Fone: (48) 3733-6977 | redacaofloripa@jornalinforme.com.br

 

Darilson Barbosa

Darilson Barbosa

Repórter do Jornal Informe

O Codecen realizou na noite desta quarta-feira (19) a sua 23ª reunião ordinária, na sede do Sebrae, no Centro, debatendo o andamento do Projeto de Lei de Politica Participativa (PL 17.536/2018) na Comissão de Constituição e Justiça, e ações por meio do Codecen em agosto.

Codecen

Presente na reunião ordinária o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, a presidente do Codecen, Rose Macedo Coelho, a vice-presidente do Codeli, Cibelli Skalski e também os conselheiros, intendentes e voluntários do Codecon debatendo ações.

Comunidades

Cibele Skalski, vice-presidente do Codeli, falou sobre a importância do Projeto. “O projeto de lei 17.536/2018 tem como objetivo principal destinar 5% do IPTU arrecado no perímetro urbano de cada região em ações, demandas e projetos sociais comunitários em Florianópolis”.

Debate

Milton Weber Filho, superintendente-comunitário, falou sobre o debate na próxima segunda. “Os Conselhos de Desenvolvimento Regionais realizarão no dia 24 de setembro a apresentação do projeto de lei comunitário estadual aos candidatos ao Governo de Santa Catarina”

Diligência

Milton Weber Filho, superintendente-comunitário, explicou que o projeto de lei comunitário (PL 17.536/2018) está sendo estudado pelos vereadores e que o projeto ainda não avançou para a próxima Comissão porque a comissão Constituição e Justiça não relatou o parecer final.

Fotos

Angélica Schumann, secretária do Codecen, exibiu algumas fotos da Campanha de Promoção do Projeto de Política Participativa, desde a entrega do projeto ao prefeito de Florianópolis no dia 13 de março até a entrega do projeto aos vereadores no dia 11 de junho e a tramitação.

Implementação

Rose Macedo, presidente do Codecen, fez um relato sobre a trajetória  do Projeto de Lei de Política Participativa, desde a apresentação do projeto de lei aos candidatos a Prefeitura de Florianópolis em 2016 até a entrega do projeto pelo prefeito aos vereadores em 11 de junho.

Informativo

Karina Miek, empresária-voluntária que atua promovendo as ações dos Conselhos Regionais falou sobre o Boletim Mensal dos Conselhos. “O Boletim comunica a sociedade civil os administradores as ações e demandas resolvida por meio dos cinco Conselhos Regionais”.

Largo

Rose Macedo Coelho, presidente do Codecen, falou que foi realizada uma reunião extraordinária com feirantes do Largo da Alfândega que concentrarão suas atividades de comércio na Praça Fernando Machado, no período de reformas no Largo da Alfândega.

Lideranças

Milton Weber Filho, superintendente-comunitário, explicou que os presidentes e lideres comunitários ligados aos Conselhos estão realizando visitas as 300 entidades que compõem os conselhos gravando vídeos no sentido de dialogar a essência e importância do projeto de lei.

Ofícios

Rose Macedo Coelho, presidente do Codecen realizou a votação de alguns ofícios, que serão encaminhados a Floram, no sentido de readequar o espaço da Rua Vidal Ramos, com melhoria nos jardins, calcamento e iluminação pública e também em outros logradouros no Centro.

Percentual

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou que o projeto foi dialogado em 2016 com entidades e conselhos para saber qual o percentual do IPTU que não geraria impacto no orçamento do município,  para ser investido em ações, demandas e projetos comunitários.

Política

Milton Weber Filho, superintendente-comunitário, falou sobre a importância do projeto. “O projeto de lei 17.536/2018 tem como objetivo destinar 5% do IPTU arrecadado nas cinco regiões em ações demandas e projetos que são debatidos pela socidade civil nas reuniões”

Redação

Milton Weber Filho, superintendente-comunitário, explicou que o projeto de lei comunitário foi redigido em conjunto por pessoas que atuam nos cinco Conselhos de Desenvolvimento Regionais em 2016 e desde então estão batalhando pela consolidação do projeto de lei.

Trâmite

Rose Macedo Coelho, presidente do Codecen falou sobre o trâmite do Projeto de Lei 17.536/2018 na Câmara. “A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Vereadores se reunirá na próxima segunda-feira (24), onde relatará um novo parecer sobre o projeto de lei”.

Vereadores

Rose Macedo Coelho, presidente do Codecen, falou que os presidentes dos cinco Conselhos de Desenvolvimento Regionais estão em dialogo constante com os vereadores da Câmara Municipal de Florianópolis desde o dia 11 de junho, data de entrada do projeto na Câmara.

 

O Conselho de Desenvolvimento do Norte da Ilha realizou na noite desta segunda-feira (10) a sua 73ª reunião ordinária debatendo a tramitação do Projeto de Política Participativa comunitário 17.536/2018 na Câmara Municipal de Florianópolis e ações feitas pelo Codeni.

Codeni

Presentes na reunião, o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, o presidente do Codeni, Luiz César Costa, o coronel da Polícia Militar de Santa Catarina, Sinval Junior e os conselheiros ligados ao Codeni, debatendo demandas e ações no Norte.

Comcap

Sinval Júnior, coronel-comandante do Batalhão de Polícia Militar do Norte agradeceu a parceria com a Comcap (Autarquia de Melhoramentos da Capital), que está auxiliando em ações sociais coordenadas pela Polícia nas comunidades e ruas dos bairros do Norte.

Comunidades

Luiz Cesar Costa, presidente do Codeni falou sobre o significado e essência do projeto comunitário “O objetivo do projeto de lei 17.536 é destinar  5% de IPTU arrecadado nas cinco regiões em ações, demandas e projetos nas comunidades por meio de Assembleia.

Debate

Luiz Cesar Costa, presidente do Codeni, explicou que os cinco Conselhos realizarão no dia 24 de setembro um debate entre os candidatos ao Governo de Santa Catarina onde será apresentado aos candidatos ao Governo o Projeto de Política Participativa Estadual.

Fotos

Angélica Schumann, secretária do Codeni, exibiu fotos de ações de mobilização pela aprovação do projeto 17.536/2018 desde a entrega do projeto ao prefeito de Florianópolis no dia 13 de março até a entrega do projeto pelo prefeito aos vereadores no dia 11 de junho.

Informativo

Karina Miek, empresária-voluntária que atua promovendo as ações dos Conselhos falou sobre o Boletim mensal dos Conselhos. “O Boletim comunica a sociedade civil e também os administradores as ações e demandas resolvidas por meio dos cinco Conselhos Regionais”

Inovação.

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, explicou que o modelo de Política Participativa por meio do Projeto de Lei é inédito no Brasil. “Este é o primeiro projeto comunitário de Política Participativa por  meio de Conselhos de Desenvolvimento Regionais

Mobilização

Karina Miek, atuante da Superintendência Comunitárias falou sobre o apoio ao projeto dos cinco Conselhos. “É importante neste momento que as pessoas e entidades ligadas aos Conselhos Regionais se mobilizarem pela aprovação do projeto comunitário na Câmara”.

Passos

Luiz Cesar Costa, presidente do Codeni, explicou que o projeto está em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça relatou  um parecer parcial na tarde desta segunda-feira (10) e que em breve Comissão da Câmara realizará outra reunião.

Reunião

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, falou que a reunião da Comissão e Justiça foi divulgada ao vivo e na íntegra na página dos Conselhos de Desenvolvimento Regionais no Facebook e também os grupos de Whatsapp dos Conselhos

Segurança

Sinval Junior falou sobre as ações de Segurança que estão realizando na região Norte da Ilha. “Nosso batalhão diminuiu muitos índices de criminalidade no Norte de Florianópolis. Os índices de homicídios tiveram decréscimo de 38%”e 15% no número de furtos e roubos”.

Vídeos

Milton Weber Filho, falou que já foram feitos vídeos com cerca de 100 das 300 entidades que integram os cinco Conselho de Desenvolvimento Regionais, explicando que este é o momento de união em busca da aprovação do projeto de lei comunitário nas Comissões.

O Conselho de Desenvolvimento do Continente realizou na noite desta terça-feira (4), na sede da Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) do Continente, a sua 27ª reunião, debatendo a tramitação do projeto de lei na Câmara Municipal de Florianópolis.

Codecon

Na reunião ordinária, o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, o vice-presidente do Codecon, Dalton Malucelli Junior, o secretário do Continente, Edinho Lemos, o coronel da Polícia Militar, Sandro Costa e os conselheiros ligados ao Codecon.

Debate

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre o debate com os candidatos ao governo estadual. “Os cinco conselhos realizarão no dia 24 um debate com os candidatos ao governo do Estado, onde apresentaremos o Projeto de Política Participativa Estadual.

Informativo

Karina Miek, empresária-voluntária que promove as ações dos Conselhos Regionais falou sobre o boletim mensal dos conselhos. “O Boletim comunica a sociedade civil e administradores públicos as ações e demandas resolvidas por meio dos cinco Conselhos”.

Orla

Edson Lemos, secretário do Continente, falou sobre as orlas continental de Florianópolis. “Estamos atuando num projeto de readequação urbanística da orla das praias da região do Continente. As obras de readequação iniciarão em breve e começará pela Praia da Saudade”.

Pluvial

Os conselheiros do Codecon ressaltaram que é necessário realizar a limpeza das galerias pluviais municipais, já que estamos nos aproximando da Temporada de Verão 2019, evitando muitos problemas de diversas ordem na região Continente e em outras regiões municipais.

Pontes

Hugo Belli, conselheiro do Codecon falou sobre as pontes de Florianópolis. “A Associação de Moradores do Bairro Balneário organizará no dia 30 de setembro uma passeata na Beira-Mar Continental solicitando vistoria e manutenção nas pontes Pedro Ivo e Colombo Sales”.

Pontos

Edson Lemos, secretário do continente também falou que a Prefeitura de Florianópolis realizou a compra de 40 novos pontos de ônibus, que começarão a ser instalados em breve no município, explicando que dos 40 pontos, 20 serão instalados na região do Continente.

Política

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre o projeto de lei comunitário. “O projeto de lei 17.536 que está tramitando na Câmara tem como objetivo destinar 5% do IPTU arrecadado nestas cinco regiões em ações, demandas e projetos sociais nas comunidades”.

Projeto

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre o andamento do projeto de lei de Política Participativa na Câmara. “A  Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal relatará seu parecer final sobre o projeto de lei 17.536/2018 na próxima segunda-feira (10”.

Redes

Karina Miek, atuante da Superintendência das Relações Comunitárias falou sobre a Campanha de Divulgação do projeto que está coordenando nas Redes Sociais. “Estamos publicando vídeos onde lideranças e vereadores falam sobre o projeto de lei comunitário”.

Ruas

Edinho Lemos, secretário do Continente, falou que recentemente foi realizado uma ação social com muitas entidades administrativas numa região do Continente conhecida como Faixa de Gaza, com pessoas em situação de rua, orientando-os e higienizando o local.

Segurança

Sandro Costa, coronel-comandante do Batalhão do Estreito, falou sobre Segurança. “O número de furtos e roubos diminuiu ao longo deste ano. No entanto as ocorrências de violência doméstica contra as mulheres aumentou e estamos fomentando medidas e estratégias”.

Time

Dalton Malucelli Junior, vice-presidente do Codecon, falou sobre os Conselhos. “Os cinco conselhos é um  time que atua com objetivo de realizar debates e ações no sentido de resolver demandas municipais essenciais, como manutenção das vias públicas municipais.

Vereadores

Edson Lemos, secretário do Continente, disse que nesse momento é essencial as lideranças dos conselhos dialogarem como os assessores jurídicos dos vereadores no sentido de dirimir qualquer tipo de duvida em relação a importância e legalidade do projeto de lei comunitário.

Viaturas

Sandro Costa, coronel-comandante do Batalhão do Estreito, falou que a Polícia Militar de Santa Catarina realizou a compra de novas viaturas que em breve estarão nas ruas. No entanto o Comando Geral ainda não informou quantas viaturas atuarão no Continente.

Vídeos

Angélica Schumann, secretária do Codecon, exibiu alguns vídeos com o depoimento de vereadores favoráveis ao projeto de lei 17.536/2018 e de lideranças e entidades ligadas aos conselhos, que falaram sobre a importância e significado da Política Participativa municipal.

O Codeli realizou na noite desta terça-feira (28), na sede da Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) da Lagoa, a sua 17ª reunião, com pauta única, debatendo o andamento do Projeto de Lei de Implementação da Política Participativa em Florianópolis.

Codeli

Presentes na reunião ordinária, o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, o presidente do Codeli, Gabriel Damiani, voluntários e conselheiros  ligados ao Codeli que debateram o andamento do Projeto de Lei na Câmara Municipal de Florianópolis.

Debate

O superintendente comunitário e o presidente do Codeli relataram como está o andamento do Projeto de Lei 17536 que  está tramitando na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Vereadores que relatará o parecer sobre o projeto no dia 3 de setembro.

Entidades

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, destacou por diversas ocasiões que este é o momento das  300 entidades que integram os cinco Conselhos Regionais unirem esforços no sentido de mobilização em busca da aprovação do Projeto de Lei na Câmara Municipal.

Filosofia

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, explicou aos presentes que os cinco Conselhos de Desenvolvimento Regionais seguem um mesmo regimento e funcionam de forma autônoma e sinérgica nas ações em busca da resolução de demandas.

Início

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre a trajetória de consolidação dos Conselhos de Desenvolvimento Regionais, no município de Florianópolis, iniciada em 2012, com a implementação do Codeni (Conselho de Desenvolvimento do Norte da Ilha),

Informativo

Karina Miek, empresária-voluntária que atua promovendo as ações dos Conselhos falou sobre o Boletim mensal dos Conselhos. “O Boletim comunica ações e demandas resolvidas por meio dos ofícios encaminhados a administração pública por meio dos cinco Conselhos”.

Inovação

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, explicou que o modelo de Política Participativa por meio do Projeto de Lei é inédito no Brasil. “Este é o primeiro projeto comunitário de Política Participativa  meio de Conselhos de Desenvolvimento Regionais ”

Participação

Karina Miek, atuante da Superintendência das Relações Comunitárias, falou da Campanha de Divulgação do Projeto de Lei que está coordenando nas Redes Sociais. “Estamos publicando vídeos onde lideranças dos Conselhos explicam a importância do Projeto de Lei comunitário”.

Projeto

O Projeto de Lei tem como objetivo destinar 5% do IPTU (Imposto Predial e Territorial) arrecadado nas cinco regiões que componentes em ações e projetos sociais comunitários, que serão analisados pelas entidades que compõem os conselhos por meio de Assembleias Gerais.

Tamar

A representante do Projeto Tamar, falou sobre as ações da entidade que estão sendo realizadas na Região Leste de Florianópolis. “Estamos realizando no último domingo do mês o Domingo no Tamar com mostra de pesquisas feitas com camarões e peixes”.

Vereadores

Milton Weber Filho, superintendente comunitário também falou que as principais lideranças dos cinco Conselhos de Desenvolvimento Regionais estão dialogando de perto com os vereadores no sentido de dirimir qualquer tipo de dúvida em relação ao projeto comunitário.

Video

Angélica Schumann, secretária do Codeli, exibiu alguns vídeos que estão sendo produzidos com o depoimento de pessoas ligadas aos Conselhos que auxiliam nas ações e resolução de demandas por meio dos Conselhos, explicando o significado da Política Participativa.

O Ceart (Centro de Artes) da Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) está realizando de 27 a 30 de agosto uma semana com ações artísticas, culturais e de vestuário em comemoração e homenagem aos 110 anos do início da Imigração Japonesa no Brasil.

Abertura

A abertura  ocorreu na noite desta segunda feira (27) no Auditório do Ceart, com a palestra da professora japonesa  Chizuru Shimizu, que falou sobre a evolução da da história dos kimonos, mostrando sua evolução ao longo do tempos e as ocasiões certas em utilizá-los.

Desfile

Após a realização da palestra da professora Chizuru Shimizu foi realizado um belíssimo desfile com diversos tipos e estilos de kimonos japoneses masculinos e femininos utilizados em ocasiões e comemorações sociais como formaturas casamentos, e festejos em geral.

Música

A cerimônia de abertura foi encerrada com uma apresentação musical de Taikô com tradicionais tambores japoneses realizado pelo Shimadaiko, grupo musical da Associação Nipo-Catarinense que realizou uma belíssima apresentação performática com os tambores,

Semana

Durante a semana serão realizadas outras atividades artísticas e culturais como exibição de filmes, palestras sobre o kimono na história e na atualidade, oficinas de Sumi-ê (Técnica de Pintura), Shodô (Caligrafia Japonesa) e mostra de gravuras feitas por artistas japoneses.

A UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e a Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) iniciaram nesta segunda-feira (30) as aulas do segundo semestre de 2018 nos cinco campi de ensino da UFSC e nos 11 campi de ensino da Udesc em Santa Catarina.

Datas

As atividades acadêmicas das duas principais instituições públicas de ensino superior em Santa Catarina, que iniciaram nesta segunda-feira (30), encerrarão-se oficialmente pelo calendário acadêmico da UFSC e da Udesc no dia 5 de dezembro de 2018.

Ensino

Ubaldo Cesar Balthazar, magnífico reitor da UFSC recepcionou os novos graduandos da UFSC. “”Boas-vindas a todos e todas e um ótimo início de semestre. A nossa proposta de universidade é a de um ambiente em que todos se sintam bem e sejam felizes na UFSC”.

Trote

A Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) informa a comunidade acadêmica e sociedade civil que o trote em recepções acadêmicas é proibido em território catarinense por meio da lei nº 15.431/2010 e é eminentemente proibido sua realização nas recepções.

 

A Associação Nipo-Catarinense em conjunto com o Consulado do Japão em Curitiba estão realizando nos dias 28 e 29, no Museu Histórico de Santa Catarina, o IV Festival do Japão Tanabata Matsuri, celebrando os 110 anos do início da Imigração Japonesa no Brasil.

Abertura

Na abertura do festival, a presidente da Associação Nipo-Catarinense, Roxane Shinohara, o cônsul do Japão no Brasil, Hanji Kimura, em Curitiba, o secretário-municipal de Cultura, Márcio Luiz Alves (MDB), a superintendente da Fundação Franklin Cascaes, Roseli Pereira.

Artes

O público presente vai prestigiar artesanatos e artes com Origami, apresentações de artes tradicionais como Ikebana, Bonsai, Sumiê, artes marciais como Aikido, Kenjutsu, Ninjutsu, músicas e danças japonesas como o Taikô (tambores) e Shamisen (instrumento de corda).

Cerimônia

Senji Korosue, vice-presidente da Associação Nipo-Catarinense e Noemia Ogasawara Yuki, representante da Diretoria Cultural realizaram uma leitura sobre a lenda japonesa que inspira a realização do Festival Tanabata, baseando na história de amor entre Orihime e Hikoboshi.

Cultura

Márcio Luiz Alves (MDB), secretário-municipal de Cultura falou sobre a Cultura Japonesa. “A realização do festival engrandece Florianópolis que tem uma bonita ligação com a Cultura Japonesa. Agradecemos a Associação Nipo Catarinense pela realização deste belo festival”.

Diplomacia

Hanji Kimura, cônsul-geral do Japão no Brasil em Curitiba, falou sobre o festival e o legado cultural. “Sou filho de pescadores de uma ilha japonesa e me alegra muito participar do festival realizando ações que promovem a cultura japonesa e renovam a tradição cultural”.

Festival

Roxana Shinohara, presidente da Associação Nipo-Catarinense, falou sobre o Tanabata Matsuri. “As ações e a decoração ornamental do festival foram feitas por pessoas voluntárias durante as oficinas com muito amor e trabalho mostrando o melhor da cultura japonesa”.

Fundação

Roseli Pereira, superintendente da Fundação Franklin Cascaes, também falou sobre Cultura Japonesa. “A realização do festival engrandece a Cultura de Santa Catarina. Desejo muito sucesso e parabenizo a Associação Nipo-Catarinense e o Consulado pela realização”.   

Imigração

O IV Festival do Japão Tanabata Matsuri tem como um os objetivos comemorar os 110 anos do início da imigração Japonesa no Brasil. Santa Catarina tem muitos municípios com comunidades japonesas, como Curitibanos, Florianópolis, Frei Rogério, Lages entre outros.

Taikô

O encerramento do cerimonial de abertura foi realizado com apresentação de canções musicais com tambores japoneses do grupo Shimadaikô e canções cantadas pela artista japonesa Mariko Nakahira que cantou canções tradicionais em japonês e português.

Tanabata

A lenda de Tanabata consiste na história de amor entre duas estrelas, Orihime (Vega) e Hikoboshi (Altair). O Festival Tanabata Matsuri que celebra esta história de amor teve início na Corte Imperial do Japão há cerca de 1.150 anos e lá tornou-se feriado nacional em 1603.



O Conselho de Desenvolvimento do Leste da Ilha realizou na noite desta terça-feira (24) na Associação Amigos da Lagoa, a sua 16ª reunião ordinária debatendo Política Participativa e ações na Tempo  de Verão 2019 nas praias dos bairros que fazem parte da região Leste.

Codeli

Presentes na reunião, o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, a vice-presidente do Codeli, Cibelle Skalski, o vice-presidente do Codecon, Dalton Malucelli Junior, além dos intendentes, conselheiros e pessoas que realizam ações ligadas ao Codeli.

Conselho

O conselheiro que representa o Codeli no Conselho da Cidade falou que foi realizado um curso de capacitação no sábado (21) e também a criação de um Grupo de Trabalho para debater algumas demandas essenciais para harmonia do espaço urbano de Florianópolis.

Convite

Angélica Schumann, secretária do Codeli, falou sobre a festa de aniversário da Acif. “A Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) realiza no dia 14 de agosto, no Teatro Pedro Ivo, um evento celebrando 103 anos de fundação no município de Florianópolis”.

Cultura

Karina Miek, representante da Associação Nipo-Catarinese falou sobre ações  culturais. “A Associação Nipo-Catarinense realiza nos dias 28 e 29 de julho, no Museu Histórico de Santa Catarina, o IV Tanabata Matsuri, com shows musicais e ações culturais e gastronômicas”.

Editais

Os conselheiros debateram ações na Temporada de Verão 2019 ressaltando que é necessário ser debatido constantemente os editais que regulamentam a comercialização de produtos e também as regras e a forma como é realizado o comércio de produtos nas praias do Leste.

Informativo

Karina Miek, atuante da Superintendência das Relações Comunitárias falou sobre o Boletim Informativo dos Conselhos. “O Boletim comunica as ações e demandas resolvidas por meio dos ofícios que as entidades associadas aos Conselhos enviam a administração pública”..

Intendência

Os intendentes explicaram que na Barra da Lagoa há uma parceria de limpeza com a Comcap (Autarquia Melhoramentos da Capital). Também falou sobre ações de limpeza e pintura que serão feitas em breve na avenida das Rendeiras em parceria com entidades municipais.

Missão

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias falou que o projeto de lei de Política Participativa foi redigido pela sociedade civil e tem como objetivo o fortalecimento da sociedade por meio de projetos e ações comunitárias que visam o bem estar social de todos.

Praia

Milton weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre as Barracas de Praia. “O Ministério Público de Santa Catarina entende que deve ser criada uma comissão que irá fiscalizar as barracas e os produtos comercializados nas prais por meio de edital público”.

Projeto

Milton Weber Filho, falou sobre o projeto de Política Participativa. “O prefeito municipal foi pessoalmente entregar o projeto comunitário de Politica Participativa ao presidente e uma comitiva de vereadores da Câmara Municipal de Florianópolis no dia 11 de junho”.

Reuniões

Karina Miek, empresária que promove ações dos Conselhos de Desenvolvimento Regionais falou sobre a participação da comunidade nas reuniões mensais. “Queremos contar com a participação da sociedade civil nas reuniões, fortalecendo as ações dos Conselhos”.

Site

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, disse que as pessoas da sociedade civil interessadas em conhecer o projeto comunitário de Política Participativa pode acessar o projeto comunitário na integra por meio do site da Câmara Municipal de Vereadores.

Trâmite

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, falou sobre o trâmite. “Estamos dialogando com os vereadores o projeto de lei de Política Participativa está tramitando e sendo avaliado nas comissões na Câmara de Vereadores de Florianópolis”.

O reitor da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina), Ubaldo Cesar Balthazar, realizou na tarde desta terça-feira (24), na Sala dos Conselhos da Reitoria da UFSC uma entrevista coletiva a Imprensa e comunidade onde falou sobre as ações da sua gestão entre 2018 a 2022.

Ações

Ubaldo Cesar Balthazar, reitor eleito pela comunidade universitária da UFSC em 11 de abril, falou sobre as ações que serão realizadas e implementadas na sua gestão administrativa e acadêmica frente a Reitoria da UFSC que será integralizada no período de 2018 a 2022

Campus

O reitor da UFSC destacou ações nos cinco campi da UFSC, ressaltandoo que a vice-reitora da UFSC, Alacoque Lorenzini Erdmann, realizou na última sexta-feira (20) a divulgação do resultado oficial do Concurso Vestibular da UFSC 2018/2 no campus de Araranguá.

Comitês

O reitor da UFSC falou sobre o planejamento da sua gestão. “Minha gestão vai realizar um aprimoramento administrativo nas ações realizadas na UFSC buscando a máxima excelência e transparência na condução das atividades institucionais da UFSC nos próximos 4 anos”.

Cultura

Ubaldo Cesar Balthazar, reitor eleito da UFSC quer aprimorar ações culturais.“Nós vamos aprimorar as ações artísticas e culturais na UFSC, estimulando munícipes e graduandos a visitar locais  que são administrados pela UFSC, como as cinco Fortalezas do municipio”.

Iluminação

O reitor da UFSC falou que está sendo realizado no campus de Curitibanos um projeto que vai melhorar a iluminação em todo campus. Nos campi de Araranguá, Blumenau, Florianópolis também estão sendo realizadas ações com o objetivo de aperfeiçoar a iluminação.

Inclusão

Ubaldo Cesar Balthazar falou sobe seu Plano de Gestão da UFSC entre 2018 a 2022. “Nosso objetivo é fortalecer as ações que estimulem a permanência das populações minoritárias, como negros, indígenas e quilombolas que estão cursando alguma graduação na UFSC”.

Moradia

O reitor da UFSC também falou sobre ações na Moradia Estudantil. “Nossa gestão está estudando a possibilidade de construção de novos prédios, aumentando o número de vagas na Moradia Estudantil da UFSC, aprimorando a inclusão social dos acadêmicos na UFSC”.

Reforma

Pedro Manique Barreto, pró-reitor de Assuntos Estudantis da UFSC, disse que a Moradia Estudantil do campus de Florianópolis receberá em breve reformas na sua estrutura arquitetônica e que esta semana foram fornecidos novos eletrodomésticos.a Moradia.

Plano

Ubaldo Cesar Balthazar, reitor eleito pela comunidade acadêmica da UFSC em 11 de abril disse que o falecido reitor da UFSC, professor Luiz Carlos Cancellier de Olivo conseguiu realizar ¾ do Plano de Ações em 1 ano e 5 meses de gestão frente a Reitoria da UFSC.

Objetivos

O reitor da UFSC falou que quer consolidar a UFSC internacionalmente “Queremos fazer a UFSC uma universidade inclusiva e plural, comprometida com sua missão institucional como instituição de ensino superior que profissionaliza acadêmicos de diversas graduações”.

Ranking

O reitor da UFSC, Ubaldo Cesar Balthazar, também falou sobre a divulgação de rankings universitários, onde a UFSC está classificada nas primeiras posições, como no WebMetrics, no ranking  elaborado pelo jornal Folha de S. Paulo e pela revista Times Higher Education.

Recursos

Ubaldo Cesár Balthazar disse que sua administração frente a Reitoria da UFSC no período de 2018 a 2022 tem como um dos principais objetivos otimizar recursos financeiros para que sejam aplicados em projetos e ações acadêmicas de inclusão social na UFSC.

Restaurante

O reitor  ressaltou que serão realizada a ampliação do RU (Restaurante Universitário) do campus de Florianópolis. A Reitoria utilizará um prédio onde há seis anos atrás funcionava uma ala do RU em Florianópolis e também instalação de restaurantes nos cinco campi.

Saúde

Sobre o HU (Hospital Universitário) da UFSC, o reitor Ubaldo Cesar Balthazar disse que a prioridade administrativa é manter o HU 100% público, com a intenção de aumentar o número de leitos e também aprimorar ações de saúde pública nos campi da UFSC..

Segurança

O reitor disse que está sendo criado uma Rota Segura no campus de Florianópois, que vai aprimorar a iluminação da UFSC, com maior a acessibilidade de cadeirantes e pessoas deficientes. Além da instalação de câmara de segurança em pontos cruciais dos campi.

Transparência

O reitor da UFSC disse em diversas ocasiões da entrevista que a Transparência é prioridade. “Queremos constituir uma comissão para implementar um Portal da Transparência da UFSC, com clareza nas informações e transparência nas ações”.

O Conselho de Desenvolvimento do Centro realizou na noite desta quarta-feira (18) na sede da Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) no Centro a sua 21ª reunião ordinária debatendo Política Participativa e também Terrenos de Marinha em Florianópolis

Codecen

Na reunião o superintendente das Relações Comunitárias, Milton Weber Filho, a presidente do Codecen, Rose Macedo Coelho, o vice-presidente do Codecon, Dalton Maluceli Junior, o secretário-adjunto de Educação, Luciano Formighieri e  os conselheiros do Codecen

Conselho

A presidente do Codecen, o superintendente das Relações Comunitárias e os conselheiros presentes debateram o modelo de funcionamento, a representatividade e ações dos conselheiros que representam o Codecen no Conselho da Cidade, debatendo as ações.

Convite

Angélica Schumann, secretária do Codecen, fez um convite. “A Acif (Associação Comercial e Industrial de Florianópolis) realizará no dia 14 de agosto, no Teatro Pedro Ivo uma festividade com palestras e ações comemorando os 109 anos de fundação da Acif”.

Cultura

Karina Miek, representante da Associação Nipo-Catarinense falou sobre ações culturais. “A Associação Nipo-Catarinense realizará nos dia 28 e 29 de julho, no Palácio Cruz e Souza o Tanabata Matsuri, com ações comemorando o 110 anos do início da Imigração Japonesa”.

Educação

Luciano Formighieri, secretário-adjunto municipal de Educação falou sobre ações educacionais. “Reduzimos o número de pessoas analfabetas no município de Florianópolis de sete mil para três mil tornando a capital brasileira com o menor índice de analfabetismo”.

Entidade

Rose Coelho, presidente do Codecen realizou a aprovação da Associação Floripa Amanhã, nova entidade filiada ao Codecen, representada pela presidente da entidade, Anita Maria Pires que vai representar a Associação Floripa Amanhã nas reuniões mensais do Codecen.

Expositor

Rodolfo Matte, diretor do SMDU, falou sobre o licenciamento em Terrenos de Marinha no  município de Florianópolis que são regulamentados atualmente por meio do decreto 18.744 e também por meio do Plano Diretor de Florianópolis, que foi aprovado no ano de 2014.

Gestor

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, falou sobre o Boletim Informativo dos Conselhos de Desenvolvimento Regionais. “O Boletim comunica as ações demandas resolvidas  pelos Conselhos, comunicando as demandas aos gestores públicos”.

Informativo

Karina Miek, atuante da Superintendência das Relações Comunitárias falou sobre o Boletim Informativo que edita. “O Boletim comunica as ações resolvidas pelos cinco conselhos por meio de ofícios e convida as pessoas a participarem das reuniões realizadas mensalmente”.

Processo

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, também falou sobre a tramitação do projeto de lei. “Precisamos dialogar com os vereadores nas comissões para conquistarmos  a aprovação do projeto de lei de Política Participativa em Florianópolis”.

Projeto

Rose Coelho, presidente do Codecen, falou do projeto de Política Participativa. “O projeto está sendo analisado nas comissões que integram  a Câmara de Vereadores de Florianópolis, após o prefeito entregar o projeto de lei aos vereadores no dia 11 de junho”.

Redação

Milton Weber Filho, superintendente comunitário, falou sobre a redação do projeto de lei comunitário de Política Participativa. “O projeto de lei de Política Participativa foi redigido por meio de pessoas que integram os cinco Conselhos de Desenvolvimento Regionais”

Reunião

Milton Weber Filho, superintendente comunitário falou que um modelo de projeto de lei  comunitário estadual será apresentado aos candidatos a governador do Estado de Santa Catarina num debate que será realizado e intermediado pelos cinco conselhos em agosto.

Serrinha

Rose Coelho, presidente do Codecen, disse que está acompanhando a o projeto urbanístico que irá edificar a Praça da Serrinha, num terreno  que foi doado pela Casan a Comunidade da Serrinha por meio de uma reunião realizada pelo Codecen na comunidade em 2017.

Site

Milton Weber Filho, superintendente das Relações Comunitárias, disse que  a sociedade civil pode acompanhar a tramitação do projeto de lei comunitário de Política Participativa de Florianópolis por meio do site institucional da Câmara de Vereadores de Florianópolis.

O Jornal Informe é uma rede de jornais de circulação em Caçador (sede) e Florianópolis 

Editor: Adriano Ribeiro
Telefone: (48) 3733-6977
Plantão: (48) 9922-8133
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.