Fone: (48) 3733-6977 | redacaofloripa@jornalinforme.com.br

 

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro é colunista do Informe e traz informações sobre os bastidores da política e cotidiano de Caçador e Floripa/São José.
Fones: Caçador (49) 8843-4213 - Florianópolis (48) 9922-8133

E-mail: redacaofloripa@jornalinforme.com.br

Twitter: @adrianoinforme

O governador Eduardo Pinho Moreira (MDB) cumpre agenda nesta quarta-feira, 20, em Brasília, em busca de recursos para ações em infraestrutura, saúde e investimentos para a manutenção de serviços em Santa Catarina. As audiências ocorrem no Palácio do Planalto e nos ministérios da Integração Nacional e do Trabalho e Emprego.

No Palácio do Planalto, Moreira se reunirá com o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, onde pleiteará aportes a serem aplicados no custeio da saúde. O governador também estará reunido com o ministro do Trabalho e Emprego, Helton Yomura, para tratar sobre a liberação de recursos para a manutenção das unidades do Sistema Nacional de Emprego (Sine). Ao todo, são 124 postos de atendimentos em Santa Catarina, sendo 23 de execução direta e os demais com parcerias técnicas com os municípios.

Moreira ainda cumprirá agenda na Secretaria Nacional de Defesa Civil, no Ministério da Integração Nacional, a fim de reforçar a liberação de recursos para a execução de três planos de prevenção já aprovados pelo Governo Federal. Os documentos consistem em obras de contenção da Serra do Rio do Rastro, em Lauro Müller, além de ações preventivas na Lagoa da Conceição e na Barra da Lagoa, em Florianópolis.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A Câmara Municipal de São José vai manter ativa a Comissão Especial criada para acompanhar de perto a situação da Central de Triagem na cidade. O objetivo é dar continuidade aos trabalhos já iniciados sobre o tema em debate. A decisão do Juiz de Direito Otavio Minatto, manifestando a impossibilidade da construção da Central de Triagem na Fazenda Santo Antônio, não encerra o trabalho do Legislativo.  Agora os parlamentares se voltam às pretensas áreas que eventualmente possam vir a receber o Centro de Triagem, dentre estas a da região de Potecas. Em 2014, o Poder Legislativo aprovou Moção contraria à construção da unidade.

“Nós respeitamos a decisão judicial, mas vamos trabalhar para que a construção aconteça junto a áreas já consolidadas da Secretaria de Segurança Pública, como os complexos prisionais da região da Grande Florianópolis. É importante ressaltar que já possuímos em nossa Comarca o maior presídio do Estado de Santa Catarina, dando nossa contribuição na segurança pública” – afirmou Orvino Coelho de Ávila, Presidente da Câmara de Vereadores de São José.

Na audiência de conciliação realizada na segunda-feira, 18/06, na Vara da Fazenda Pública da Comarca de São José, o juiz Dr. Otavio Minatto, em sentença, destacou dois terrenos de propriedade do município onde o Estado poderá construir a Central de Triagem. Ambos na região de Potecas, por isso a preocupação dos vereadores.  

A Comissão Especial deve se reunir para definir os próximos passos. "Passados quatro anos, temos importante vitória: a proibição da construção do Centro de Triagem no bairro da Fazenda Santo Antônio que faz parte do território Josefense. Agora vamos acompanhar e defender as demais áreas municipais, dentre as quais as constantes na região de Potecas", frisou o vereador Clonny Capistrano.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Com o objetivo de zerar a fila de espera, a Prefeitura de Florianópolis, através da Secretaria Municipal de Saúde retomou nesta segunda-feira, dia (18), o 1º Mutirão de pequenas cirurgias. Os procedimentos iniciaram em maio e devem ocorrer até início de setembro, na Policlínica Municipal do Continente, com equipes compostas por três cirurgiões, enfermeiros e técnicos de enfermagem.

Mais de 1.500 pessoas aguardavam na fila de espera para a retirada de sinais na pele, cistos sebáceos, extração de unhas ou outras pequenas lesões. Até o final de julho serão realizadas 355 cirurgias. O mutirão está ocorrendo em duas etapas. “Primeiro, é feito o contato com os pacientes para a consulta de triagem e depois é marcado o procedimento”, explica o secretário de Saúde, Carlos Alberto Justo da Silva.

Segundo ele, já foram agendadas 1.208 consultas de triagem, mas 519 pacientes não compareceram. “É um número alto de pacientes que desistiram da consulta, por isso, é importante que o paciente avise ou desmarque a consulta junto à unidade de saúde para que a vaga seja utilizada por outra pessoa”.

O secretário ressalta que além de zerar a fila de espera, o mutirão é uma oportunidade para os médicos residentes treinarem com profissionais mais experientes para que mais tarde tais procedimentos possam ser realizados nas unidades de saúde. “Nossa intenção é capilarizar os procedimentos para que outros profissionais realizem na unidade de saúde que atuam”.

Os pacientes que necessitam de atendimento similar devem ser avaliados nas unidades de saúde e se necessário serão encaminhados para a Policlínica.

Estudantes do curso de graduação em Administração da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) promovem neste domingo, 24, um evento com grandes nomes do  cenário empresarial brasileiro para compartilhar experiências. O encontro What’s  Your Idea(L) vai ser realizado no Hotel Majestic, em Florianópolis, das 14h às 18h deste domingo.



Entre os palestrantes confirmados estão Adriano Lima (iService, Pratissimo), Simone Keller Füchter (Unisul e Estácio de Sá). Gérson Schmitt (Acate e Paradigma Business Solutions), Rodrigo Bonadia (Petroplus), Carlos Azevedo (MarketUP) e Ivo Pires (Amalfi Ristorante e Noma Sushi). Os ingressos custam R$ 35 e podem ser comprados no site do evento.

Conectando sonhos

O dinheiro arrecadado com o bazar vai para o projeto social Conectando Sonhos, organizado pelos próprios alunos. O objetivo do projeto é oferecer oportunidades aos jovens da comunidade Frei Damião, em Palhoça, com apoio da tecnologia.  Esta é a primeira de uma série de ações a serem promovidas pelo projeto.

A ideia é entregar à comunidade dois laboratórios de informática e aprendizagem. Esses laboratórios serão gerenciados pela organização não-governamental Cadi-Palhoça, que atua há 10 anos na Frei Damião. A ONG desenvolve atividades com crianças, adolescentes e famílias da comunidade.

A Frei Damião é uma das maiores favelas de Santa Catarina. Boa parte da população vive com menos de um quarto de salário mínimo por mês, em situação vulnerável à violência e ao tráfico de drogas, o que limita as oportunidades de aprendizagem e desenvolvimento pessoal para os jovens.

Projetos do Bem

A iniciativa integra a disciplina Gerenciamento de Projetos, a cargo do professor Leandro Costa Schmitz, do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag) da Udesc. A cada semestre, uma turma de alunos da disciplina é responsável por idealizar e pôr em prática um projeto que reverta ao final em algum tipo de apoio concreto para uma instituição social sem fins lucrativos. Foram mais de 50 “Projetos do Bem” realizados, desde 2005.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA


Os novos rumos, diretrizes e desafios relacionados à Previdência do Serviço Público serão debatidos a partir desta quarta-feira (20) até o dia 22 de junho, no 1º Congresso Nacional de Previdência dos Servidores Públicos (Conapresp), em Florianópolis, Santa Catarina. O evento, que terá como tema "RPPS: Regime Sustentável para o Trabalhador do Serviço Público", será promovido pelas Associações Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais (Abipem) e Nacional de Entidades de Previdência de Estados e Municípios (Aneprem), com apoio da Associação dos Institutos Municipais de Previdência e Assistência de Santa Catarina (ASSIMPASC). Inscrições ainda podem ser feitas no site conapresp.com

Pró-Gestão, Perícia Médica Previdenciária, Previdência Complementar, Compensação Previdenciária e Gestão Atuarial são alguns assuntos que serão abordados durante o Congresso, que contará com palestrantes especialistas em Previdência Pública, bem como técnicos da Secretaria de Previdência do Ministério da Fazenda e de órgãos fiscalizadores. 

O Congresso Nacional tem por objetivo aprofundar o conhecimento do público quanto às questões atuais da agenda previdenciária, consolidar e alinhar propostas e discussões para os Regimes Próprios de Previdência Social, fomentar estratégias de negócios e valorização da imagem institucional da categoria. 

A previsão é de que aproximadamente 2 mil congressistas, entre representantes de Regimes Próprios de Previdência Social, de Tribunais de Contas, de Prefeituras, de Câmaras Municipais, entre outros, participem do evento. 

Dentre os palestrantes confirmados destacamos o secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano; o subsecretário dos RPPS, Narlon Gutierre; o subsecretário de RGPS, Benedito Brunca; a gerente de Estratégia e Mercado Financeiro da Secretaria de Tesouro Nacional (STN), Marcia Pain Romero; os conselheiros dos Tribunais de Contas do Espírito Santo e do Mato Grosso, Domingos Taufner e Ronaldo Ribeiro de Oliveira, respectivamente; os coronéis da Polícia Militar de Santa Catarina e São Paulo, Marlon Jorge Teza e Elias Miler da Silva, o major da Polícia Militar do Rio Grande do Sul Roger Nardys de Vasconcelos, o jurista Dr. Fábio Zambitte Ibrahim, dentre outros profissionais de renome. 

Outras atrações são as cerimônias de premiação dos vencedores do 9º Prêmio ANEPREM de Boas Práticas de Gestão Previdenciária e do 5º Congresso Nacional de Pesquisa Previdenciária da ABIPEM. 

O evento será encerrado com a palestra motivacional realizada pelo Padre Fábio de Melo, que é compositor, escritor e cantor. 

Confira a programação completa do Congresso Nacional no www.conapresp.com.br/programacao.php

Destaca-se que a Associação dos Institutos Municipais de Previdência e Assistência de Santa Catarina (ASSIMPASC) realizará o seu 7º Congresso Estadual durante o CONAPRESP. 

SERVIÇO: 

1º CONAPRESP, Congresso Nacional de Previdência dos Servidores Públicos, da ABIPEM e ANEPREM, e 7º Congresso Estadual da ASSIMPASC Quando: de 20 a 22 de junho de 2018 Horários: 20/6 - das 13h às 20h; 21/6 - das 9h às 23h; 22/6 - das 9h às 16h Onde: CentroSul - Centro de Convenções de Florianópolis Endereço: Av. Gov. Gustavo Richard, 850 - Centro, Florianópolis - SC Inscrições: www.conapresp.com.br  

Patrocinadores: Agenda Assessoria, APEX Capital LTDA, AUSTRO Capital, AZ LEGAN, BB DTVM, BNP Paribas Assent Management, Bradesco, BTG Pactual, CAIXA, Daycoval, Infinity Asset Management, Genial Investimentos, Governo Federal, Itaú, LUMENS Atuarial, Mongeral AEGON Investimentos, Privatiza Investimentos, Safra, Santander, Serconprev, Uniletra Corretora de Valores, Western Asset, XP Investimentos e Zetra.

LEGENDA: Narlon Gutierre, Subsecretário dos Regimes Proprios de Previdência - SPREV

 

LEGENDA: Padre Fábio de Melo

 

LEGENDA: Marcelo Abi-Ramia - secretario de Previdencia 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Entre esta quarta-feira (20) e 3 de julho, a Faculdade de Tecnologia Nova Palhoça (Fatenp) oferece programação voltada à qualificação e capacitação profissional e empresarial. Gratuita e aberta à comunidade, a agenda traz 31 cursos, workshops e palestras que contemplam desde temas mais genéricos como finanças pessoais, elaboração de currículo e abertura de empresas até assuntos específicos direcionados aos profissionais das áreas de Medicina Veterinária, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia e Educação Física, entre outros.

“É uma grande oportunidade tanto para quem está querendo acessar o mercado de trabalho quanto para os que estão buscando atualização e novos conhecimentos”, afirma Larisa Hemkemeier Webber de Mello, diretora executiva da Fatenp.

SERVIÇO

O quê:  Agenda de inverno da Fatenp, com cursos, palestras e workshops

Quando: De 20 de junho a 3 de julho, em diferentes horários (confira a programação)

Onde: Avenida Vidal Procópio Lohn, 1081, Bairro Nova Palhoça, tel.: 3242-1001.

Quanto: Gratuito

Informações e inscrições em: www.sympla.com.br/fatenp

PROGRAMAÇÃO

20/6

19h – Curso “Orçamento pessoal – organize suas finanças”

20h – Palestra “Construção da carreira de um engenheiro”

22/06

20h – “Os primeiros passos para a internacionalização de uma empresa”

25/6

19h – Curso “Abrindo minha empresa”

19h – Curso “Como implementar processos em uma empresa”

19h – Palestra “Guia para regularização de obras”

19h – Workshop “Desenvolvendo um jogo com Javascript e React”

19h – Workshop “Desenvolvimento de jogos no Construct 2”

19h – Curso “Fisiologia do exercício aplicada ao treinamento resistido”

19h – Workshop “Estudo das formas”

26/6

19h – Curso “Animação de personagem 3D”

19h – Curso “Computação criativa”

19h - Workshop “Narrativas para jogos”

19h – Workshop “Introdução ao Unity 3D”

19h – Workshop “Portfólio”

19h – Curso “Como evitar problemas trabalhistas”

19h – Palestra “Os contratos bancários no atual cenário econômico brasileiro”

27/06

19h – Workshop “Animação de stop motion com massinhas”

19h – Curso “Desenho vetorial”

19h – Palestra” Entendendo o princípio da entidade”

19h- Curso “Avaliação antropométrica e aplicação na área da saúde”

19h – Workshop “Expressão gráfica”

28/6

15h – Workshop “Uso de drones em projetos de Engenharia e Arquitetura”

19h – Workshop “Elaboração de currículos”

19h – Curso “Avaliação e intervenção motora na infância”

19h – Curso “DME: Entenda a nova obrigação da Receita Federal”

19h – Curso “As interferências do exercício físico no sistema imunológico e neuroendócrino”

29/6

19h – Curso “Higiene do sono e posicionamento correto ao dormir”

19h – Curso “Promob”

19h30 – Palestra “Principais plantas e alimentos tóxicos para cães e gatos”

03/7

19h –Workshop “Apresentações profissionais sem ser designer”

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A Prefeitura de Florianópolis por meio da Comcap está instalando 50 novas papeleiras na área central da cidade. Para repor o mobiliário urbano de limpeza pública foram investidos R$ 7,2 mil, informa o presidente da autarquia, Carlos Alberto Martins. Esse equipamento serve ao microlixo, como papel de balas e bituca (há uma placa de metal na borda para apagar o cigarro). Garrafas d’água e outras embalagens de vidro, plástico ou mesmo papel, devem ser levadas para o domicílio e dispostas para a coleta seletiva da Comcap.

“O sujeito carrega uma garrafa cheia, aí quando ela está vazia, mais leve, quer abandoná-la na rua? Não, leva pra casa e encaminha à reciclagem. Precisamos de fato enxergar o lixo com outros olhos”, aconselha Carlão Martins. Ele lembra que a cidade mais limpa sempre é aquela que o cidadão menos suja.

O novo lote será dividido entre os calçadões e a Avenida Beira Mar Norte. Já está em andamento licitação para adquirir maior quantidade de papeleiras.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O cantor e compositor François Muleka, uma das revelações do cenário regional da música em Santa Catarina, faz apresentação gratuita no campus I da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), nesta quinta-feira, 21, às 12h, no bairro Itacorubi, em Florianópolis. O evento faz parte do projeto Misturada Musical, realizado pela Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Comunidade (Proex). O show, aberto ao público e com duração de uma hora, ocorrerá no hall das Artes Visuais.

Muleka, radicado em Florianópolis há mais de dez anos, é filho de africanos e suas canções têm influências da música brasileira, dos hits americanos e do ritmo tradicional africano.

Segundo o coordenador de Cultura da Udesc, Ivan Tonon, o repertório tem canções dos discos de François Muleka, com composições próprias e parcerias com nomes representantes da MPB, “O artista mescla influências nacionais e internacionais, mas ele tem uma interação muito importante com músicos radicados em Santa Catarina, como Alegre Corrêa e Guinha Ramire", afirma.

O Misturada Musical é resultado da parceria entre a Coordenadoria de Cultura da Udesc, vinculada à Proex, e o programa de extensão Udesc Musical, coordenado pelo professor João Titton, do Centro de Artes (Ceart). 

Integra também o projeto Festival Multicultural Udesc, previsto no Plano de Gestão 2016-2020, liderado pelo reitor Marcus Tomasi e pelo vice-reitor Leandro Zvirtes, com o objetivo de incentivar a pluralidade artística na universidade.

Sobre o artista

François Muleka é filho de congoleses e desde cedo conviveu com o universo do folclore, da pintura, música, danças e literaturas de várias regiões do Brasil e da África.

Nessa edição do Misturada, o artista irá apresentar canções dos discos Karibu (2013), Feijão e Sonho (2015), O Limbo da Cor (2016) e Fauno Aflora (2016) entre as quais figuram composições próprias e parcerias com nomes da MPB. Confira no link.

Serviço

O QUÊ: Misturada Musical da Udesc, com François Muleka.
QUANDO: Quinta-feira, 21, às 12h.
ONDE: Departamento de Artes Visuais, Campus I da Udesc, Avenida Madre Benvenuta, nº 2.007, Bairro Itacorubi, Florianópolis.
QUANTO: Evento gratuito e aberto ao público.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Coriza, espirro, tosse, são indícios de que as doenças respiratórias já estão por aí, causadas principalmente pelas baixas temperaturas e ar seco, normais da época de inverno. Mas a saúde dos olhos também corre riscos nesse período mais frio, por conta da Síndrome do Olho Seco.

O nome parece estranho, mas é exatamente isso, a doença ganha mais frequência no inverno e dificulta a lubrificação do olho. A síndrome do olho Seco é justamente uma alteração na produção da lágrima, que provoca ressecamento da superfície do olho, da córnea e da conjuntiva. O frio contribui para que isso aconteça, já que as baixas temperaturas causam uma evaporação excessiva da lágrima provocada por fatores relacionados ao ambiente, como clima seco, vento, fumaça e poluição.

Olhos vermelhos, coceira, ardência ou a sensação de areia nos olhos podem ser alguns sintomas. Se o caso se agravar sem acompanhamento de um oftalmologista, pode evoluir para lesões na córnea que comprometem a qualidade da visão temporária ou definitivamente.

Nessa época do ano também presenciamos o acúmulo de poeira, mofo e ácaros, que são fatores desencadeadores de uma outra doença comum o inverno, a conjuntivite alérgica.

Guardados por muito tempo os calçados, roupas e cobertores acumulam esses microrganismos e aumentam as chances de contato. A inflamação pode deixar os olhos vermelhos, inchados, ardentes e desconfortáveis, lacrimejados e com secreção, com uma desagradável sensação de areia nos olhos, com intolerância à luz e visão distorcida.

Mas é possível amenizar os riscos colocando as roupas e calçados ou objetos dos armários e expor ao sol. Uma atitude simples e que pode resultar positivamente, de acordo com o médico Ernani Garcia, diretor técnico do Hospital de Olhos de Florianópolis, é evitar levar as mãos aos olhos, afinal quase nunca estamos com as mãos higienizadas o suficiente. “São pequenas atitudes para serem observadas e que ajudam em muito a prevenir as alergias”.

Já para pacientes com a síndrome do Olho Seco, o oftalmologista faz um alerta: “Ao apresentar os sintomas, utilize uma lágrima artificial recomendada por profissionais, e busque logo um especialista, pois apesar de parecer algo simples, pode desencadear uma cegueira temporária e até definitiva”, explica.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O mês de junho chega trazendo a alegria das festas juninas. As escolas e Centros de Educação Infantil (CEIs) da rede municipal de São José não deixam essa tradição passar em branco, para a diversão das crianças e adolescentes. Bandeirinhas, balões e fogueiras dão vida às comemorações que envolvem flores, fitas nos cabelos, mensagens de amor e comidas típicas dessa época do ano. Para completar a celebração, alunos e professores se caracterizaram de forma especial para animar ainda mais a festa.

Um dos destaques são brincadeiras tradicionais, como o pau de fita e a pescaria, combinadas com a música e a dança da quadrilha, que marcam as comemorações da festa junina. Nas unidades, todos se envolvem nos detalhes que transformam os espaços em lindos arraiais. Crianças fantasiadas brincam e cantam as diversas cantigas conhecidas por gerações, além de elegerem a sinhazinha e o sinhozinho, símbolos da festa.

Animada com as comemorações, a diretora do Centro de Educação Infantil (CEI) Terezinha Maria Claudina dos Santos, Lúcia Maria Leopoldo, ficou feliz com o sucesso da festa que movimentou a unidade localizada no loteamento Vista Alegre, em Forquilhas, e que atende a 252 crianças.

A festa também chegou no Centro Educacional Municipal (CEM) Professora Maria Iracema Martins de Andrade, no bairro Ipiranga. A diretora Adriana Bernadete Pires conta que o pátio da escola ficou lotado. Os 698 alunos se uniram aos profissionais da escola, cantaram e aplaudiram os momentos únicos, para preservar a história cultural de um povo que possui raízes com a terra brasileira.

O colorido da decoração e dos trajes típicos da festa junina, assim como a animação fizeram parte da comemoração na Escola de Educação Básica Professora Palmira Lima Mambrini, em Barreiros, que possui 148 alunos no ensino fundamental. “A ideia para a nossa festa era fazer bem pequenina, porém com a ajuda dos pais, a festança ficou tão grandiosa que sentimos a necessidade de realizá-la no Salão da Igreja Nossa Senhora Aparecida”, comenta a diretora da unidade, Melissa Del Rei de Souza.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O Jornal Informe é uma rede de jornais de circulação em Caçador (sede) e Florianópolis 

Editor: Adriano Ribeiro
Telefone: (48) 3733-6977
Plantão: (48) 9922-8133
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.