Fone: (48) 3733-6977 | redacaofloripa@jornalinforme.com.br

 

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro

Adriano Ribeiro é colunista do Informe e traz informações sobre os bastidores da política e cotidiano de Caçador e Floripa/São José.
Fones: Caçador (49) 8843-4213 - Florianópolis (48) 9922-8133

E-mail: redacaofloripa@jornalinforme.com.br

Twitter: @adrianoinforme

Na tarde desta quinta-feira (11) foi realizado o primeiro sorteio do programa Nota Fiscal Palhocense, que oferece benefícios como prêmios, descontos no IPTU e investimento no Fundo Municipal de Inovação por meio da nota fiscal por serviços utilizados dentro do município. Todo processo foi transmitido ao vivo pela página oficial da Prefeitura no Facebook e baseada no último sorteio da Loteria Federal, realizado nesta quarta-feira (10).

Os contemplados foram os munícipes Geovani José Ghizoni, Graziela Nazare Nunis, Michelle Mitie dos Santos Inamassu, Sheila Pacheco Nogueira Saraiva e Ilza Maria Cardoso. Os três primeiros sorteados receberam um aparelho televisor com tecnologia LED de 42” cada, e os últimos dois um tablet e um smartphone, respectivamente.

Para participar, o cidadão precisa se cadastrar pelo site oficial da prefeitura, no link ‘Nota Fiscal Palhocense’. É também por meio do site que as pessoas vão poder optar entre o sorteio de prêmios e o desconto do IPTU, além de acompanhar os bilhetes gerados e os resultados. Cada nota gera um bilhete eletrônico numerado, que vale para um único sorteio. São 14 prêmios no total com base em sorteios da Loteria Federal e o último está previsto para 14 de dezembro, quando serão sorteados mais nove prêmios, entre eles três motocicletas 125 CC 0 km.

O programa, inédito em Santa Catarina e lançado em julho pelo prefeito Camilo Martins, prevê um incremento de arrecadação de até 20%, o que consequentemente acarreta em mais obras e investimentos no município. "Esse programa beneficia o município, o contribuinte e as empresas", disse o prefeito.

"As pessoas tem que criar o hábito de pedir a nota fiscal dos serviços consumidos e, para participar do programa, necessitam efetuar o cadastro no site oficial  da Prefeitura. Ele é feito apenas uma vez, depois é só pedir para incluir o CPF nas notas que o munícipe já estará participando automaticamente do próximo sorteio", enfatiza a secretária municipal de Administração, Cristina Schwinden Schmidt. “Quem já possui créditos precisa se cadastrar para poder participar do programa e quem já tem cadastro no Portal do Cidadão, necessita fazer o login e escolher qual benefício deseja usufruir", acrescenta.

Para gerar créditos, é preciso pedir a inserção do CPF na nota fiscal de qualquer serviço como: cabeleireiro, mecânico, técnico de computador, encanador, corretor, veterinário e outros.

Mais informações estão disponíveis no Decreto Municipal n° 2.351 e 2.400/2018 que podem ser consultados no Portal de Leis Municipais. Vale ressaltar que, nos termos da Lei Complementar nº 110/ 2011, ficam obrigadas à emissão de Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) todas as pessoas físicas ou jurídicas que desenvolvam atividade econômica em Palhoça.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A inteligência artificial e os impactos no mercado de trabalho. Este será o tema da primeira audiência pública regional do Comitê de Estudos Avançados sobre o Futuro do Trabalho, que será realizada no dia 16 de outubro, a partir das 14h, em Florianópolis, no auditório da sede da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc).

O ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, fará a abertura do encontro, juntamente com o presidente da Fiesc, Mário César de Aguiar, e do superintendente regional do Trabalho de Santa Catarina, Cley Capistrano de Lima. A cidade foi escolhida para sediar o encontro por ser um importante polo de informática e tecnologia do país.

A audiência contará com a participação de representantes de instituições do setor industrial, dos sindicatos, de universidades e do Poder Judiciário. “A ideia é colhermos subsídios de profissionais dos setores privado e público e de instituições regionais para chegarmos a um diagnóstico efetivo e, principalmente, consolidarmos sugestões para enfrentarmos a questão das novas tecnologias no mercado de trabalho”, explica o coordenador do Comitê, Mário Magalhães.

As próximas audiências públicas serão realizadas em São Paulo (25/10) e Recife (6/11), ocasiões em que serão debatidos os impactos da Indústria 4.0 e da economia compartilhada no futuro do trabalho. Paralelamente aos encontros estaduais, o Ministério do Trabalho também está realizando as reuniões do Comitê de Estudos Avançados sobre o Futuro do Trabalho,. em Brasília. A terceira reunião está agenda para 30 de outubro.

Proteção do trabalho – O Comitê de Estudos Avançados sobre o Futuro do Trabalho reúne representantes do governo, do Judiciário, do meio acadêmico, de entidades de classe e sindicais (de empregados e empregadores). Tem a missão de discutir e propor formas de proteção ao emprego diante do avanço da automação. 

As contribuições da sociedade brasileira também são recebidas pelo Ministério do Trabalho por meio de consulta pública (Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.). Inicialmente, foram selecionados três assuntos para serem respondidos: presença das novas tecnologias nas atividades econômicas, impacto dessas tecnologias no mercado de trabalho e políticas públicas que promovam a inclusão de trabalhadores no processo de transformação.

As propostas serão analisadas pelo comitê, e o resultado será compilado para discussão no Conselho Nacional do Trabalho (CNT). A expectativa é de que o relatório final com os estudos e proposições do grupo seja apresentado dia 23 de novembro.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

É comum encontrarmos cães e gatos em situação de rua, muitas vezes abandonados, doentes e famintos. E um dos principais fatores que contribui para o aumento desta população, neste estado, é a falta de controle de natalidade destes animais. Para reverter parte desta situação, a médica veterinária, Dra. Katia Chubaci, estará no bairro Campeche neste sábado (13), a partir das 8hs, para realizar um mutirão de castração dos animais da região, com preço social.

A castração é uma questão de saúde pública. De acordo com a Dra. Katia, a prática traz uma série de benefícios para os animais. “Nas fêmeas, reduz em 90% a incidência de câncer de mama, de ovários e útero. Além de Tumor Venéreo Transmissível (TVT), Piometra (infecção no útero), etc. Nos machos, previne o câncer de próstata, de testículo. Reduz os hormônios masculinos, tornando-os menos briguentos por território e disputa pelas fêmeas. Ajuda a reduzir fugas, além de deixar a urina com menos cheiro. Ou seja, a castração é só benéfica na vida deles. Animais castrados são mais saudáveis e conseguem atingir uma vida de qualidade mais longa”, defende a veterinária.

As cirurgias serão realizadas na Lagoa da Chica, no Castrabus – uma clínica móvel, totalmente equipada – que estará à disposição dos moradores a partir das 8hs. Os animais deverão estar em jejum de 8 horas. O valor será cobrado no dia, no valor de R$100,00 para cães e gatos até 15kg e R$150,00, acima deste peso. Os valores podem exceder, com a medicação e malha pós-cirúrgica.

Para este mutirão, a veterinária irá disponibilizar cinco castrações gratuitas para famílias carentes e sugere que as pessoas se sensibilizem e apoiem com doações. “Caso alguém tenha interesse em ‘apadrinhar’ outras castrações pode entrar em contato com a Clínica Chubaci, porque assim, poderemos ajudar mais os pets das pessoas da comunidade”, explica.

De acordo com a American Human Society, um casal de cães ou gatos, podem gerar em cinco anos, em sucessivas gerações 12.680 animais, considerando 2 crias por ano, de 2  a 8 filhotes. Com base neste cálculo, a estimativa é que, com a castração de 30 animais neste sábado, cerca de 360 animais deixarão de nascer em apenas um ano.

Os interessados em esterilizar seus pets e que não dispõem de meio de transporte para levá-los até o Castramóvel, poderá contar com  o Uber Pet, que estará disponível no local, durante todo o período do mutirão.

A ação na Lagoa da Chica também contará com a presença de alguns animais da Diretoria do Bem-Estar Animal, que estarão disponíveis para adoção.

Sobre Dra. Katia Chubaci

Veterinária há mais de 20 anos, sempre focou no macro problema que representa os animais abandonados e negligenciados. Foi pioneira na Medicina Veterinária do Coletivo na Capital e no Estado. Foi a 1a veterinária a realizar mutirões de castração a preço social nas cidades catarinenses. Foram mais de 50 municípios beneficiados e mais de 80 mil animais castrados.

Em 2018 foi convidada a representar o Brasil na 9ª Maratona Internacional de Castração, no México, compondo uma equipe de 25 médicos veterinários de vários países e trazendo reconhecimento internacional para seu trabalho. Apenas ela e uma colega de profissão, de Minas Gerais, a representar o Brasil neste evento que corresponde ao programa "Médicos Sem Fronteiras".

Serviço:

O quê: mutirão de castração no bairro Campeche / Florianópolis

Onde: no Castrabus que estará estacionado na região da Lagoa da Chica

Quando: sábado, 13 de outubro, às 8hs

Como: As castrações serão realizadas no Castrabus, a preço social, apartir de R$100,00. A ação contará com um um Pet Uber, que estará à disposição para transportar os animais.

Informações: sobre o mutirão - telefone 48. 9850.0076. Para o transporte Pet Uber – telefone 998487380

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

No próximo sábado (13/10), para celebrar o Dia das Crianças, o curso de Jogos Digitais da Faculdade de Tecnologia Nova Palhoça realiza um evento especial e gratuito: o Fatenp4Kids. “Será uma atividade lúdica e interativa que terá como resultado final a produção de um jogo de corrida espacial criado pelos participantes”, explica João Godoy, coordenador do curso.

A partir das 15h, na Livrarias Catarinense, do Continente Shopping, em São José, o processo de criação terá início com a hora do conto com tema espacial. A contadora de histórias Adriana Foster vai desenvolver uma narrativa inédita para a ocasião. Após, os participantes irão utilizar a criatividade para desenhar espaçonaves com material disponibilizado pelos organizadores. “Para completar, todas as naves desenhadas serão transportadas para um game de corrida espacial, que poderá ser jogado ali mesmo ou em casa, pois estará disponível online”.

SERVIÇO

O quê: Fatenp4Kids, evento da Fatenp para comemorar o Dia das Crianças.

Quando: 13/10, sábado, a partir das 15h

Onde: Livrarias Catarinense do Continente Shopping, Rodovia BR 101 - KM 210 - Distrito Industrial, São José.

Quanto: Gratuito

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Durante 3 dias poetas, terapeutas, músicos, artistas e diversas pessoas que oferecem seu Serviço às Artes da Deusa se reunirão para compartilhar saberes e espalhar a magia, na Ilha da Magia. Trata-se do evento chamado: Festival da Deusa que acontece dias 2, 3 e 4 de novembro. 

Temas relacionados aos arquétipos e às divindades femininas trazidos em forma de livros, com a presença de Bianca Furtado, escritora dos Livros Brumas da Ilha e Filhas da Lua; na forma de rituais com Rosângela Carneiro apresentando a Roda do Ano da Ilha de Santa Catarina e o Rito da Menarca, na qual celebra-se a passagem do arquétipo da menina para a donzela; em forma de oficina de tambor com Fabian Saccomori convidando a confeccionar esse instrumento ancestral de poder, assim como vivências, danças, conversas, yoga e muita troca.

Fazendo a ponte entre as Ilhas, a sacerdotisa de Avalon e Rhiannon, Luíza Frazão apresentará o curso de formação Magna Mater através da representante Yasmin Meera, que também conduzirá a celebração de Samhain.

Serão oferecidos workshops abertos e outros que necessitam de inscrição prévia. O Festival da Deusa é uma oportunidade de vivenciar a Magia manifestada em cada fase da vida em União com a Natureza.

 

SERVIÇO

O que: FESTIVAL DA DEUSA

Quando: 2, 3 e 4 de novembro de 2018

Onde: Camping Parque do Rio Vermelho

Horário: 10h às 18h

Investimento:

  • Entrada do Festival: R$20 / dia
  • Entrada Camping Parque do Rio Vermelho: R$10
  • TOTAL: R$30/por dia

Como participar do festival

Pagando a entrada já estará participando no salão principal das vivências, palestras e workshop 

Como participar das oficinas fechadas

Se inscrevendo pela pagina-·     Facebook: Festival da Deusa

Programação e outras informações:

  • Facebook: Festival da Deusa
  • Instagram: festivaldadeusa

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O dia começou animado nesta quinta-feira (11) no Centro de Educação Infantil (CEI) São Judas Tadeu. No local, atividades lúdicas e dinâmicas variadas foram colocadas em prática. As crianças curtiram um dia de muita diversão, com lanches, brincadeiras e músicas. Com a ajuda das famílias, os profissionais do CEI anteciparam o Dia das Crianças e organizaram uma semana repleta de atividades, finalizando com a festa.

No decorrer da semana as crianças participaram de um passeio ao Bosque Pedro Medeiros, tiveram sessão de cinema, pipoca, algodão-doce, oficinas, teatro e apresentações, com participação de pais e professores. A diretora do CEI, Lúcia Gerber, explica que esse tipo de ação visa promover, além da interação das crianças, a integração das famílias e da comunidade com a instituição. “O convívio com outras pessoas é fundamental, pois ele proporciona a aprendizagem da diversidade, como também o aprendizado de regras sociais e de convivência”, pontua Lúcia.

Para a diretora, a criança tem que curtir a infância da forma mais intensa possível. “Precisamos dar a elas a oportunidade de brincar, de correr, de pular, de dançar e principalmente de sorrir. Afinal, é nessa fase que se constrói a personalidade, as memoráveis lembranças e os aprendizados”, destaca.

A primeira infância é uma fase muito importante, pois é a base para o desenvolvimento do indivíduo como um todo. Neste contexto, a Educação Infantil pode ensinar a criança a construir e interiorizar regras, saber compartilhar, aprender a lidar com as frustrações, conquistar autonomia, ser autoconfiante, desenvolver a coordenação motora e ser protagonista da sua história. Por isso, o espaço escolar deve oferecer condições, meios e oportunidades para que a criança utilize seus conhecimentos prévios e construa novas aprendizagens.

“Quando se é educador, Dia das Crianças são todos os dias”, assinala a secretária de Educação, Lílian Sandin Boeing. “Nossa preocupação principal é torná-las felizes, capazes de enfrentar as dificuldades que ao caminhar encontramos. Nosso compromisso é deixar um legado de percepções, ensinando-as a pensar e apreender as coisas boas, valores que não serão esquecidos”, reforça a secretária.

A criança aprende com os desafios lúdicos, traduzidos em brincadeiras, em um ambiente atrativo e organizado. Ao ser desafiada, ela adquire novas formas de pensar, provocando a imaginação, o desenvolvimento a sensibilidade e a construção do conhecimento.

“Alimentar a felicidade está no cardápio oferecido dia após dia para as crianças que frequentam nossas unidades de ensino”, diz a diretora de Ensino da Secretaria de Educação, Cláudia Regina Macário. “Agora, fora do espaço escolar, encontramos praças limpas e cheias de sombra, a revitalização da área de lazer no Bairro Bela Vista, a entrega da Praça CEU no Bairro Ipiranga e tantas outras que estão espalhadas pelo município para que as famílias possam utilizá-las. São compromissos que enfatizam a alegria das nossas crianças, afinal, esses espaços também são para elas”, completa Cláudia.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

A rede solidária da Prefeitura de Florianópolis, Somar Floripa, promoveu atividades em comemoração ao Dia das Crianças nesta quarta e quinta-feira. A rede coordenou a revitalização do muro do novo playground da Praça do Santinho, nos Ingleses, e entregou brinquedos doados pela Associação do Camelódromo para as crianças da Escola Comunitária da Lagoa do Peri.

A ação proposta pela Somar Floripa na revitalização do muro incluiu pintura artística com desenhos que lembram o fundo do mar, feitas pelos artistas Daniel Goes e Sérgio Murilo, voluntários da Casa da Liberdade, e Izabel dos Santos, coordenadora da instituição.O toque final ficou por conta das crianças do Núcleo de Ensino Infantil Luiz Paulo da Silva, que nesta quarta-feira, 10, carimbaram com suas mãozinhas, uma parte do muro especialmente reservada para elas.

Na quinta-feira, 11, foi a vez dos pequenos da Escola Comunitária da Lagoa do Peri receberem presentes. A rede solidária participou das comemorações e entregou brinquedos doados pela Associação do Camelódromo de Florianópolis.“Um dos propósitos da nossa rede solidária é justamente, a promoção da integração entre a prefeitura e a comunidade. Não existe solidariedade sem união entre os setores da sociedade”, afirma a presidente da Somar Floripa, Cintia de Queiroz Loureiro.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Uma exposição de fotografias feitas por crianças. Uma campanha de sonhos. Uma manifestação a favor do uso de bicicletas. A confeção de um fanzine . Estudos sobre o sistema solar. Os cinco vencedores do Prêmio Professor Nota 10 foram divulgados pela Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis.
Foram escolhidos Ana Letícia, do Núcleo de Educação Infantil Municipal Orlandina Cordeiro (Saco Grande); Janete Elenice Jorge, da Educação de Jovens, Adultos e Idosos – EJA Sul I (Costeira do Pirajubaé); Ana Destri, do Núcleo de Educação Infantil Municipal Nagib Jabor (Estreito), Julisse Oker Savi da Silva, da Escola Básica Municipal João Gonçalves Pinheiro (Rio Tavares); e Bruno Simões, da Escola Básica Municipal Aricomedes da Silva (Cachoeira do Bom Jesus).
Em sua sétima edição, a premiação consiste na seleção de experiências pedagógicas desenvolvidas durante o ano letivo por professores em exercício na rede municipal ou instituições conveniadas.

Para o secretário de Educação de Florianópolis Maurício Fernandes Pereira, ações inovadoras, criativas e transformadoras tornam o exercício do magistério ainda mais especial. “O Prêmio Professor Nota 10 visa reconhecer e dar visibilidade aos profissionais da nossa rede de ensino, que nos inspiram e nos incentivam diariamente”, acrescenta.

Premiação

Os vencedores serão premiados em uma solenidade na Câmara de Vereadores de Florianópolis, parceira da prefeitura no projeto. Na ocasião, ocorrerá a entrega de medalhas e diplomas.

Fotógrafos mirins

A professora Ana Letícia Ladik, do Núcleo de Educação Infantil Municipal (Neim) Orlandina Cordeiro, no Saco Grande, desenvolveu o projeto “Com os olhos de criança”. O objetivo era a imersão das crianças como sujeitos ativos e participantes do processo educativo através da fotografia.

Foi disponibilizada para cada criança do grupo de cinco anos uma câmera, para que elas fotografassem a rotina diária da unidade educativa. O resultado foi uma exposição fotográfica onde os pequenos puderam prestigiar as próprias criações.

Qual é o seu sonho?

A “Campanha para sonhar” surgiu no Núcleo EJA Sul I, na Costeira do Pirajubaé, como tentativa de estimular os estudantes da turma de alfabetização da Educação de Jovens, Adultos e Idosos a pensar sobre seus desejos e suas expectativas diante de uma realidade social que se apresenta cada vez mais fria e desigual.

Desenvolvido por Janete Elenice Jorge, após a exibição e discussão sobre o curta-metragem “Severinas”, os estudantes produziram cartazes expondo seus sonhos, que foram fotografados e exibidos em uma campanha na página do facebook da EJA Sul I.

Entre os sonhos estão fazer uma faculdade, morar num sítio, ter uma casa própria e ser mãe.

Mobilidade urbana

Ana Maria Nascimento Destri foi a responsável pelo “Ressignificando o Dia da Rodinha – massinha crítica em formação” no Neim Nagib Jabor. A unidade, localizada no Estreito, já realizava o Dia da Rodinha, quando os pequenos brincavam com bicicletas, patinetes e skates.

A proposta da professora foi ressignificar essa iniciativa, levando as crianças para a fila da Avenida Ivo Silveira, nos arredores do núcleo de educação, no Dia Mundial Sem Carro. Lá, manifestaram-se com cartazes, apitos, música e os gritos de paz “mais amor, menos motor” e “mais bicicletas, menos carros”. O objetivo foi sensibilizar os motoristas sobre o uso consciente do carro.

Fanzines

O professor de geografia Bruno Simões Friestino, da Escola Básica Municipal Intendente Aricomedes da Silva, na Cachoeira do Bom Jesus, criou o “Projeto Fanzine”. Fanzines são pequenas revistas confeccionadas artesanalmente e de forma independente e autoral, com baixo custo e de fácil reprodução.

Os estudantes produziram as revistas, ligando os assuntos escolhidos à disciplina de geografia, de forma a conhecer o mundo, suas diferentes culturas, além dos impactos e problemas que a humanidade provoca no planeta. Foram mobilizados diversos recursos, com diferentes materiais como recorte, colagem, desenho e escrita.

O projeto também teve participação efetiva das professoras da educação especial, em sistema de trabalho colaborativo para poder contemplar a diversidade dos estudantes.

O sistema solar

Aprofundar os conhecimentos dos estudantes sobre o sistema solar, desde o Big Bang até as descobertas atuais. A professora Julisse Oker Savi da Silva, da Escola Básica Municipal João Gonçalves Pinheiro, no Rio Tavares, desenvolveu com os estudantes do quinto ano o projeto “Sistema solar”.

O objetivo era construir um sistema solar em escala, utilizando os conceitos matemáticos de medidas, escalas, raio, circunferência e número PI.

Os estudantes começaram montando o Sol, utilizando folhas de revistas, cartolinas e cola. A partir dele, desenvolveram cálculos para descobrir os diâmetros, raios e circunferências que precisariam para construir os planetas. Depois, os planetas foram confeccionados utilizando objetos redondos que os estudantes levaram para a sala de aula.

O trabalho foi apresentado nas Feiras de Matemática e Ciências de Florianópolis.

LEGENDA: Julisse Oker Savi as Silva - EBM João Gonçalves Pinheiro - Sistema Solar

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

Nesta quinta-feira, 11, a Câmara Municipal de São José sediou palestra sobre conscientização e prevenção ao câncer de mama, ministrada pela enfermeira da Secretaria de Saúde de São José, Kellen Cristina Silva, e pelos alunos do curso de enfermagem da Faculdade Anhanguera.

A palestra alertou sobre a importância do diagnóstico precoce, sendo destacada pelo o presidente da Câmara, vereador Orvino Coelho de Ávila."É fundamental que essas ações sejam cada vez mais frequentes para que possamos reduzir os índices da doença", disse.

Durante o evento, foi explicado aos presentes como o câncer se desenvolve e que exames podem detectá-lo ainda no início. Os palestrantes abordaram ainda a questão psicológica que envolve pacientes, familiares e amigos.

Câncer de Mama

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos. Para o Brasil, estimam-se 59.700 casos novos de câncer de mama, para cada ano do biênio 2018-2019, com um risco estimado de 56,33 casos a cada 100 mil mulheres. Sem considerar os tumores de pele não melanoma, esse tipo de câncer também é o primeiro mais frequente nas mulheres das Regiões Sul (73,07/100 mil), Sudeste (69,50/100 mil), Centro-Oeste (51,96/100 mil) e Nordeste (40,36/100 mil). Na Região Norte, é o segundo tumor mais incidente (19,21/100 mil).

 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

 

A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Comcap, informa que neste feriado de 12 de outubro será mantida a coleta de resíduos sólidos em ruas gerais de bairros, pontos comerciais e balneários de Florianópolis. A operação, explica o gerente do Departamento de Coleta, Adriano Marques, foi projetada de modo que metade do efetivo consiga atender 70% dos roteiros de coleta que usualmente seriam feitos numa sexta-feira.

A operação especial de coleta ocorrerá em razão do feriado e da movimentação de turistas. Às segundas-feiras, normalmente há um acréscimo de 30% na geração de resíduos de modo que, sem a coleta na sexta, muitos domicílios teriam resíduos acumulados no início da semana que vem.

Nesta sexta, portanto, serão feitos os seguintes roteiros de coleta:

Manhã, a partir das 7h
Morro das Pedras, Armação, Pântano do Sul e Rio Tavares
Centrinho da Lagoa, Rendeiras, Joaquina, Canto dos Araçás, Praia Mole, Fortaleza e Barra da Lagoa
Parte comercial de Santo Antônio e Sambaqui
Canasvieiras e gerais dos Ingleses e Santinho

Tarde, a partir das 14h
Sítio Capivari de Cima e de Baixo
Cachoeira do Bom Jesus
Praia Brava

No sábado e no domingo a coleta será feita normalmente.
A coleta seletiva excepcionalmente não ocorrerá nesta sexta. O usuário deve reservar os materiais recicláveis para a coleta seguinte ou entregar nos pontos de entrega voluntária (PEVs) e Ecopontos oferecidos pela Comcap.

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK: INFORME FLORIPA

O Jornal Informe é uma rede de jornais de circulação em Caçador (sede) e Florianópolis 

Editor: Adriano Ribeiro
Telefone: (48) 3733-6977
Plantão: (48) 9922-8133
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.