Roque e Roberta: a amizade entre um cachorrinho e uma “margarida” da prefeitura da Capital

O cachorro cheio de energia virou amigo da “margarida”, profissional responsável pela limpeza de via pública

0
236

Roberta dos Santos Bernardo trabalha cedinho na área de limpeza da Prefeitura de Florianópolis. Mora em Capoeiras, região continental de Florianópolis. Mas zela pelas ruas da Ilha. Faz a rota no entorno do Parque da Luz e da ponte Hercílio Luz. Antes do batente, de segunda a sexta-feira, tem encontro marcado com o Roque, um Yorkshire, por volta das 7 horas.

O cachorro é levado para passear por Andréa, que é cuidadora de lar nas imediações. E foi assim que ocorreu amor à primeira vista, ou ao primeiro latido, ou à primeira lambida de Roque na Roberta, conhecida por Beta, umas da “margaridas” do serviço público municipal.

Trabalhando desde dezembro de 2010 na Autarquia de Melhoramentos da Capital (Comcap), agora cedida para a Secretaria de Infraestrutura, Beta começou a fazer o atual roteiro no ano passado. “Quando mudei para esse itinerário, nos encontramos e não nos deixamos mais”, diz. Costas pretas e o resto do corpo dourado, pelagem longa, olhos escuros e orelhas pontudas, assim é o Roque.

O local onde a Beta e mais 19 colegas trocam de roupa e pegam os seus equipamentos está localizado nos altos da Felipe Schmidt, quase no entroncamento com a Avenida Rio Branco.

Às vezes é a amiga que espera o Roque, e à vezes, o peludinho é que dá um sinal que já está na área. “Ele fica muito elétrico e late muito. Quer um carinho”.

Beta fala para o Roque o quanto gosta dele e como sente saudades dele, principalmente nos finais de semana. Há também, porém, um papo-reto.

“Em alguns momentos, chamo a atenção dele por ele querer brigar com os outros cães que estão passeando”. No final, tudo acaba em mais chamego.
Virou amicíssima igualmente de Andréa Maria Andrade que leva o cachorro da patroa para a voltinha matinal. Falam sobre trabalho, família e as travessuras do Roque. Não demoram muito nas confidências, uma vez que cada uma vai se ocupar de seus afazeres profissionais.

Aos 37 anos, Roberta tem dois filhos: André Jr, 19 anos, e João Felippe, 11 anos. É casada com Leony Claudino do Nascimento, entregador de compras online.

Além deles, a família é composta por mais três integrantes de pequeno porte. O Lui, com 10 anos, é um Pug, com focinho achatado e cauda enrolada. O Apolo, 6 anos, é uma mistura de raças. O bebê é a Cacau, 9 meses, uma Shin-tzu, de pelo longo.

“Eu adoro animais e procuro ter uma relação com eles de sinceridade, amizade, generosidade e amor, é claro”.

Andréa, 49 anos, casada com Sérgio de Souza, mora no bairro Ipiranga, no vizinho município de São José. É empregada doméstica, no Centro de Florianópolis, das 6h30 às 12h30. É mãe das garotas Jaqueline, 27 anos, e de Aline, 21 anos, são suas filhas.

Tem dois animais. Um deles é o Zoio, um buldog francês preto, caracterizado por ser brincalhão e afetuoso. O outro bichinho é a branca e manhosa gata Mel, sem raça definida.