Prefeitura de Florianópolis trabalha para minimizar impactos causados pelas chuvas

Ações estão sendo realizadas por Defesa Civil, Secretaria de Infraestrutura, Guarda Municipal e Secretaria de Assistência Social, e com apoio da Fundação Somar Floripa

0
968

Desde o último sábado e durante toda a madrugada deste domingo, 19 e 20 de junho, a Prefeitura de Florianópolis está com equipes nas ruas para minimizar os danos causados pelas chuvas. Ações estão sendo realizadas por Defesa Civil, Secretaria de Infraestrutura, Guarda Municipal e Secretaria de Assistência Social, e com apoio da Fundação Somar Floripa.

Pontos de alagamento estão sendo drenados por caminhões hidrojatos para que o volume de água seja diminuído. Nesta manhã, no bairro Rio Vermelho, algumas vias já tiveram a água drenada.

Caminhão hidrojato da PMF drenando servidão no bairro Campeche

No total, a Defesa Civil realizou quatro interdições (Rio Tavares, Parque São Jorge, Costeira e Lagoa da Conceição). Os pontos registrados danos causados pelas chuvas são nos bairros Vargem Grande, Ingleses, Rio Vermelho, Rio Tavares, Jurerê, Itacorubi, Estreito, Morro da Cruz, Barra da Lagoa, Córrego Grande, Centro, Tapera, Armação e Pântano do Sul. Todos os locais estão com acompanhamento das equipes da PMF.

Avenida das Rendeiras com equipes arrumando os pontos atingidos

Foram 50 ocorrências atendidas pela Defesa Civil e 69 pela Guarda Municipal. Foram registradas cinco quedas de muros, três deslizamentos e um rompimento de asfalto no bairro Vargem Grande. A Defesa Civil entregou 15 lonas para famílias com casas atingidas.

A Secretaria de Assistência Social abrigou 71 Pessoas em Situação de Rua, sendo 40 na Passarela da Cidadania e 31 em hotéis. Três famílias foram levadas para hotéis também pela assistência na última noite. Nesta manhã, apenas uma permanece, duas já retornaram para casa. O hotel credenciado disponibiliza de 90 vagas emergenciais.

A Fundação Somar disponibiliza kits de higiene e limpeza, colchões e cobertores para atingidos por alagamentos.

Trabalho no Rio Vemelho
Caminhão hidrojato da PMF drenando terreno de residência no bairro Ingleses

Prefeitura de Florianópolis monta abrigo emergencial provisório no Rio Tavares

A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Assistência Social, montou um abrigo emergencial provisório no bairro Rio Tavares. O abrigo, que fica na Associação de Moradores do bairro, tem vagas para até 20 famílias.

A Fundação Somar auxiliou o acolhimento com doações de kits de higiene e limpeza, colchões e cobertores.

Três famílias do bairro foram acolhidas no Hotel conveniado pela Prefeitura no começo desta noite. Até o momento, nenhuma família está abrigada no Conselho Comunitário.

70 PESSOAS EM SITUAÇÃO DE RUA SÃO ACOLHIDAS EM MEIO ÀS FORTES CHUVAS DESTE SÁBADO EM FLORIANÓPOLIS
A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Assistência Social fez o acolhimento de 70 pessoas em situação de rua por conta das fortes chuvas em Florianópolis.
O trabalho foi intensificado pelas equipes da Secretaria com a ampliação de 40 vagas emergenciais na Passarela da Cidadania e 30 vagas no Hotel credenciado pela Prefeitura de Florianópolis.
Para o acolhimento a equipe técnica da Assistência Social vai até locais onde pessoas em situação de rua são encontradas, e os direciona até um abrigo onde recebem a assistência necessária.
A população que necessitar de auxílio da administração municipal para acolhimento pode entrar em contato com o número 199 da Defesa Civil, que fará os encaminhamentos necessários.