Prevenção e atendimento de primeiros socorros em creches da Capital

Professores de educação infantil passam por treinamento

0
197

Nesta sexta feira (2) haverá formação em primeiros socorros de 40 profissionais de núcleos de educação infantil da rede de ensino da Prefeitura de Florianópolis. As atividades começam às 8 da manhã e vão até ao meio-dia no Centro de Educação Continuada (CEC) da Secretaria Municipal de Educação (SME).

O curso está dividido em quatro dias, com organização do Núcleo de Formação, Pesquisa e Assessoramento da Educação Infantil da SME. Haverá atividades ainda nas datas de 16 e 30 de setembro e no dia 14 de outubro.

Para o professor Charles Schnorr, coordenador do curso, essa capacitação vai dar noções aos participantes de como procederem no caso de emergências e acidente no cotidiano da comunidade escolar. Convulsões, engasgamento e intoxicações são alguns dos assuntos a serem abordados.

O secretário de Educação, Maurício Fernandes Pereira, destaca que ao longo da formação, os profissionais da educação infantil realizarão visitas a quartéis do corpo de bombeiros, exercícios práticos e simulados com feridos, princípios de incêndio, afogamentos e diversas oficinas construindo os próprios conceitos de atendimento de emergência.

Durante as oficinas são utilizadas situações em ambientes reais, como creches, refeitórios, piscinas, princípios de incêndio em lixeiras e materiais eletroeletrônicos.

Até o final do primeiro semestre de 2022 já foram capacitados mais de 4.200 professores com cursos de 20 horas aulas.
Também foram formados 3.000 professores com curso de noções básicas de atendimento de emergência e acionamento do sistema de emergências móveis (193 – 190 – 192 – 199) com carga horária de 8h, sendo que, este segundo curso ocorre nas unidades educativas com a presença de um instrutor especializado e capacitado.

TEMAS DO CURSO

-Principais acidentes em ambientes escolares

-Prevenção de acidentes na infância

-Princípios fundamentais em primeiros socorros

-Emergências pediátricas

-Trauma na infância

-Parada respiratória e cardiorrespiratória

-Obstrução de vias aéreas por corpos estranhos (engasgamento)