google.com, pub-9039894567170353, DIRECT, f08c47fec0942fa0
Hoje é sexta-feira, 1 de março de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALRevista Eletrônica Ventilando Acervos celebra dez anos de existência com nova edição...

Revista Eletrônica Ventilando Acervos celebra dez anos de existência com nova edição para download

Os textos versam sobre os campos da Arte, da Memória Social, da Museologia, da História e do Patrimônio e seus procedimentos e metodologias de investigação e análise com fontes históricas, documentação em museus, memória oral e gestão de coleções.

A equipe do Museu Victor Meirelles (Ibram/MinC) e os participantes do Grupo de Estudos Política de Acervos celebram os dez anos de existência da Revista Eletrônica Ventilando Acervos com o lançamento de uma nova edição (volume 10, número 2, dezembro de 2022), disponível para leitura e download no site https://ventilandoacervos.museus.gov.br/edicao-atual/. O número regular reúne nove trabalhos, sendo cinco artigos, três relatos de experiências e uma entrevista, totalizando 15 autoras e autores que contribuíram com suas experiências de trabalho em museus ou com suas pesquisas acadêmicas sobre coleções.

Os textos versam sobre os campos da Arte, da Memória Social, da Museologia, da História e do Patrimônio e seus procedimentos e metodologias de investigação e análise com fontes históricas, documentação em museus, memória oral e gestão de coleções. O editor responsável é o museólogo Rafael Muniz de Moura. O corpo editorial é composto pelas servidoras Rita Matos Coitinho, Simone Rolim de Moura e Mara Lúcia Carrett de Vasconcelos. Há, também, um conselho consultivo encarregado de selecionar os trabalhos submetidos. Consideram-se os critérios como a pertinência do tema, a adequação
às linhas da revista e o aspecto geral do texto.

Artigos:

– De volta para o futuro: como a performance de George Mathieu no MAM-RJ (1959) poderia ter mudado o presente dos museus brasileiros

Vivian Horta

– Narrativa sobre a experiência com a implementação do repositório digital Tainacan, no Exército Brasileiro

Jéssica Tarine Moitinho de Lima

– O processo de musealização de um acervo ferroviário

Cinara Isolde Koch Lewinski

– A montagem de um museu e a retórica da perda: novos arranjos museológicos

Angélica Ferrarez de Almeida

– Memorialização do passado: uma breve análise sobre o Museu Municipal Agostinho Martha em Gravataí

Helena Thomassim Medeiros, Diego Lemos Ribeiro e Daniel Maurício Viana de souza

Relatos de Experiência:

– As histórias por trás de todo ferro de uma máquina de costura

Osmar Luiz Dalmaso

– Mais Humano: como nasce uma exposição e um centro de arte educação

Francine Goudel

– Política e Gestão de Acervos na Pinacoteca da UFPB

Alberto dos Santos Cabral, Marisa Pires Rodrigues, Maya Oliveira, Renata Fernanda Lima de Melo e Sabrina Fernandes Melo

Entrevista:

– “Museu sem utilidade não faz sentido”: desafios e potencialidades da História Pública praticada em museus

Luiza Porto

Saiba Mais

A Revista

A Revista Eletrônica Ventilando Acervos – ISSN 2318.6062, com periodicidade anual, é organizada pelo Grupo de Estudos Política de Acervos, publicada pelo Museu Victor Meirelles (Ibram/MinC) e conta com o apoio da Associação de Amigos do Museu Victor Meirelles (AAMVM). É dedicada a reunir e socializar práticas e conhecimentos acerca da
gestão de acervos em museus.

A publicação busca reunir um arcabouço teórico para auxiliar os museus a elaborar suas Políticas de Acervos, documento que estabelece diretrizes gerais para a conceituação e o gerenciamento de acervos por meio da definição de processos e procedimentos técnicos concernentes à aquisição, à documentação, à gestão e ao descarte das coleções, e também divulgar experiências de museus que já elaboraram suas Políticas de Acervos, trocando práticas e exemplos de referência para reflexão sobre as atividades realizadas, os
profissionais envolvidos, as dificuldades encontradas e os caminhos escolhidos.

O Grupo de Estudos

O Grupo de Estudos Política de Acervos foi iniciado em novembro de 2011 pela equipe do Museu Victor Meirelles para cumprir a necessidade de estabelecimento de sua Política de Aquisições e Descartes de Bens Culturais de Caráter Museológico. Tem como objetivos levantar fontes de estudos sobre o tema e trocar conhecimentos e experiências quanto à
aquisição, gestão e descarte de acervos em museus.

Confira as normas de publicação, a edição atual e as anteriores e saiba mais em http://ventilandoacervos.museus.gov.br/

ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa