Hoje é sexta-feira, 14 de junho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALFloripa Tap leva artistas internacionais e aulas gratuitas para quase 700 crianças...

Floripa Tap leva artistas internacionais e aulas gratuitas para quase 700 crianças e jovens

Alunos de duas instituições aprenderão a dançar com os sapateadores Maud Arnold, Star Dixon e Josette Wiggan, dos Estados Unidos, e Daniel Borak, da Suíça e mais de 300 estudantes do Brasil têm bolsa para as oficinas

Cerca de 700 crianças e adolescentes de duas instituições da Capital terão aulas gratuitas de sapateado e outras modalidades com a participação de quatro sapateadores internacionais convidados para o 13ª Floripa Tap. As sapateadoras dos Estados Unidos Maud Arnold, Star Dixon e Josette Wiggan, e o sapateador suíço Daniel Borak, integram o grupo que irá dar aulas gratuitas no Centro de Educação Popular (Cedep), na comunidade de Monte Cristo, que integra a Rede Instituto Vilson Groh (Rede IVG), e na Associação Casa São José, no bairro Serrinha.

As atividades, conduzidas pela diretora do festival internacional, Marina Coura, serão nos dias 27 e 28 de maio, segunda e terça-feira, às 10h e às 13h. A iniciativa já faz parte do calendário do Floripa Tap, que realiza uma programação social em todas as edições desde 2015, buscando divulgar a arte e despertar o interesse de crianças e adolescentes.

O grupo contará ainda com a participação da baiana Ana Gori, que dirige o primeiro grupo de sapateado brasileiro 100% formado por artistas negros, o Black’s On Tap, Bruno Maria (Rio de Janeiro) que começou a dançar sapateado em um projeto social e hoje é destaque no cenário nacional do tap, Yasmin Bogo, professora da Garagem da Dança, escola realizadora do festival, atriz, sapateadora e coreógrafa, e Rebeca Pereira, sapateadora fluminense idealizadora do grupo de tap dance Based in BXD (que irá se apresentar no palco aberto do festival na Avenida Beira-mar Norte).

Além disso, a Casa São José é beneficiada com aulas gratuitas de dança para crianças o ano todo, uma ação também do Floripa Tap. Como o festival foi contemplado com projeto de subsídios da Funarte, o número de estudantes atendidos com aulas regulares na instituição subiu de 30 para 80.

O festival também possui alunos e alunas bolsistas para as aulas das oficinas, que vêm de vários lugares do Brasil, com prioridade para pessoas negras, ainda como resultado do projeto com a Funarte. São mais de 300 estudantes contemplados. “”Abrimos esta possibilidade na linha de reparação histórica. Nosso viés na luta antirracista é de oportunizar, para que as pessoas negras possam ter mais acesso e maiores possibilidades de aperfeiçoamento e profissionalização. Buscamos a real inclusão, não a integração: enquanto integrar é colocar todos no mesmo lugar, incluir é ter o conhecimento e letramento das diferenças e com elas construir um lugar novo”, destaca Marina Coura.

De 29 de maio a 2 de junho o Floripa Tap oferece ainda oito espetáculos gratuitos ao público na Beira-mar Norte, Teatro do CIC, e casa Bugio Trindade, além de mais de 60 oficinas de dança (parte delas com inscrições gratuitas) na Garagem da Dança e no Centro Cultural Veras. O principal espetáculo do festival é a Noite de Gala, no CIC, no dia 1° de junho, com ingressos na Blueticket. Programação completa e inscrições no site floripatap.com.br.

PROGRAMAÇÃO SOCIAL DO FLORIPA TAP

27 de maio, segunda-feira
10h às 15h – aulas gratuitas para alunos do CEDEP (aulas iniciam às 10h e às 13h)
Professores: Maud Arnold (EUA), Josette Wiggan (EUA), Marina Coura (Florianópolis), Ana Gori (Salvador/BA), Bruno Maria (RJ), Yasmin Bogo (Florianópolis) e Rebeca Pereira (RJ)
Endereço: Rua Frei Fabiano de Cristo, s/n°, bairro Monte Cristo, Florianópolis

28 de maio, terça-feira
10h às 15h – aulas gratuitas para alunos da Casa São José (aulas iniciam às 10h e às 13h)
Professores: Maud Arnold (EUA), Josette Wiggan (EUA). Star Dixon (EUA), Daniel Borak (Suíça), Marina Coura (Florianópolis), Ana Gori (Salvador/BA), Bruno Maria (RJ), Yasmin Bogo (Florianópolis) e Rebeca Pereira (RJ)
Endereço: Rua Marcus Aurélio Homem, n° 366, bairro Serrinha, Florianópolis

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa