o Instituto Reação, de Flávio Canto (judô), ambos com mais de 15 de atuação, também servem como referência para os demais.
LEGENDA: Bob durante evento de lançamento da plataforma de esportes. Crédito: Querô Filmes.
A plataforma de esportes está alinhada ao posicionamento da marca BV que, por meio do acesso ao crédito, atua como viabilizadora das próximas conquistas de seus clientes. Além do investimento financeiro, as iniciativas contam com a mentoria de profissionais do Banco Votorantim de diferentes áreas, como Recursos Humanos, Finanças, Planejamento Estratégico e Comunicação. Em formato de rede, a plataforma também estimula a troca de aprendizados entre os atletas participantes e, em uma segunda fase, irá conectar clientes, parceiros e fornecedores a cada um dos projetos apoiados.
Inicialmente, o apoio da BV aos projetos tem duração de dois anos, com grande expectativa de renovação. Os projetos serão avaliados por indicadores de performance e a plataforma contará com consultoria independente para monitorar como os recursos estão sendo aplicados.
A plataforma de esportes da BV conta com um site exclusivo e pode ser conferido no endereço www.bvesportes.com.br.
O campeonato: principal circuito brasileiro da modalidade, o Oi STU Qualifying Series – Etapa Santa Catarina terá em ação os maiores atletas do país e um dos maiores do mundo, como Pedro Barros, hexacampeão mundial, Yndiara Asp, vice-campeã mundial, além de Murilo Peres, Luiz Francisco, Pedro Quintas, entre outros atletas da Seleção Brasileira de Skate. Vale lembrar que a modalidade passa a ser olímpica a partir dos Jogos de Tóquio, em 2020.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome