Hoje é sábado, 13 de julho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALPrefeitura realiza obras na Avenida das Torres para melhorar a mobilidade urbana

Prefeitura realiza obras na Avenida das Torres para melhorar a mobilidade urbana

Semáforos, novos retornos de veículos e terceiras faixas integram obras que visam dar mais fluxo aos veículos na região

A Prefeitura de São José está realizando uma série de ações para organizar a mobilidade urbana nos acessos ao bairro Ipiranga e à Rua Otto Júlio Malina, por meio da secretarias de Infraestrutura, que está executando as obras;  de Segurança, que está cuidando da sinalização e organização do trânsito e da Fundação do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, responsável pelo canteiro central.

Nesta sexta-feira (28), a equipe se dedicou ao revestimento asfáltico nas imediações da Rua Osvaldo José do Amaral (Avenida das Torres), com a Rua Otto Júlio Malina. Após finalizado, existem outras etapas. Foram realizadas obras de alargamento nos acessos a Rua Bom Pastor, no sentido BR-101, conclusão da terceira pista, mais o acesso a Rua Célio Veiga.

Essas ações integram um estudo que levou aproximadamente seis meses, ouvindo a população, empresários e vereadores, para avaliar o sistema viário, que envolve questões como o fluxo de caminhões nos centros logísticos da Avenida das Torres; as linhas do transporte coletivo e os veículos dos moradores da região.

“Nesta região há um entroncamento crítico de veículos, que precisam cruzar a Avenida das Torres para acessar o bairro Ipiranga, sentido Pedregal e Potecas”, detalha o engenheiro de trânsito da Secretaria de Segurança, Defesa Civil e Trânsito, Carlos Alberto Pereira.

Implementação

As etapas para desafogar o trânsito iniciaram há aproximadamente um mês. Primeiro foi aberto um retorno para a comunidade do Solemar, localizada no bairro Jardim Cidade, para não precisar se deslocar até o entroncamento da Rua Otto Júlio Malina, com a Avenida das Torres.

Numa segunda etapa, foi pensado num acesso para os caminhões entrarem na BR-101, pois atualmente, eles só tem a opção pela Rua Otto Júlio Malina, que tem como característica uma grande quantidade de comércios.

“A ideia é pegar este trânsito “pesado” dos caminhões e lançar para a Rua Célio Veiga. Para pôr em prática essa ideia, foi criado um sentido único entre a Rua Célio Veiga, com a Rua Valcionei, para facilitar a entrada dos veículos na Rua Célio Veiga”, salienta Carlos Alberto Pereira.

Em outra etapa foi construída uma terceira pista, que inicia no acesso aberto do Solemar até a Rua Otto Júlio Malina, para criar uma terceira pista de caixa de veículos, que vão acomodar os veículos que desejam passar pelo bairro Ipiranga, sentido Pedregal.

“Nós estamos prevendo pelo menos mais um mês de obra, para conseguir finalizar tudo, porque nós precisamos fazer a programação das controladoras, o semáforo, fazer os acabamentos, as sinalizações horizontal e vertical e a parte dos acabamentos do asfalto, a parte de meio-fio, sarjetas, entre outras obras”, complementa o engenheiro de trânsito.

Semaforização

Para organizar o fluxo de veículos na Avenida das Torres, a equipe definiu pela implantação de semaforização, possibilitando um tempo maior para os veículos que pretendem cruzar sentido bairro Serraria e Areias. Esses veículos não vão ficar mais presos na fila, porque eles terão um tempo maior para fazer a travessia e os veículos que vão cruzar a Rua Otto Júlio Malina vão aguardar o tempo previsto para fazer uma conversão à esquerda, detalha o engenheiro.

Está previsto também um tempo de semáforo para a travessia do pedestre, para que atravesse a via com segurança, sem ter o conflito que existe atualmente na Avenida das Torres, onde o pedestre precisa atravessar a pista no meio dos veículos, muitas vezes, botando a vida em risco. “Aqui nesta região temos um grande número de pedestres, por conta das escolas, desde crianças até escolas”, salienta.

Uma das beneficiárias das obras que estão sendo realizadas na área, é a dona Joselita Carneiro da Silva, 76 anos, que reside há 50 anos na Rua Bom Pastor. Ela conta que faz anos que não vê uma obra dessa dimensão ocorrer na região e avalia a proposta da Prefeitura de São José será benéfica para os moradores. “Para a gente atravessar aqui é um trabalho, se bobear morre aqui, agora com a mudança vai melhorar bastante, vem para ajudar em nossa segurança”.

Sentido único

Um dos maiores questionamentos que a Secretaria de Segurança tem recebido é acerca do trecho da Rua Otto Júlio Malina, entre a Avenida das Torres e a Rua João José Pereira, ao contrário do que muitos estão pensando, este trecho segue em mão dupla, ou seja, não será em sentido único, ele terá um semáforo.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa