Hoje é segunda-feira, 20 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERAL"Um momento para reforçar os valores, a missão e o compromisso do...

“Um momento para reforçar os valores, a missão e o compromisso do IASC”, avalia presidente

Presidente do Instituto dos Advogados de Santa Catarina, Gilberto Lopes Teixeira, fala nesta entrevista sobre os 92 anos da entidade

Fundado em 1º de novembro de 1931, sob a liderança do advogado Edmundo Accácio Moreira, o Instituto dos Advogados de Santa Catarina (IASC) é a primeira, portanto, a mais antiga associação de advogados do Estado. Octogenário, o Instituto teve papel importante na história da advocacia catarinense e na própria história de nosso Estado, com destaque na luta pelo retorno da democracia durante o regime de Vargas (1937 a 1945) e a ditadura militar (1964 a 1980). Sem fins lucrativos, de utilidades públicas municipal e estadual, o Instituto é reconhecido pela medalha e diploma de mérito Virgílio Várzea concedidas pela Câmara de Vereadores de Florianópolis.
O Instituto dos Advogados foi responsável pela implantação da primeira Faculdade de Direito no Estado, em 11 de fevereiro de 1932 e pela criação da Seccional Catarinense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC), em 1º de janeiro de 1933.
O IASC é uma associação composta por advogados, juízes, promotores, desembargadores, doutores, mestres e bacharéis em Direito que tem como finalidade o estudo do Direito, a difusão dos conhecimentos jurídicos, e o culto da Justiça; a colaboração com os poderes públicos no aperfeiçoamento da ordem jurídica; a defesa do estado democrático de direito, dos direitos humanos, da dignidade e do prestígio dos juristas de modo geral; quando necessário, oferece assistência jurídica à coletividade contra atos ou omissões de autoridades. Dedica-se, também, à promoção da defesa do meio ambiente, da ecologia em geral, do consumidor, do patrimônio histórico, artístico, estético, turístico, paisagístico e cultural; bem como ao aperfeiçoamento do exercício profissional das carreiras jurídicas.
Atualmente, ao lado da Academia Catarinense de Letras Jurídicas (ACALEJ) e da própria OAB, Seccional Santa Catarina, o IASC constitui uma das três grandes instituições jurídicas culturais de nosso Estado.
Confira a seguir uma entrevista com o atual presidente Gilberto Lopes Teixeira, o 14º da história do IASC, sobre presente, passado, futuro e a relevância do Instituto para o Estado de Santa Catarina.


INFORME FLORIPA – Por que celebrar 92 anos de fundação do IASC?

GILBERTO – Celebrar os 92 anos de fundação do Instituto dos Advogados de Santa Catarina é significativo por várias razões:
1. História e tradição: O fato de uma instituição ter existido por quase um século é um testemunho de sua história e tradição no campo da advocacia. Essa longevidade demonstra a resiliência e o compromisso contínuo com seus objetivos e valores.
2. Compromisso com a Justiça: O IASC tem, ao longo dos anos, desempenhado um papel fundamental na promoção da Justiça, na defesa dos direitos e na educação jurídica. Comemorar 92 anos destaca o compromisso duradouro da instituição com esses princípios.
3. Conquistas e legado: A celebração de um aniversário tão significativo é uma oportunidade para refletir sobre as conquistas e o legado do IASC. Isso ajuda a manter viva a memória das realizações passadas e serve de inspiração para o futuro.
4. Reconhecimento dos membros: A comemoração de aniversários permite reconhecer e homenagear os membros, diretores, e todos aqueles que contribuíram para o sucesso da instituição ao longo dos anos. É uma forma de agradecimento e reconhecimento.
5. Inspiração para o futuro: Celebrar aniversários importantes como o 92º do IASC é uma oportunidade para inspirar e motivar os membros e a liderança da instituição a continuar avançando em direção aos objetivos estabelecidos, buscando maneiras de melhorar e crescer.
Em resumo, a celebração do 92º aniversário do IASC é uma ocasião para reforçar os valores, a missão e o compromisso da instituição, honrar sua história e inspirar a comunidade jurídica a continuar trabalhando em prol da Justiça e do Estado de Direito em Santa Catarina.

INFORME FLORIPA – O que se espera do IASC rumo ao centenário de existência?

GILBERTO – À medida que o Instituto dos Advogados de Santa Catarina (IASC) se aproxima do seu centenário de fundação, há várias expectativas e objetivos que podem ser almejados:
1. Fortalecimento da advocacia: espera-se que o IASC continue sendo uma voz forte e unificada para os advogados de Santa Catarina, representando seus interesses e trabalhando para melhorar as condições da prática jurídica na região.
2. Educação jurídica: o IASC pode expandir seus programas de educação jurídica, oferecendo oportunidades de aprendizado contínuo para advogados e estudantes de direito. Isso ajuda a manter os profissionais atualizados com as mudanças na lei e práticas jurídicas.
3. Defesa dos Direitos: a entidade pode continuar sua missão de defesa dos direitos e do Estado de Direito. Isso inclui trabalhar em casos importantes, fazer lobby em questões legislativas relevantes e promover reformas judiciais necessárias.
4. Participação comunitária: espera-se que o IASC esteja envolvido ativamente na comunidade, contribuindo para a resolução de questões sociais e legais locais. Isso demonstra o compromisso da instituição com o bem-estar da sociedade.
5. Inovação e tecnologia: à medida que a tecnologia continua a impactar a prática jurídica, o IASC pode liderar a adoção de inovações tecnológicas, garantindo que seus membros estejam preparados para os desafios do futuro.
6. Inclusão e diversidade: promover a inclusão e a diversidade na profissão jurídica deve ser uma prioridade. O IASC pode trabalhar para garantir que pessoas de diferentes origens tenham igualdade de oportunidades na advocacia.
7. Sustentabilidade financeira: é importante que a instituição mantenha uma base financeira sólida para continuar operando eficazmente e cumprir sua missão. Isso pode envolver uma gestão financeira sólida e o desenvolvimento de parcerias estratégicas.
8. Colaboração: colaborar com outras instituições jurídicas e organizações da sociedade civil é fundamental para abordar desafios complexos. O IASC pode fortalecer parcerias estratégicas para ampliar seu impacto.
9. Preservação da história: à medida que se aproxima do centenário, o IASC pode se envolver na preservação de sua história e memória, documentando suas realizações e contribuições ao longo dos anos.

INFORME FLORIPA – De que forma essas expectativas projetam o futuro do IASC?
GILBERTO – Essas expectativas refletem um compromisso contínuo com os princípios fundamentais da advocacia, bem como uma adaptação às mudanças no ambiente jurídico e na sociedade em geral. Além disso, elas ajudarão a assegurar que o IASC continue sendo uma instituição relevante e valiosa para seus membros e para a comunidade jurídica em Santa Catarina.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa