Tutores formalizam adoção de casal de equinos

Convênio fundação do meio ambiente e cavalaria resgata animais das ruas e oportuniza nova vida aos adotados.

0
146

O convênio entre a Fundação do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, com a Cavalaria da Polícia Militar, para resgate de equinos das ruas segue rendendo finais felizes. O casal de equinos Amora e Argo, que emocionou muitos pela história de superação – do
abandono e maus-tratos à adoção – pegou a estrada na manhã da última sexta-feira (12), em direção à Anitápolis. Já estão acomodados no Sítio “Nárnia”, ma família Benner.

A adotante Clarilene Benner chegou cedo na Cavalaria para receber os adotados. Para se familiarizar com os animais ofereceu maçãs, fruta favorita de Amora e Argo, e após o preenchimento da documentação entregue pelas mãos do superintendente Agostinho Mignori Júnior, embarcaram os animais rumo ao novo destino..

E os trabalhos de resgate de equinos não param. No início deste mês (5), foi recolhido no Sertão do Maruim um cavalo de pelagem “tostada”, que aparenta ser potro. O animal, como pede o protocolo, foi submetido a exames e aguarda o resultado dentro do celeiro da
Cavalaria.

O cavalo de pelagem tobiana com características da raça crioula e um tordilho com traços da mangalarga já testaram negativa para doenças infecciosas e aguardam a apresentação dos tutores. Caso não se apresentem, serão disponibilizados também para adoção.

DENÚNCIA

Apesar das ações de fiscalização serem frequentes por parte da Prefeitura e Cavalaria, as denúncias são uma maneira de auxiliar a identificar as regiões com maior abandono dos equinos e de evitar possíveis acidentes. Caso tenha presenciado equinos soltos em via
pública, a denúncia pode ser realizada por meio do número 153 da Guarda Municipal, pela Ouvidoria da Prefeitura 0800 6449040 ou 3381-0000 passando para o ramal da Fundação do Meio Ambiente.