Tendências da medicina estética e da ciência do envelhecimento são apresentadas no IMCAS 2022

Entre os dias 03 e 05 de junho aconteceu no Palácio do Congresso de Paris, França, a 23ª edição do International Master Course on Aging Science (IMCAS) Annual World Congress, considerado o mais importante congresso científico do mundo em medicina estética.

0
149
Crédito da foto: Leonardo Rosa.

Depois de alguns cancelamentos e adiamentos nos últimos anos, em função da pandemia, aconteceu no último final de semana a 23ª edição do IMCAS, o maior congresso mundial de medicina estética do mundo. Foram três dias intensos, com mais de 12 mil profissionais de
saúde reunidos em palestras, mesas-redondas, oficinas, simpósios e cursos com 700 palestrantes de renome internacional. 280 expositores apresentaram o que há de mais moderno e inovador nas áreas da dermatologia, cirurgia plástica e ciência do envelhecimento.

Dra Luisa Caser, especialista em Harmonização Facial com consultório no bairro Agronômica, em Florianópolis, esteve em Paris durante o evento. Com 15 anos de atuação na área da saúde, e mais de 10 participações em cursos nacionais e internacionais, a presença no IMCAS 2022 veio a somar ainda mais conhecimento e técnica. “Foram três dias de muito aprendizado, networking, insights e descobertas. A busca incessante por procedimentos menos invasivos e agressivos vão trazer resultados cada vez mais naturais e duradouros aos pacientes”, conta Dra. Luisa que já acumulava mais de 200 horas específicas de estudos na área de harmonização facial e tratamentos de peles.

Veja abaixo os highlights da 23ª edição do International Master Course on Aging Science (IMCAS) Annual World Congress:

CURIOSIDADES:

Crescimento do mercado masculino em 900% nos últimos anos;

Na Inglaterra agora é crime injetar substâncias com fins estéticos em pacientes menores de 18 anos;

As novas fibras de colágeno gerada pelos bioestimuladores, podem durar 15 anos, por isso os resultados com esse tratamento não são imediatos, e aparecem com o tempo;

Pesquisas mostram que pacientes buscam harmonização facial para terem mais confiança;

Pesquisas indicam que homens com aparência cansada passam a impressão de fragilidade

TENDÊNCIAS:

Procedimentos menos invasivos e agressivos com resultados cada vez mais naturais e duradouros;

Planejamento anti-idade com base em comparação de gerações (mãe e filha, por exemplo);

Uso da toxina botulínica para melhora da pele (fechamento de poros e tratamento da oleosidade);

Novas tecnologias de _peelings_ dão tônus e tratam rugas, sem escamar agressivamente a pele, como antigamente

A 24ª edição do IMCAS está previsto para janeiro de 2023, em local ainda a ser definido