Candidaturas de Camilo Martins e Rosiney Horácio são lançadas em Palhoça

Evento realizado em Palhoça, contou com a presença do governador e candidato à reeleição, Carlos Moisés

0
449

A noite de quinta-feira (25) foi marcada pela arrancada para a corrida eleitoral deste ano. Camilo Martins e Rosiney Horácio, candidatos ao legislativo estadual e federal, reúnem mais de cinco mil pessoas no ginásio de esportes Senhor Bom Jesus de Nazaré, conhecido como Palhoção, no Centro de Palhoça.

Participaram do encontro o governador e candidato à reeleição, Carlos Moisés da Silva, o candidato ao Senado pela coligação, Celso Maldaner e o deputado estadual e candidato a primeiro suplente do Senado, Nazareno Martins e o prefeito de Palhoça, Eduardo Freccia. Além de vereadores, prefeitos, vice-prefeitos, correligionários.

O prefeito Eduardo, que abriu o evento, falou da importância de pensar a cidade para o futuro e lembrou dos projetos que eram sonhos e hoje se tornam realidade graças ao trabalho de pessoas que enxergam o valor de Palhoça. “Nas nossas andanças por Palhoça, falamos muito que o município precisa ter força política, representatividade, e temos a chance agora de continuar com a nossa cadeira na Assembleia Legislativa com o Camilo, a chance de ter pela primeira vez um deputado federal com o Rosiney”, disse. O prefeito também falou da importante participação do governador e candidato à reeleição, Carlos Moisés, para a realização do sonho de muitos palhocenses, “finalmente Palhoça vai ter um hospital para atender a região, foi um compromisso que o governador assumiu e honrou”.

O governador, em um discurso breve, lembrou de sua campanha eleitoral de 2018 quando disse que trabalharia guiado pela ideia “mais Brasil e menos Brasília”. “Durante esse mandato segui a cartilha corretamente. Somos o governo mais colaborativo com o governo federal. Isso é responsabilidade com os catarinenses. Precisamos continuar esse trabalho, porque o estado está mudando e Santa Catarina já tem governador”, afirmou Carlos Moisés.

Defensor absoluto do cuidado com a saúde das pessoas, o candidato a deputado federal Rosiney Horácio é vereador de Palhoça e ex-secretário de Saúde do município. Abriu a fala registrando as principais conquistas à frente da pasta ao lado de Camilo Martins e Eduardo Freccia. “Construímos, reformamos e ampliamos, ao todo, 17 unidades de saúde, tivemos um olhar especial para as pessoas com a entrega de óculos de grau aos idosos e alunos de nossa cidade, entrega de absorventes nos postos de saúde para as mulheres, e entrega de prótese dentária aos palhocenses que necessitavam, criamos o Centro de Referência em Autismo e muito mais, agora queremos levar tudo isso para as outras cidades catarinenses”, disse.

Rosiney também falou do primeiro hospital público de Palhoça. “Compramos o terreno e vamos ter um hospital com 160 leitos para atender a cidade de Palhoça e toda região. Mesmo diante de tudo isso, quero fazer ainda mais. Um deputado federal não pode tudo, mas pode muito! Sabemos da importância e necessidade que as pessoas têm com a saúde, essa é a nossa marca, a nossa bandeira, por isso vou defender a criação de UPAs Pediátricas 24h”, concluiu.

Entusiasmado e emocionado, o candidato a deputado estadual e ex-prefeito de Palhoça Camilo Martins lembrou da sua trajetória política, que iniciou aos 32 anos com a primeira eleição e após quatro anos concorreu a reeleição, recebendo quase 70% dos votos. “Essa foi a principal demonstração que estávamos no caminho certo. Terminei o segundo mandato com 87% de aprovação de governo, saí satisfeito e pronto para trabalhar para fazer o sucessor. Antes disso, elegemos um palhocense, Nazareno Martins a deputado estadual. Temos um grupo unido, coeso e o objetivo de ajudar as pessoas”, conta.

Camilo aproveitou para avaliar o quanto Palhoça avançou e a diferença de ter um representante da cidade na Assembleia Legislativa, referindo-se ao deputado Nazareno Martins. Disse que defende a candidatura de Celso Maldaner ao Senado e de Nazareno como primeiro suplente. Falou do trabalho de Carlos Moisés, que se tornou o governador mais municipalista, só em Palhoça investiu quase R$ 200 milhões. “É isso que temos que refletir e defender o que queremos para Santa Catarina. Precisamos eleger esse time para continuar fazendo nosso estado crescer. Agradeço a presença de todos, essa é a arrancada da vitória”, afirmou.