Programa Selo Social auxilia organizações a mensurar os impactos positivos de seus projetos

Mais de 50 empresas, organizações e órgãos públicos participam da ação

0
80

As organizações dos três setores da sociedade em Palhoça já estão vendo em números a diferença que cada uma faz no mundo. No 2º encontro do Programa Selo Social, realizado na terça-feira ( 21), os participantes aprenderam instrumentos práticos para mensuração de resultados dos projetos que desenvolvem e como eles impactam, positivamente, nos Objetivos do Desenvolvimento do Sustentável da Agenda 2030.

A edição do Selo Social no município conta com articulação da Prefeitura de Palhoça, Unisul e da Associação Empresarial de Palhoça (ACIP), além de patrocínio da Rede Salesiana Brasil, EurotecNutrition, Pedra Branca Cidade Criativa, Komeco, Quantum Engenharia e Shopping ViaCatarina.

O secretário de Assistência Social de Palhoça, Maurício Roque da Silva, participou do 2º encontro. “Nosso município avança cada vez mais no processo de reconhecer o importante trabalho realizado por organizações dos três setores da sociedade, em prol do desenvolvimento da cidade e sua contribuição para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Essa aproximação mediada pelo Selo Social, com certeza, renderá também excelentes parcerias para o bem do município em diversos segmentos”, afirmou Mauricio.

Ao todo, 53 empresas, organizações e órgãos públicos participam do processo de certificação. Ao longo deste ano serão promovidos cinco encontros, contando ainda com assessoria individual aos participantes, para que possam cadastrar os projetos na plataforma do programa e estarem aptos a serem certificados no final do ciclo.

O Selo Social foi eleito, em 2021, uma das dez soluções mais inovadoras para implementação dos ODS no Brasil. Sua obtenção tem impactado de forma positiva sobre a credibilidade das organizações, transformando-se em um importante diferencial.

Deixe uma resposta

Faça um comentário:
Digite o seu nome