Hoje é terça-feira, 20 de fevereiro de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALOperação Volta às Aulas recebe mais de 20 ordens de serviços emergenciais

Operação Volta às Aulas recebe mais de 20 ordens de serviços emergenciais

Trabalhos da Secretaria de Infraestrutura focam na manutenção urbana das áreas próximas das unidades educativas

Publicidadespot_img

Mais de 20 ordens de serviços emergenciais já foram expedidas pela Secretaria de Infraestrutura para obras de capinação, reparos em calçadas, estradas e acessos às escolas da rede municipal de ensino de São José. Conforme orientação do prefeito Orvino Coelho de Ávila, a Operação Volta às Aulas, visa realizar o máximo de obras para atender a comunidade escolar até o dia 15 de fevereiro, quando retornam às aulas no Município.

“Fizemos um diagnóstico de cada situação para planejamento e execução dos serviços. Com essa atuação, conforme o cronograma do Plano de Manutenção Urbana Regionalizado e Continuado, nós concentramos máquinas, ferramentas e mão de obra especializada por região, otimizando o tempo e aumentando a produtividade. Além disso, a execução fora do período escolar impacta menos para a população e proporciona agilidade nos serviços”, explicou o secretário de Infraestrutura, Nardi Arruda.

Pela primeira vez no Município, a Secretaria de Infraestrutura vem realizando esse trabalho de obras nas escolas no período de férias para garantir um retorno tranquilo para comunidade escolar em fevereiro, reforça o secretário. Ele relata que uma equipe vistoria as mais de 70 unidades escolares, verifica o que é necessário de obras e, em seguida, uma nova equipe vai ao local para realiza-las.

Paralelamente, a Prefeitura de São José também está intensificando a manutenção e a limpeza das praças e demais equipamentos públicos. As equipes de manutenção de equipamentos públicos da Fundação do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável foram incorporadas à Secretaria de Infraestrutura. “Este é um esforço conjunto com foco na promoção da qualidade de vida dos moradores e também no combate à dengue, eliminando recipientes que acumulam água e possam ser criadouros do mosquito”, disse Nardi Arruda.

ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa