Hoje é quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioECONOMIAFIN Brasil 2024 amplia espaço de Santa Catarina no comércio internacional

FIN Brasil 2024 amplia espaço de Santa Catarina no comércio internacional

Encontro entre CEO e embaixadores abre oportunidade para empresários catarinenses aumentarem fluxos de negócios com maior variedade de países

Publicidadespot_img

O CEO da FIN Brasil e presidente da Câmara de Comércio Brasil-Portugal, Jatyr Ranzolin, está empenhado em construir novas pontes de colaboração para promover mais parcerias internacionais e expandir as oportunidades com Santa Catarina. O desafio de criar um ambiente de diálogo e negócios contemplou uma série de visitas a embaixadores de diferentes países, durante a última semana, em Brasília.

Ao todo, Jatyr percorreu 12 embaixadas, o que resultou em uma intensa agenda com 14 embaixadores e um vice-chefe de missão. Ele conversou com representantes dos países Malta, Liga Árabe, Índia, Turquia, Vietnã, Armênia, Israel, Canadá, Palestina, Chipre, Peru, Camarões, Rússia e Indonésia.

Jatyr teve a confirmação de que grande parte dessas nações, interessadas em estreitar o comércio com Santa Catarina, estará presente na próxima edição da FIN (Feira Internacional de Negócios), que será realizada entre os dias 03 e 04 de abril, no CentroSul, em Florianópolis.

Feedback de embaixadas: Durante a reunião com John Aquilina, embaixador de Malta, houve o interesse do arquipélago em fomentar parcerias com universidades. Objetivo semelhante foi expresso por Qais Marouf Kheiro Shqair, embaixador da Liga Árabe.

No encontro com o vice-chefe da missão diplomática indiana em Brasília, B.C. Pradhan demonstrou disposição para negociar com setores farmacêutico, têxtil, petrolífero, de TI, manufatura, agricultura e gás. Duta Besar Edi Yusup, embaixador da Indonésia, também abordou a tecnologia como fonte de novos negócios com Santa Catarina.

Turquia,representada pelo embaixador Halil İbrahim Akça, destacou o segmento da pecuária, especialmente frango e bovino, além de infraestrutura e desenvolvimento de software.

Bui Van Nghi, embaixador do Vietnã, também mencionou foco na pesquisa e tecnologia, além das áreas do turismo, da construção civil e da madeira. O embaixador pretende visitar Santa Catarina para conhecer de perto as oportunidades comerciais com o Estado.

Parcerias para a área educacional, de comércio e turismo também foram citadas pelo embaixador do Chipre, Vasilios Philippou, que visitou recentemente o Estado e confirmou presença na FIN 2024.

“Santa Catarina tem muito a oferecer, desde produtos agrícolas de alta qualidade até avanços inovadores em setores como tecnologia e manufatura. A diversidade da economia catarinense cria uma base sólida para uma cooperação ampla e mutuamente benéfica com muitos países”, diz Jatyr Ranzolin

Fluxos de negócios: Segundo o Observatório FIESC, no terceiro trimestre de 2023, Santa Catarina exportou US$ 3 bilhões em mercadorias, o que representou queda de 10,1% na análise interanual. Mesmo com o recuo, o montante é o segundo maior para o trimestre na série histórica, atrás apenas do mesmo período do ano passado.

O relatório aponta que a queda no trimestre está associada à desaceleração econômica dos principais parceiros comerciais do Estado, como Estados Unidos, China, Argentina e União Europeia. Os produtos mais vendidos para o exterior foram carnes de aves, carne suína, soja, partes de motor e móveis.

Do ponto de vista das importações, ainda de acordo com a FIESC, Santa Catarina registrou montante de US$ 7,3 bilhões no terceiro trimestre, o que representou uma queda de 7,7% em relação ao mesmo período em 2022. No entanto, as compras externas se mantiveram acima de US$ 7,0 bilhões, valor conquistado a partir de 2022.

Entre os principais produtos importados estão cobre refinado, partes e acessórios para veículos, veículos, pneus de borracha e polímeros de etileno. As principais origens de importação no terceiro semestre foram China, Estados Unidos, Chile e Argentina. Houve crescimento das compras oriundas da Itália, Alemanha e França, sobretudo do setor de fármacos.

FIN Brasil 2024: A feira é promovida pela Câmara de Comércio Brasil – Portugal/SC,  Associação dos Jovens Empresários Portugal/China, Federação das Câmaras Portuguesas de Comércio no Brasil e Câmara de Negócios da Região de Beiras. Conta com o apoio do Governo de Santa Catarina, da Prefeitura de Florianópolis, FIESC e FACISC.

ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa