Florianópolis é a 1ª cidade do Brasil a criar serviço de envio de medicamentos pelo correio para pessoas com HIV

Com a correria do dia-a-dia, muitas vezes pode ser difícil ter que retirar os medicamentos nos dias e locais até então disponíveis no SUS

0
266

A iniciativa é da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis, em parceria com o Projeto A Hora é Agora, da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca/Fiocruz e os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos da América, com recursos do Plano de Emergência do Presidente dos EUA para Alívio da Aids – https://www.ahoraeagora.org/ .

Com a correria do dia-a-dia, muitas vezes pode ser difícil ter que retirar os medicamentos nos dias e locais até então disponíveis no SUS.

Agora, as pessoas vivendo com HIV, moradores da capital, que quiserem, podem receber os medicamentos em casa ou em um endereço que desejar, pelo correio, de forma cômoda, segura e sigilosa.

Como receber o medicamento em casa?

Basta enviar uma mensagem para o whatsapp 48 99177 2969. A partir disso a pessoa será orientada como proceder.

O serviço é somente para moradores de Florianópolis que vivem com HIV e desejam receber os seus medicamentos pelo correio.

Caso o usuário prefira retirar diretamente na farmácia (UDM), é só procurar a farmácia conforme já está acostumado.

Além disso, Florianópolis também é a primeira cidade do país a dispensar e entregar o quantitativo de 120 comprimidos para terapia antirretroviral. Antes eram 90.

O uso dos antirretrovirais é uma questão fundamental para o sucesso no tratamento de pacientes com HIV. Para isso, tê-los sempre em mãos é o primeiro passo para uma boa adesão e para obter os benefícios do controle da infecção.