Hoje é quinta-feira, 18 de abril de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioNOTÍCIABombeiros atuam em busca por homem vítima de arrastamento no Novo Campeche

Bombeiros atuam em busca por homem vítima de arrastamento no Novo Campeche

Vítima caiu em uma corrente de retorno, submergiu e não foi mais vista

Às 14h15 do último domingo, 10, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) foi acionado para resgate de um homem de 28 anos que havia sido arrastado por uma corrente de retorno no Novo Campeche.

Os guarda-vidas civis voluntários (GVCV) entraram na água para realizar o resgate, porém antes mesmo que eles pudessem alcançá-lo, ele submergiu e não foi mais visto. De imediato foram iniciadas as buscas com GVCV ainda na água, uso de motoaquática e equipe de patrulhamento da praia. A aeronave Águia da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) também prestou apoio realizando sobrevôo no local. As buscas foram suspensas no início da noite e retomadas às 6h30 desta segunda-feira, 11, com uso de duas embarcações.

No domingo, 10, as características do mar indicavam alto risco de afogamento, condição indicada pela bandeira retangular vermelha fixada no posto de guarda-vidas. Além disso, havia a sinalização de presença de corrente de retorno no local, com o uso de bandeira triangular vermelha na faixa de areia.

Durante todo o dia desta segunda-feira, 11, foram realizadas buscas com a utilização da embarcação Resgate-05 fazendo buscas fora da zona de arrebentação e Moto aquática realizando buscas superficiais na zona de arrebentação, onde a vítima foi vista submergindo.

As buscas se concentraram na região compreendida entre a praia da Joaquina e Morro das Pedras, com ambas as embarcações realizando varreduras nessa áreas. Até o momento, o corpo do homem não foi localizado.

Bandeiras, aplicativo e qrcode: CBMSC disponibiliza informação por diversos meios

Um dos maiores desafios enfrentados pelo Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) é o de elevar o nível de consciência das pessoas em relação aos perigos existentes nos meios aquáticos. Só nos 65 dias da etapa de temporada da Operação Veraneio 2023/2024, foram realizadas mais de 10 milhões e 500 mil ações de prevenção ativa. Além disso, a corporação conta com outras formas de levar conhecimento e prevenção. Atualmente a corporação atua na fase de pós-temporada que se encerra no dia 31 de março.

Nos locais onde há ativação do serviço de guarda-vidas, uma bandeira retangular é fixada no posto para que todos que chegam à praia saibam, pela cor, qual é a condição do mar naquele dia. A bandeira vermelha significa alto risco de afogamento, a amarela médio risco de afogamento e a verde baixo risco de afogamento. Há ainda a bandeira retangular lilás, que indica se há incidência de água-viva naquela praia naquele dia.

Já na faixa de areia os guarda-vidas utilizam a bandeira triangular vermelha para indicar um determinado local naquela extensão do mar, que há presença de corrente de retorno e por isso, não é um local indicado para banho por apresentar alto risco de arrastamento e, consequentemente, afogamento.

Além disso, todas essas informações podem ser verificadas pelo cidadão antes mesmo dele sair de casa por meio do aplicativo CBMSC Cidadão, no ícone Praias, que também é atualizado. Este aplicativo pode ser baixado gratuitamente tanto para versão Android quanto para iOS e é um ótimo aliado na hora de planejar um momento de lazer em nosso litoral.

Firme no compromisso de disseminar informações preventivas com o objetivo de evitar afogamentos, o CBMSC criou uma área temática dentro do site da corporação que reúne todas as informações da Operação Veraneio. Dentro da área do Cidadão, os usuários encontrarão um link chamado “Operação Veraneio”, onde há dicas referentes às bandeiras de sinalização utilizadas, quais são os riscos permanentes e não permanentes que devem ser observados, o que fazer em caso de queimaduras por águas-vivas, além do link para baixar o aplicativo CBMSC Cidadão.

Esta área foi transformada em um QR Code que foi aplicado em materiais e lugares de acesso de praia, como mais uma forma de orientação aos moradores e turistas que aproveitam as praias de Santa Catarina.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa