Hoje é terça-feira, 25 de junho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALParque Estadual da Serra do Tabuleiro celebra 48 anos de fundação

Parque Estadual da Serra do Tabuleiro celebra 48 anos de fundação

O Parque abrange oito municípios, o que representa 1% do território catarinense, e abriga uma imensa e rica biodiversidade, apresentando cinco das seis grandes formações vegetais do bioma Mata Atlântica, encontradas no estado

O Parque Estadual da Serra do Tabuleiro (PAEST) comemora 48 anos de existência nesta quarta-feira, 01. Com 84.130 hectares, o parque é a maior unidade de conservação de proteção integral de Santa Catarina. Abrange oito municípios, o que representa 1% do território catarinense, e abriga uma imensa e rica biodiversidade, apresentando cinco das seis grandes formações vegetais do bioma Mata Atlântica, encontradas no estado.

O parque é administrado pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), com apoio do Governo do Estado e cogestão do Centro de Visitantes pelo Instituto Çarakura. Criado em 1975, com base nos estudos dos botânicos Pe. Raulino Reitz e Roberto Miguel Klein, a unidade tem por objetivo proteger a biodiversidade da região, a geologia e os mananciais hídricos que abastecem as cidades da Grande Florianópolis e do sul do estado.

“O dia de hoje é um marco para o meio ambiente no estado e para a conservação da natureza em Santa Catarina. O Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, pensado há mais 48 anos, ainda nos surpreende com toda sua beleza, seu potencial e biodiversidade, sendo um campo de pesquisa incomparável e importante espaço para associação do turismo ecológico à educação ambiental“, comenta o coordenador do parque e biólogo do IMA, Marcos Maes.

Para comemorar este precioso patrimônio natural, o Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA), por meio da coordenação do parque e do Instituto Çarakura, realiza uma programação especial com a intenção de presentear a população com atrações em meio à natureza.

Programação de Aniversário

As atividades ocorrerão ao longo de todo o mês e incluem:

04/11 – Oficina de Monitoramento de Fauna;
18/11 – Curso: Imersão do Educador no Território;
24/11 – Oficina: As línguas ferozes e as potências da suavidade;
30/11 à 02/12 – I Seminário de Educação Ambiental do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro.

As atividades são diversas e voltadas para pesquisadores, educadores e ambientalistas e também para a comunidade e toda a família. Uma excelente oportunidade para presentear a natureza e brindar o dia em um dos lugares mais belos e preservados de Santa Catarina.

Além disso, os atrativos naturais do Parque como o Morro do Cambirela, a Praia da Guarda do Embaú, a Pedra do Urubu, entre outros, estão sempre à disposição para encantar os visitantes.

Tabuleiro 2 Adrio Centeno IMA

Foto: Adrio Centeno/IMA

O Parque

O Parque Estadual da Serra do Tabuleiro abrange áreas dos municípios de Florianópolis, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, Águas Mornas, São Bonifácio, São Martinho, Imaruí e Paulo Lopes. Fazem parte do Parque as ilhas do Siriú, dos Cardos, do Largo, do Andrade e do Coral, e os arquipélagos das Três Irmãs e Moleques do Sul.

O nome da Unidade de Conservação é emprestado de uma das serras do Parque que possui um cume de formato tabular, bastante visível da região de Florianópolis: a Serra do Tabuleiro.

Localizado em uma região estratégica, única e muito especial da Mata Atlântica, o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro possui uma ampla diversidade de habitats. No litoral, sob forte influência marítima, são encontradas as formações de restinga e manguezal. A Floresta Ombrófila Densa, riquíssima em plantas epífitas, cobre as serras e ocupa a maior parte da área do Parque. Nas encostas superiores da serra, envolta em neblina formada pela condensação da umidade que chega do mar, aparece a matinha nebular. Nas partes mais altas do Parque se faz presente a Floresta Ombrófila Mista (Floresta com Araucárias) e os Campos de Altitude. Cada ecossistema tem sua fauna e flora características, assim como suas espécies dominantes. As ilhas costeiras que fazem parte da unidade também apresentam suas singularidades.

Por suas características, o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro é um campo de pesquisas incomparável. Localizado próximo a grandes centros urbanos, possui um enorme potencial de lazer, associando o turismo ecológico à educação ambiental.

O Parque tem sua sede em Palhoça, na Baixada do Maciambú. O local conta com um centro de visitantes e trilhas educativas, onde o público pode ter contato com espécies nativas. O Parque possui ainda dois centros temáticos na sede dos municípios de Imaruí e de São Bonifácio.

Mas, além da infraestrutura física, o principal atrativo são as riquezas naturais. A imensidão de espécies e vegetação praticamente intocáveis tornam a Serra do Tabuleiro um dos principais tesouros catarinenses.

O IMA administra Unidades de Conservação de Proteção Integral da categoria Parque que permitem a visitação pública, e da categoria Reserva Biológica, onde o manejo ambiental é restrito e o acesso só é permitido a pesquisadores. O agendamento de visitas a todas as Unidades é realizado somente de forma on-line pelo site do IMA.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa