Homem é preso após assalto em São José; plantação de maconha é encontrada e outras ocorrências

Várias ocorrências policiais nos municípios da Grande Florianópolis nesta semana

0
8313

Veja as principais ocorrências policiais na semana na Região da Grande Florianópolis. Em São José, um homem foi preso após participar de um assalto – ele usaria miguelitos (pregos retorcidos) – para fugir da polícia; Em Governador Celso Ramos, plantação de maconha é encontrada; em Santo Amaro da Imperatriz, duplo homicídio de adolescentes é esclarecida e no Norte da Ilha motoneta adulterada é apreendida e foragido da Justiça cai com drogas e arma na mochila

Homem é preso após tentar fugir da PM em São José

A Polícia Militar (PM) prendeu um homem por roubo em São José nesta quinta-feira (15). O fato aconteceu por volta das 4h da madrugada na Avenida Arthur Manoel Mariano, bairro Forquilhinha.

A ocorrência teve início no momento em que policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar receberam via rádio a informação de que estava ocorrendo um assalto no local.

Sendo assim, as guarnições empenhadas foram até o local para verificar a denúncia. Chegando lá, os policiais visualizaram um rapaz jogando objetos em via pública, tentando posteriormente fugir da PM, mas sem sucesso. Ao ser abordado, o autor confessou para os policiais que havia sido convidado por outros suspeitos para realizar o roubo.

Ainda durante a abordagem, a guarnição localizou diversos miguelitos (pregos retorcidos) e um celular com o envolvido. Conforme relato do autor, os miguelitos seriam utilizados para serem jogados em direção as viaturas, para que assim a sua fuga e de seus companheiros se tornasse mais fácil.

Diante dos fatos, o rapaz foi preso em flagrante e conduzido à Central de Plantão Policial, ficando à disposição da Justiça.

Ação conjunta localiza plantação de maconha em Governador Celso Ramos

Uma ação conjunta entre policiais civis e militares localizou uma plantação de maconha no bairro Ganchos de Fora, em Governador Celso Ramos na terça-feira (14).

Após receber denúncia na Delegacia de Polícia, policiais civis solicitaram o apoio da Polícia Militar. Foram localizados em área de mata trinta e três vasos, onde eram cultivados plantas “cannabis sativa”.

As plantas foram apreendidas, seguindo-se agora de investigações para localizar os proprietários da plantação, pois se trata de crime previsto no artigo 33 da Lei nº 11.343/2006, com pena de reclusão de 5 (cinco) a 15 (quinze) anos, além do pagamento de multa.

Motoneta com placa adulterada

Policiais do 21º Batalhão da Polícia Militar apreenderam, durante rondas no Norte da Ilha, uma motoneta com sinal de identificação adulterado. A ocorrência foi registrada na segunda-feira (13), por volta das 18 horas, na Servidão Três Marias, no bairro Ingleses.

Os policiais perceberam a motoneta estacionada e com placa adulterada. Segundo o 21º BPM, o veículo estava com placa fora do padrão exigido pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e pertencia a outro veículo. Diante dos fatos, a motoneta foi apreendida e entregue na 8º Delegacia de Polícia Civil para providências cabíveis.

Foragido com drogas e arma

Ainda no Norte da Ilha, os policiais do 21º BPM também prenderam na segunda-feira (13), às 22 horas, um foragido da Justiça e apreenderam arma e drogas.

Os policiais faziam ronda pelo bairro Rio Vermelho, quando verificaram uma ocorrência de perturbação próximo à guarnição. Ao se aproximarem da residência, foi possível ver um homem com uma mochila deixando o local.

Foi solicitado reforço policial e o homem foi detido. Ele admitiu estar com mandado de prisão ativo e que sua mochila tinha arma e drogas. Na revista pessoal, na mochila, foi localizado e apreendido um revólver calibre 38, oito munições calibre 38 intactas, uma munição calibre 9 mm intacta, R$ 755; 1,7 quilo de maconha, 31 gramas de cocaína, 05 grama de haxixe, 340 comprimidos de ecstasy, 4 smartphones e petrechos utilizados na prática do tráfico de drogas.

O foragido e todo o material apreendido foram entregues na Central de Plantão Policial da Polícia Civil para procedimentos cabíveis.

Polícia Civil esclarece duplo homicídio de adolescentes em Santo Amaro da Imperatriz

Nesta quarta-feira (15), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Palhoça, concluiu um inquérito policial que esclareceu as mortes de dois adolescentes. Os crimes ocorreram no dia 12 de outubro deste ano, em Santo Amaro da Imperatriz, na Grande Florianópolis.

As investigações resultaram no indiciamento de quatro indivíduos suspeitos pela prática dos crimes. Dois dos suspeitos foram presos durante as investigações e outros dois se encontram foragidos. Além disso, um adolescente também foi identificado por suspeita de envolvimento nos homicídios.

A Polícia Civil indiciou os quatro suspeitos pelos crimes de duplo homicídio consumado e triplamente qualificado, cárcere privado, corrupção de menores e por compor organização criminosa. Além disso, cópia dos autos foi distribuída para Vara da Infância e Juventude da Comarca de Santo Amaro da Imperatriz visando a responsabilização do adolescente suspeito.