Hoje é sexta-feira, 12 de abril de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALMovimento artístico Jaguar Parade deixa legado de conservação ambiental em Florianópolis

Movimento artístico Jaguar Parade deixa legado de conservação ambiental em Florianópolis

Além de fornecer arte, cor, cultura e conscientização, a Jaguar Parade teve como objetivo arrecadar recursos para duas importantes ONGs: Onçafari e Panthera.

Florianópolis se despede da Jaguar Parade Floripa 2023, um movimento artístico internacional que encantou mais de 700 mil pessoas ao exibir uma coleção de obras de arte em forma de onças-pintadas espalhadas pela cidade. Além de fornecer arte, cor, cultura e conscientização, a Jaguar Parade teve como objetivo arrecadar recursos para duas
importantes ONGs: Onçafari e Panthera.

A exposição, apresentada pela Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, por intermédio da Lei de Incentivo à Cultura, Isa CTEEP e PremieRpet, contou com a participação de artistas do cenário da arte local e nacional que deixaram suas marcas nas obras que foram exibidas gratuitamente em pontos turísticos e principais espaços de grande circulação de público, como a Ponte Hercílio Luz, Avenida Beira-mar Norte, Lagoa da Conceição, Santo Antônio de Lisboa, Jurerê, entre outros.

Novos movimentos

A Jaguar Parade Floripa 2023 foi idealizada pela empresa catarinense Artery, referência na promoção de eventos de arte ao ar livre no Brasil. Sob o comando dos cofundadores Giovane Pasa e Carolina Barreto, a Artery tem se destacado por unir a arte à preservação ambiental.

“A Jaguar Parade Floripa 2023 não apenas encantou os olhos, mas também tocou os corações das pessoas. Milhares de visitantes se maravilharam com a criatividade dos artistas e a expressividade das esculturas, enquanto se conscientizaram sobre a necessidade de proteger as espécies de felinos ameaçados e seus ecossistemas”, enfatiza Carolina Barreto.

A primeira Jaguar Parade aconteceu em São Paulo, em 2019, e foi considerada a maior exposição de arte ao ar livre da história da cidade. Aproximadamente, 10 milhões de pessoas viram as onças nas ruas e parques de São Paulo.

A penúltima edição ocorreu em Nova York no ano passado, impactando milhões de pessoas nas ruas e pela Internet. O evento contou com ações especiais como pinturas ao vivo, debates entre artistas e oficinas de arte presenciais e online, além de uma experiência
imersiva no Metaverso. Foram exibidas 40 esculturas nos locais mais icônicos, como Times Square, Central Park, World Trade Center e durante a 77ª Assembleia Geral das Nações Unidas.

Agora, os idealizadores do evento seguem em uma viagem de mais de um mês, com o objetivo de se encontrar com parceiros, artistas e governantes no Rio de Janeiro, Cidade do México e Los Angeles. Essa jornada tem como propósito preparar o terreno para o lançamento global do Big Cats Movement, uma nova proposta da Artery para a preservação
de grandes felinos pelo mundo.

“Para nós foi uma imensa satisfação fazer parte de mais essa etapa. Agradecemos aos moradores e visitantes de Florianópolis que apreciaram as obras e aos que deram seus lances no leilão contribuindo com essa causa tão importante. E podem esperar que ainda vem muita coisa boa por aí”, finaliza Giovane Pasa, diretor da Artery.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa