Saúde de São José recebe recursos do Orçamento da União

Emenda do deputado federal Fábio Luiz Schiochet Filho garante R$ 200 mil para o custeio dos serviços de atenção básica

0
103

Com aumento de 30% das demandas em razão da pandemia, a área da Saúde de São José iniciou a semana com uma boa notícia. O prefeito Orvino Coelho de Ávila e o vice-prefeito Michel Schlemper receberam nesta segunda-feira (2) a visita no gabinete do deputado federal Fábio Luiz Schiochet Filho, que entregou ao município o valor de R$ 200 mil referente à emenda individual ao Orçamento Geral da União em 2022.

Os recursos serão destinados ao custeio de atendimentos primários na área da saúde como materiais de enfermagem, limpeza, salários de funcionários da vigilância e das 26 Unidades de Saúde. “São José é uma grande família, que fornece saúde para todos. A somatória é que faz a diferença, ninguém faz nada sozinho”, comemorou Orvino em relação ao aporte de recursos.

Na reunião com a participação dos vereadores Constâncio Neto (DEM), Romeo Vieira (PSL) e da secretária de Saúde Sinara Simioni, o deputado destacou o momento econômico que atravessa o país, onde os chefes de família estão sendo obrigados a cortar custos com plano de saúde e com isso o atendimento está migrando para a rede pública. “Nós tivemos uma visita do vereador Romeu, que solicitou o repasse da quantia para o município. O recurso é do catarinense: Santa Catarina é o sexto estado que mais contribui com a União”, justificou Schiochet.

Também a secretária de Saúde destacou o momento que atravessa a área com as crescentes demandas por atendimento da rede pública em razão de as famílias estarem com dificuldade em manter planos de saúde ativos. Sinara ressaltou que a pediatria é uma das áreas que mais experimentou aumento na procura nos primeiros meses de 2022: foram sete mil atendimentos. “Também o fato de São José ser reconhecida na região pela agilidade no atendimento da saúde tem feito com que os moradores de cidades vizinhas recorram à região central em busca de acolhimento”, lembrou Sinara.