Arteris Litoral Sul libera mais quatro quilômetros de 3ª faixa na BR-101, em Palhoça

Ampliação da pista norte está na reta final e deve ter conclusão total antes da temporada de verão

0
546

A partir de sábado (13), os motoristas da região de Palhoça passam a contar com quatro novos quilômetros de terceira faixa na pista norte da BR-101. A Arteris Litoral Sul promove mais essa liberação na obra que está na reta final – a partir de agora com 14 km em operação.

O novo trecho vai do km 214 (após a ponte do Passa Vinte) ao km 210 (Continente Park Shopping). Ao longo desses quatro novos quilômetros, foram realizadas atividades de pavimentação, sinalização, instalação de barreiras e readequação de 05 acessos. Além disso, também foi reformada a ponte sobre o Rio Maruim – construída originalmente há mais de 50 anos – e que precisou ser restruturada com ampliação da largura do tabuleiro para comportar três faixas.

Com isso, a partir de agora os cerca de 100 mil motoristas que trafegam diariamente pela pista norte passam a contar com três faixas de operação no sentido capital – com maior fluidez, segurança e conforto. O projeto implantado traz, inclusive, melhor dinâmica para os movimentos de entrada e saída entre a rodovia e a via marginal.

A obra da terceira faixa

A construção da terceira faixa é uma obra realizada pela Arteris Litoral Sul – com investimento total de R$ 53,2 milhões. No total, são 15,6 novos quilômetros entre o trevo da BR-282 em Palhoça (km 216) e o Hotel Golden em São José (km 200,4). Além da implantação da nova faixa – a obra inclui ainda a ampliação das pontes sobre os rios Maruim e Passa Vinte – e readequação de 23 acessos.

Com mais essa liberação –agora faltam apenas 1,6 km para conclusão da obra – no trecho entre o trevo com BR-282 e a ponte sobre o Rio Passa Vinte. A previsão é de que esse último segmento seja liberado até a primeira semana de dezembro – disponibilizando todo o trecho ampliado antes da temporada de verão.

*em caso de piora na condição do tempo, a programação pode ser ajustada.