Fone: (48) 3733-6977 | redacaofloripa@jornalinforme.com.br

 

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro é colunista do Informe e traz informações sobre os bastidores da política e cotidiano de Caçador e Floripa/São José.
Fones: Caçador (49) 8843-4213 - Florianópolis (48) 9922-8133

E-mail: redacaofloripa@jornalinforme.com.br

Twitter: @adrianoinforme

Chegou a vez de 19 pinguins-de-magalhães (Spheniscus magellanicus) voltarem ao habitat natural. Os animais foram soltos nesta segunda-feira (15), pela manhã, na Praia do Moçambique, após reabilitação no Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM), sob os cuidados da Associação R3 Animal através do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). Este é o segundo grupo de pinguins-de-magalhães que são soltos nesta temporada, a primeira soltura aconteceu no início de setembro. Naquela ocasião, haviam 34 pinguins em reabilitação, mas apenas 19 animais tinham condições de voltar para casa.

Todos os anos, desde o início do inverno, é comum essas aves aparecerem na nossa região. Elas saem de colônias na Patagônia, na Argentina, em busca de alimento acompanhando as correntes marítimas de água fria. Infelizmente, alguns não conseguem retornar às colônias de origem e são encontrados mortos em nosso litoral. Outros chegam às praias cansados, debilitados, desidratados, muitos com quadro de pneumonia, e necessitam de cuidados.

Nestes casos, os animais são resgatados pelas instituições que executam o PMP-BS e levados para Unidades de Estabilização, para depois serem transferidos para Centros de Reabilitação de Animais Marinhos, como é o caso do CePRAM.

Desses 19 pinguins, 15 vieram de instituições parceiras que também executam o PMP-BS: são quatro da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC/Laguna), sete foram resgatadas pela equipe da Universidade da Região de Joinville (Univille), dois pelo Instituto Australis/Projeto Baleia Franca, um da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e um do Instituto de Pesquisas Cananéia (IPeC) de São Paulo.   

“A vinda de um animal de outro estado para ser solto pela R3 Animal se justifica pelo fato de pinguins serem gregários (animais que vivem em bandos ou grupos) e o recomentado é que a soltura seja feita com no mínimo 10 indivíduos”, explica a médica veterinária, Marzia Antonelli.

Vão continuar em tratamento 22 pinguins, até que tenham condições de voltarem à natureza.

O CePRAM fica localizado no Parque Estadual do Rio Vermelho, unidade de conservação sob responsabilidade do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA-SC), em parceria com a Polícia Militar Ambiental.

Caso encontre um mamífero, tartaruga ou ave marinha morta ou debilitada, ligue 0800 642 3341.

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama. Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A partir da quinta-feira, 18 de outubro, às 19h, o Espaço 2 da Fundação Cultural Badesc, em Florianópolis, passa a ser chamado Espaço Paulo Gaiad, em homenagem ao artista que figura entre os mais importantes de Santa Catarina, falecido em outubro de 2016.  Para a cerimônia de inauguração será exibido um vídeo que integrou a exposição Impossibilias: arquivo e memória em Paulo Gaiad, duas obras inéditas do artista e a apresentação de uma série de imagens e textos que contam a trajetória do Espaço 2 desde a sua criação.

Impossibilias: arquivo e memória em Paulo Gaiad encerrou oito meses antes do desparecimento do artista, e foi uma das mais procuradas pelos visitantes durante seus três meses de funcionamento, a que reuniu o maior número de obras do artista, além de ter ocupado pela primeira vez todos os espaços do Casarão onde está instalada a Fundação.

De acordo com o diretor geral da Fundação Cultural Badesc, Eneléo Alcides, o Espaço que será rebatizado, ocupa a antiga sala da direção geral e em 2014, quando foi inaugurado, o nome foi escolhido para que fosse possível a construção de uma trajetória mais espontânea e livre para os artistas e suas obras. Tanto que a exposição de abertura não privilegiou um artista ou uma modalidade específica, mas uma coletiva que uniu artes visuais, música, moda, design e outras linguagens.

“Em seus quatro anos de atividades e dezenas de exposições de artistas de renome nacional e internacional, o Espaço 2 se consolidou como um dos mais importantes para as artes visuais no Estado. Recebeu exposições marcantes, como a última em vida de Paulo Gaiad”, destaca Eneléo.

Paulo Gaiad

Em 1972, o arquiteto, pintor, desenhista e gravador Paulo Renato Gaiad (Piracicaba (SP), 1953 – Florianópolis (SC), 2016) ingressou no curso de Arquitetura e Urbanismo na Universidade de Brasília (UnB). Dois anos depois, inicia curso de desenho na Pontifícia Universidade de Campinas (PUC/Campinas) e recebe bolsa de estudos para frequentar o curso de Planejamento Urbano da Universidade de Oslo (Noruega). Entre 1975 e 1977, estudou arquitetura em São Paulo e, em 1980, cursou desenho livre na Pinacoteca do Estado de São Paulo. Em 1981, fixa residência em Florianópolis, onde passou a trabalhar com arquitetura e artes plásticas. Participou de oficinas de litografia, estudo de modelo vivo e gravura em metal do Museu de Arte de Santa Catarina (Masc). Em 1984, ganhou a Bolsa de Multiplicadores Culturais do Instituto Goethe (Alemanha).

Sua primeira exposição foi realizada em 1987, no Ecco Club/Galeria Espaço de Arte, em Florianópolis. Em 1989, recebeu o prêmio Cubo de Prata da Bienal Internacional de Arquitetura, em Buenos Aires. Em 1993, realiza obras para a peça Prenome: Fausto, de Fábio Brüggemann (1962), com o Casa do Teatro Grupo Armação. Em 2006, participa do projeto Pinte um Futuro, liderado pela artista plástica holandesa Hetty van der Linden, que atua junto a comunidades que vivem em situação de risco.

De 2006 a 2010, Gaiad realizou diversas exposições individuais e coletivas em Santa Catarina, Paraná e São Paulo, além de fazer residências artísticas na França, Espanha, Holanda e Macedônia. Em 2010, participou do Ohrid Summer Festival, Ohrid, na Macedônia. 

A partir de 2015, o artista cumpriu agenda intensa de mostras em Florianópolis. Além da exposição Impossibilias: arquivo e memória em Paulo Gaiad na Fundação Cultural Badesc, também apresentou seu trabalho na mostra Anotações a Caminho, no Museu Victor Meirelles.

Em março de 2017, a Fundação Cultural Badesc, realizou uma homenagem a Gaiad. Amigos do artista e admiradores de sua obra apresentaram músicas, poesias, imagens e depoimentos e no Espaço Fernando Beck foi instalada a obra inédita em nós em nós, da séria Vestimentas em Nós, produzida em parceria com o artista Franzoi.  A programação na Fundação integra o ciclo de homenagens Notícias de Paulo, que foi realizado até maio nos museus Victor Meirelles, Escola Catarinense e de Arte de Santa Catarina.

Gaiad faleceu aos 63 anos. Seu trabalho como artista correu em paralelo a outras atividades e até mesmo a tragédias familiares, como a morte da primeira filha, ainda bebê, e do incêndio que destruiu a casa onde morava no Campeche. 

Serviço: Criação do Espaço Paulo Gaiad – com exposição e trajetória do Espaço 2

Data: 18 de outubro de 2018 – quinta-feira

Horário: 19h

Local: Fundação Cultural Badesc – Rua Visconde de Ouro Preto, 216, Centro – Florianópolis/SC.

Visitação até 14 de novembro, de terça a sábado, das 12 às 19h

Entrada gratuita

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Novos servidores efetivos foram empossados pela prefeita Adeliana Dal Pont, na última quinta-feira (11), para atuar na Secretaria Municipal de Saúde e na Secretaria Municipal de Assistência Social. A nomeação dos novos servidores, aprovados no concurso 003/2015 e 001/2016, faz parte do processo de fortalecimento do quadro efetivo da Prefeitura de São José que, somente neste ano, já nomeou mais 600 novos profissionais para compor a equipe.    

“Em tempos de crise, quando os municípios brasileiros passam por inúmeras dificuldades para efetivar novos servidores, em São José temos nos esforçado para continuar investindo na valorização dos servidores públicos e, principalmente, no fortalecimento do quadro efetivo para que o Município possa prestar um serviço cada vez mais eficiente à nossa população”, destacou a prefeita, ao lembrar que a Previdência Municipal e a folha de pagamento estão em dia.     

Adeliana oficializou a posse do médico da Família Armando Thiago Nomyama, da médica Pediatra Patrícia Medeiros Salles e da assistente social Mariana Mendes de Oliveira. A cerimônia de posse contou com a presença da secretária de Administração Vera de Andrade, do secretario adjunto de Saúde, Udo Hawerroth, da coordenadora do Creas Sede, Gabriella Dornelles, e demais servidores municipais. 

Mais servidores

No final do mês de setembro a prefeita também já havia dado posse às novas psicólogas e assistentes sociais para atuarem nos serviços continuados da Secretaria de Assistência Social.   

Naquela oportunidade, foram nomeadas as psicólogas e assistentes sociais aprovadas no edital 001/2016. Tomaram posse as psicólogas Mariana Moura dos Santos; Jule Nazário Mendes Minelli; Karolina Costa Raffs; Taina Baron Ludvig; Daniele Becker e as assistentes sociais Lais Santos Silva; Marla Sacco Martins; Rosana Vargas Fraga, e Jessica Bieger.   

De acordo com a secretária de Assistência Social, Rose Bartucheski, a chegada de novos servidores significa um reforço para a equipe, principalmente, para atendimento no segundo Centro de Referência Especializada em Assistência Social, o Creas Sede, inaugurado na última semana.

Para compor a equipe da Secretaria de Segurança, como agente de Defesa Civil, Adeliana também nomeou o servidor Marcelo da Silva Lopes, aprovado no concurso 001/2014.  “Contamos com a colaboração e a dedicação dos novos servidores para que, junto aos demais, formem uma equipe cada vez mais comprometida com o crescimento e o desenvolvimento de nossa cidade, tendo o comprometimento e a responsabilidade de prestar um serviço público de qualidade e promovendo o bem estar dos nossos cidadãos”, assinalou a prefeita Adeliana ao dar boas vindas ao grupo. 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Vigilância Sanitária, da Floram e do Programa Floripa se Liga na Rede, e a CASAN se unem para iniciar a partir desta terça-feira, dia 16, mais uma ação contra as ligações irregulares de esgoto em Florianópolis.

Desta vez a blitz da Operação Se Liga na Rede será realizada ao longo da Avenida Beira-Mar Norte e proximidades, onde a CASAN executa o Projeto de Balneabilidade a fim de melhorar a qualidade da água da Baía Norte.

Com técnicos das quatro equipes, a blitz se inicia às 8h da manhã. Imóveis com ligações inadequadas serão notificados com prazo para se regularizar. Conforme a irregularidade, os responsáveis pelo imóvel poderão ser multados em flagrante.

As blitze serão realizadas até o final do ano, geralmente às terças-feiras, em diferentes bairros, com cronograma que será divulgado com antecedência pelas Redes Sociais e pela imprensa.

Em paralelo, Prefeitura e CASAN dão seguimento ao Programa Se Liga na Rede, que tem o objetivo principal de regularizar as ligações de esgoto por onde passa e conscientizar a população sobre os danos que as ligações irregulares ou clandestinas causam à saúde, ao meio ambiente e à balneabilidade das praias.

No primeiro bairro em que o Se Liga na Rede permaneceu com ações durante o mês de setembro, o Bom Abrigo, no Continente, os números são alarmantes: 76% dos imóveis apresentaram pelo menos uma inadequação na instalação da rede de esgoto. A região continental da Capital tem praticamente 100% de cobertura de esgoto.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O trânsito na SC-405 deverá sofrer pequenas modificações a partir das 22 horas desta segunda-feira (15). As mudanças são necessárias para o início da construção da rampa de acesso do Elevado do Rio Tavares, que terá contenção tipo terra armada, sentido Sul da Ilha-viaduto.

Assim, os motoristas que transitarem pela região devem estar atentos às seguintes alterações: A faixa da SC-405 que vem do Sul da Ilha em direção à Lagoa da Conceição vai ser deslocada passando por trás do pilar do Elevado. Já esta mesma faixa, sentido Sul da Ilha-Centro será deslocada cerca de sete metros para a esquerda (consequentemente, a outra faixa da mesma pista, sentido Centro-Sul da Ilha sofrerá deslocamento semelhante, só que à direita), numa extensão de 150 metros a partir do viaduto.

Demais serviços da obra

Também nesta semana será finalizada a concretagem das barreiras de proteção da pista do Elevado, entre os pilares P4 e P12 (partes central e final do viaduto), concluindo toda a estrutura de concreto deste trecho. Feito isso, vai ficar faltando pavimentação asfáltica, iluminação e sinalização.

No mais, está sendo feito o escoramento em madeira da superestrutura, entre os pilares P1 e P4 (parte inicial) e, na SC-405, sentido Sul da Ilha-Lagoa da Conceição, o que está em execução é o desmonte de rocha para permitir o alargamento da pista.

Vale lembrar que todos os 12 pilares já foram edificados.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Formada em 1982 em New Jersey, a banda BON JOVI já vendeu mais de 130 milhões de cópias dos seus 14 álbuns e é recordista de público em suas turnês mundiais pelos cinco continentes e agora ganha sua mais importante homenagem na América Latina. Em Florianópolis, essa trajetória será lembrada através do Espetáculo “The Bon Jovi Acoustic Experience – With Fábio HZ”, que acontecerá no dia 19 de outubro, às 21h, no Teatro Pedro Ivo.

O espetáculo “The Bon Jovi Acoustic Experience” foi criado e é interpretado pelo guitarrista Fábio Hz, que descobriu seu amor pela música em 1995, quando aos 14 anos ganhou de presente o aclamado álbum “These Days”. Inspirado por JON e RICHIE, Fábio Hz tornou-se músico e hoje presta sua homenagem aos seus ídolos.

Com uma produção musical encorpada, a apresentação vai além do banquinho e violão, com arranjos, loops e efeitos musicais sofisticados, que garantem uma experiência mais ampla e rica ao ouvinte.

A novidade que destaca o espetáculo reside no formato intimista: conta apenas com o cantor no palco e por isso é dedicado aos predicados musicais de Jon e sua turma para além do apelo visual. Além das versões acústicas, Fábio HZ conta histórias e curiosidades sobre os ídolos que levarão o público a uma verdadeira imersão no universo Bon Jovi.

SERVIÇO:

Quando: dia 19 de outubro, às 21h

Local: Teatro Governador Pedro Ivo Campos Endereço: Rodovia SC 401, Km 15, n° 4600, Saco Grande - Saco Grande Florianópolis - SC, CEP88032-000

Músicas: Bon Jovi

Direção Artística: Fábio Hz

Produção Executiva: HZ

Produções Artísticas Produção Musical: Fábio Hz

Argumento: Fábio Hz

Elenco: Fábio Hz

Duração: 90 minutos.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O III Planeta.doc Conferência ocorre na próxima terça-feira, 16 de outubro, no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), das 13h às 22h. Ao todo serão apresentadas gratuitamente 35 palestras com pensadores, cineastas, cientistas, estudantes, profissionais e pesquisadores que trabalham com temáticas relacionadas ao meio-ambiente. Nesta edição serão destacados os projetos desenvolvidos em Florianópolis e iniciativas de proteção aos oceanos e mares. As inscrições para o evento estão abertas e podem ser feitas neste link.

As apresentações serão curtas e rápidas, seguindo o formato de TED Talks, onde o expositor fala em poucos minutos sobre seus projetos e ideias. Ao longo do evento, os participantes serão provocados a repensar seus hábitos e o papel da humanidade no destino do Planeta. Os eixos “A Voz é de Floripa” e “Oceanos e Mares” serão conduzidos por especialistas, que irão compartilhar histórias, vivências e reflexões. Entre os 35 conferencistas estão professores, representantes de ONGs e líderes de movimentos ambientais.

Um dos cases que serão apresentados é do projeto Udesc Lixo Zero. O coordenador Gustavo Kogure irá falar sobre os desafios de eliminar a produção de lixo na universidade, que na prática funciona como uma pequena cidade. A Udesc é a primeira do ensino superior do Brasil a ter essa meta e a integrar a Rede Internacional de Cooperação Acadêmica Lixo Zero. Já a estudante Isadora Abrantes Bertoli, irá falar sobre o projeto UFSC Sem Plástico, que busca eliminar o consumo do material na instituição.

O projeto Destino Certo para Resíduos Orgânicos também será apresentado pelo permacultor Eduardo Elias Rodrigues. O programa realiza anualmente a compostagem de mais de 100 toneladas de restos de alimentos coletados de restaurantes, escolas e residências no Sul da Ilha. Com a aprovação da Política Municipal de Agroecologia e Produção Orgânica (PMAPO) em 2018, a cidade de Florianópolis tem ampliado as ações para compostagem de alimentos, produção de adubos e alimentos sem agrotóxicos.

Outra iniciativa que tem ampliado a colaboração entre os moradores de Florianópolis é o Banco do Tempo, que será apresentado pela Geovana Narciso, cocriadora do projeto. Este trabalha com a cooperação e valores associados à proteção ambiental e da natureza, pelo qual os participantes trocam horas por serviços, substituindo a ideia de remuneração financeira. O conceito é conhecido e desenvolvido em vários países do mundo.

Um dos destaques ainda dessa edição do Planeta.doc Conferência, no eixo Oceanos e Mares, é o batismo do Veleiro ECO, que será realizado no dia 17 de outubro, no Trapiche da Beira-Mar Norte, às 10h, com a participação de todos os palestrantes do deste eixo e o reitor Ubaldo Cesar Balthazar. O Veleiro Eco é o primeiro veleiro de expedições oceanográficas e científicas do Brasil, desenvolvido pela UFSC.

Quem irá apresentar o projeto é o professor Orestes Alarcon, que irá contar os detalhes da iniciativa que prevê o monitoramento, a proteção e a sustentabilidade dos oceanos. No mesmo eixo, o docente e pesquisador Frederico Brandini da USP irá compartilhar suas experiências com as pesquisas e expedições oceanográficas realizadas na Antártica, ao longo da sua carreira.

A proposta do III Planeta.doc Conferência é “dar voz” e visibilidade aos projetos que já são realizados na cidade e no país, desde ações envolvendo a redução de lixo, hortas comunitárias, saneamento básico, até o resgate e proteção de animais. O Observatório de Inovação Social de Florianópolis, irá falar sobre as inúmeras iniciativas que têm feito da capital modelo de cultura sustentável no Brasil. Apesar disso, ainda existem vários desafios, como a proteção dos rios, mares e vegetações naturais da cidade, que serão abordados no evento.

A Conferência faz parte da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT/MCTIC) e da Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (Sepex/UFSC). O evento também é uma extensão de uma parceria realizada com o Projeto Tela Verde do Ministério do Meio Ambiente, que irá realizar o 5º Festival Internacional de Cinema Socioambiental Planeta.doc, entre os dias 22 de outubro a 15 de novembro de 2018, com a exibição de 70 filmes socioambientais em universidades brasileiras.

O III Planeta.doc Conferência está sendo realizado pela UFSC, o projeto Veleiro ECO e o Planeta.doc, com o patrocínio do Instituto de Meio Ambiente (IMA), apoio do Centro Sapiens, Costão do Santinho, UFSC e apoio institucional da Udesc.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

 

A CDL de Florianópolis, por meio dos Núcleos Norte da Ilha e Estratégias Empresariais, promove nesta quinta-feira (18), às 19h, no auditório da Softplan no Sapiens Parque, o evento “A tecnologia à frente das pequenas empresas. Mais visibilidade, mais vendas”. O encontro trará dois convidados experientes no assunto para auxiliar e esclarecer dúvidas dos empresários sobre marketing digital e e-commerce para o varejo.

Os convidados Diego Cordovez, cofundador da Meetime, e Richard Mendonça, cofundador da Creative Foundation, darão dicas de estratégias digitais e de como usar a tecnologia para impulsionar os negócios nas pequenas empresas.

Para tornar a palestra mais assertiva, os especialistas vão focar na disrupção do varejo, no comportamento do empreendedor e do consumidor, na desmistificação do comércio online e redes sociais como instrumento de marketing e vendas, no aproveitamento de conteúdos nas plataformas de blog, podcast e pesquisas e, principalmente, como aplicar conceitos inovadores no pequeno negócio.

De acordo com o coordenador-geral do Núcleo de Estratégias Empresariais, Mateus Bernardino, quando os canais de comunicação e vendas estão integrados, o alcance é mais assertivo. “É preciso atrair o consumidor pelas experiências de consumo e as redes sociais constroem esse relacionamento com o cliente, influenciando na decisão de compra”, ressalta Bernardino.

O evento é aberto ao público com vagas limitadas. Inscrição, clique aqui. Mais informações (48) 3229-7064 ou pelo e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. A entrada é gratuita* mediante a doação de dois quilos de alimentos não perecíveis que serão destinados ao Cantinho dos Idosos - localizado na rua Intendente Antônio Damasco, 679 - Ratones, Florianópolis/SC.

Convidados especiais

Diego Cordovez é cofundador da Meetime, empresa instalada no Sapiens Parque. Nos últimos 6 anos vem empreendendo em negócios que envolvem tecnologia da informação para marketing e venda digital.

Richard Mendonça é cofundador da Creative Foundation, graduado em contabilidade e pós-graduado em Commerce pela Griffith University Austrália, além de especialista em franquias pela Franchising University.

Serviço

Evento: Palestra sobre Marketing Digital, e-commerce e vendas pelas redes sociais;

Quando: 18/10/2018 – às 19h;

Onde: Auditório da Softplan | Sapiens Parque – localizado: Avenida Luiz Boiteux Piazza, 1.302 – Canasvieiras/Florianópolis;

Entrada: *Gratuita, mediante a doação de dois quilos de alimentos não perecíveis que serão destinados ao Cantinho dos idosos – localizado na rua Intendente Antônio Damasco, 679 - Ratones, Florianópolis/SC.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Criada em 2003, a Unique MCA Empreendimentos, dirigida pelos empresários Cláudia e André Araujo, é referência em empreendimentos de alto padrão em Florianópolis e está completando 15 anos. Com sede em Jurerê Internacional, uma das praias mais badaladas e comentadas do mundo, apresenta projetos exclusivos e inteligentes.

Segundo a Cláudia Araujo, sócia administradora da Unique MCA, a construtora tem como missão contribuir para o crescimento planejado e sustentável, oferecendo um toque diferenciado a cada empreendimento, afim de agregar tecnologia e inovação sempre em prol da qualidade de vida.

“Ao longo desses anos seguimos com o foco de construir de forma diferenciada, cuidando para se obter qualidade em cada detalhe.” Essas são características exclusivas e que diferenciam a Unique MCA no mercado”, destaca Cláudia.

A construtora busca unir a excelência em acabamento, engenharia, arquitetura e na construção civil.  Resultado disso são os empreendimentos já entregues e localizados em regiões nobres da cidade, no bairro Jurerê e Jurerê Internacional, Canasvieiras, no conhecido “Beco dos Milionários”, no Balneário do Estreito e no João Paulo. O Trésor Résidence, empreendimento em Jurerê Internacional está perto da praia e da natureza e conta com arquitetura sofisticada e infraestrutura otimizada; uma obra de alto padrão com espaços que realmente vão ser desfrutados pelos moradores.

A vocação para fazer bem feito sempre esteve presente na trajetória da construtora e não poderia deixar de comemorar essa data tão importante.  Para isso a Unique MCA resolveu proporcionar aos seus convidados, clientes e amigos um evento fechado com show do renomado músico João Bosco. A noite especial para comemorar os 15 anos será no dia 18 de outubro, no IL Campanario Villaggio Resort, em Jurerê Internacional.

 “Somos uma empresa familiar que busca proporcionar experiências e conexões verdadeiras. Por isso preparamos um evento especial para comemorar essa data”, completa Cláudia.

Empreendimentos entregues com o selo de qualidade Unique, em Florianópolis:

- Villa Cascaes, no bairro João Paulo;

- Sun Towers Residence, no bairro Balneário do Estreito;

- Trésor Résidence, no bairro Jurerê Internacional;

- Residencial Ilha das Galés – no bairro Jurerê;

- Residencial Acquare – no bairro Jurerê;

- Residencial Al Mare - no bairro Canasvieiras;

- Residencial Stella Maris – no bairro Jurerê Internacional;

- Soul Residence, em construção, no bairro Jurerê Internacional;

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A segunda etapa do Circuito Brasileiro de Windsurf Slalom foi encerrada neste domingo (14), em Florianópolis, com as vitórias do paulista Mateus Isaac, 24 anos, e da carioca Christina Mattoso Maia, 51, nas categorias geral masculino e feminino, respectivamente. Após dois dias de disputas intensas com a realização de quatro regatas, a Lagoa da Conceição amanheceu neste domingo com uma brisa leve, que não permitiu a realização das regatas com a participação dos melhores velejadores de windsurf do país.

“Pela manhã, chegamos a ter 14 nós de vento, mas em seguida diminuiu mais ainda, e as regatas só podem ser disputadas com o mínimo de 13 nós”, explicou o organizador do evento, Renato Hadlich, da ISSO Wind Extreme. Assim, valeram os resultados dos dois primeiros dias de competição. Na sexta (12), ventos do quadrante norte-nordeste variaram entre 14 a 20 nós permitindo a conclusão de uma regata, e no sábado (13), o vento Sul entrou com intensidade e algumas rajadas chegaram aos 30 nós, possibilitando a realização de três regatas.

Vencedor das quatro regatas, o paulista Matheus Isaac garantiu o título da etapa na classificação geral e na categoria sênior e mostrou porque atualmente ocupa a nona colocação do PWA Tour, o circuito mundial da modalidade. “Tinha essa pressão de ter ganhar, mas tenho treinado bastante e estou muito feliz de vencer esse campeonato, que foi muito bem organizado pela ISSO”, declarou Mateus, top 10 do mundo após disputar seis etapas do PWA Tour em 2018.

No feminino, a niteroiense Christina Mattoso Maia, vice-campeã na primeira etapa, festejou mais uma vitória na longa carreira, que já teve participações em três Olimpíadas . “Esse ano consegui treinar mais, estava bem preparada fisicamente. Acertei os tamanhos de prancha e vela e foi sensacional”, relatou Christina, que utilizou vela da ISSO Wind. Os catarinenses Wilhelm Schurmann e Murilo Carioni venceram nas categorias Master e Grande Master, respectivamente, enquanto a revelação Kalani Nue, 13 anos, conquistou o título na Júnior.

A segunda etapa do Brasileiro de Windsurf Slalom foi marcada pela organização e estrutura oferecida aos velejadores. “O campeonato foi muito bem organizado, o Renato (Hadlich), das velas ISSO, caprichou, e não é toda hora que temos essa estrutura à disposição. O pessoal de Santa Catarina está de parabéns”, afirmou o gaúcho Renato Pozolo, 63 anos, pioneiro do esporte no país.

A terceira e decisiva etapa do Brasileiro de Slalom ainda não tem local e data definida para realização. Mas, para 2019, a ISSO Wind Extreme já se colocou à disposição da Associação Brasileira de Windsurf para realizar um novo evento em 2019.

Apresentada por ISSO Wind Extreme e KEI Suzuki Veículos, a segunda etapa do Circuito Brasileiro de Windsurf Slalom é uma realização da Associação Catarinense de Windsurf e Prefeitura Municipal de Florianópolis. A organização é da Associação Catarinense de Windsurf, com supervisão da ABW (Associação Brasileira de Windsurf), CBVela ( Confederação Brasileira de Vela) e FEISC (Federação de Iatismo do Estado de Santa Catarina). Guarderia:  Ventuus, Wind Sup Floripa e Windcenter. Apoio: Sail Master, Alenáutica, Bodyaction Sport Nutrition e Wind House e ABWS (Associação Brasileira de Windsurf Slalom).

RESULTADOS DA SEGUNDA ETAPA DO BRASILEIRO DE SLALOM:

GERAL

1- Mateus Isaac SP

2 - Wilhelm Schurmann  SC

3 - Mathias Pinheiro CE

4 - Ricardo Winicki RJ

5  - Luca Pascolato SP

JÚNIOR:

1 Kalani Nue RJ

2 - Guilherme Munhoz SP

3 - Gabriel Munhoz SP

FEMININO:

Christina Maia RJ

Alessandra Aragão RJ

Mônica Veras CE

GRAND MASTER

Murilo Carioni SC

Guto Brito RJ

Carlos Alberto “Anjinho” Isaac SP

MASTER

1 - Wilhelm Schurmann SC

2 - Mathias Pinheiro CE

3 - Ricardo “Bimba”Winicki RJ

SENIOR

1 - Mateus Isaac SP

2 - Lucas Trindade SP

3 - Luiz Santi SP

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O Jornal Informe é uma rede de jornais de circulação em Caçador (sede) e Florianópolis 

Editor: Adriano Ribeiro
Telefone: (48) 3733-6977
Plantão: (48) 9922-8133
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.