Hoje é sexta-feira, 21 de junho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
InícioGERALHortas transformam educação em São José

Hortas transformam educação em São José

Com incentivo do Instituto MRV, até o final de 2023, município catarinense contará com horta comunitária e formação de professores em metodologia de horta pedagógica

O projeto Educando e Transformando com a Horta, atuará em duas novas frentes em 2023. O Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo (Cepagro) vai realizar, por meio do programa Educar para Transformar do Instituto MRV (braço social da MRV&CO), e em parceria com a prefeitura de São José, a formação de professores em hortas pedagógicas e a criação de uma horta comunitária no município.

De acordo com a engenheira agrônoma que coordena a iniciativa, Karina Smania de Lorenzi, as hortas pedagógicas desenvolvidas pelo Cepagro trabalham em três eixos: gestão de resíduos e compostagem, hortas agroecológicas e educação alimentar. Segundo ela, o curso de formação ocorrerá de março a outubro, terá formato híbrido (com encontros on-line e presenciais) e deve capacitar 30 professores da rede municipal de ensino.

Karina acrescenta que as hortas têm caráter participativo, pois permitem envolver comunidade, alunos e professores e aplicar os conhecimentos de diversas disciplinas como Matemática (medição dos canteiros), Ciências (preparo e cuidados do solo), História e Geografia (aspectos históricos, regionais e culturais) e muitas outras.

A horta comunitária deverá ser implementada até o final de 2023, em parceria com a Escola Municipal do Meio Ambiente e a partir de uma vontade identificada pela comunidade escolar durante a execução do projeto em 2022. O seu propósito será beneficiar toda a comunidade local, pois funcionará como um espaço de convívio social, troca de experiências, ensinamentos e momentos de descontração, além do cultivo de alimentos, ervas medicinais e temperos.

Resultados
Em 2022, o projeto envolveu 15 professores e atendeu diretamente 240 estudantes de três escolas municipais de São José, na região da Grande Florianópolis (SC): Centro Educacional Municipal (CEM) Escola do Mar Flavia Scarpelli Leite, CEM Santa Terezinha e CEM Amélia Inácia de Medeiros Ludwig.
Nas escolas participantes, as práticas de compostagem permitiram que 1,4 mil quilos de resíduos orgânicos deixassem de ir para o aterro sanitário, sendo transformados em composto orgânico (adubo) para ser utilizado nas hortas das escolas. Foram construídas cerca de 20 canteiros com o plantio de mais de 30 espécies, dentre as quais, sementes crioulas e PANCs, as chamadas plantas alimentícias não convencionais.

Apoio e incentivo 
O projeto Educando e Transformando com a Horta teve início em 2006, e, em 2021, foi um dos selecionados para participar da oitava edição do Educar para Transformar, do Instituto MRV.

A coordenadora do Instituto MRV, Blenda Alves, destaca que os projetos apoiados pelo Educar para Transformar impactam positivamente o ambiente escolar em diversos contextos. “São iniciativas que fortalecem as práticas pedagógicas dos professores e, por meio de metodologias ativas, colocam o estudante como protagonista do seu próprio aprendizado. Os resultados ultrapassam os muros escolares, pois cada núcleo de participantes é incentivado a identificar e a buscar soluções para as necessidades da escola ou comunidade, o que promove verdadeiras transformações”, avalia.

Para Karina, coordenadora do projeto, o apoio do Instituto MRV foi essencial para viabilizar e expandir o projeto. “Nós não conseguiríamos realizar o projeto sem o apoio do Instituto MRV, que nos possibilitou não apenas suprir nossa demanda pelo desenvolvimento do projeto em si e pela estrutura e insumos necessários, mas também colaborou para nosso aperfeiçoamento profissional, especialmente através das mentorias realizadas pelo Hub Social e pelo Instituto iungo”, afirma.
Desde 2014, o Instituto MRV promove a transformação social por meio de iniciativas educacionais para crianças, jovens e educadores, e o Educar para Transformar é um de seus principais programas.

Sobre o Instituto MRV
O Instituto MRV acredita que os primeiros passos para trilhar um futuro com mais oportunidades estão diretamente ligados ao poder transformador da educação. Por isso, desde 2014, o braço social da MRV&CO desenvolve e apoia importantes programas e projetos, que têm como essência oferecer possibilidades ainda maiores na área da educação. Com 1% do lucro líquido da companhia destinado para essas ações, já foi possível proporcionar oportunidades de um futuro melhor para mais de 1,1 milhão de pessoas em sete anos. Saiba mais em institutomrv.com.br.

Sobre o Cepagro
O Cepagro – Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo é uma organização de mais de 30 anos dedicada a promover a agroecologia em comunidades rurais e urbanas por meio de articulações em redes, incidência política, comunicação, educação e assessoria técnica visando a segurança alimentar e nutricional.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa