Hoje é terça-feira, 28 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioColuna do EditorA estranha solução para a passarela da Rodoviária, o trem da alegria...

A estranha solução para a passarela da Rodoviária, o trem da alegria na Câmara e outras notas

Não pegou bem a desastrada viagem de vereadores e seus assessores de Florianópolis para Maceió e a resposta foi mais infeliz ainda; veja também outras notas

Tem que reformar? Ok, vamos tirar ela de lá

Interessante a forma como a prefeitura de Florianópolis encontrou para resolver alguns problemas. O Ministério Público notificou a precariedade da estrutura da passarela do Terminal da Rodoviária, na avenida Paulo Fontes e cobrou sua revitalização imediata. Alegando o alto custo para a reforma, a prefeitura informou que vai simplesmente remover a passarela de lá.

Já pensou se a moda pega. Tem que reformar o posto de saúde que está chovendo dentro. Ok, vamos demolir ele então! Tem que recapear a rua que está esburacada. Ok, vamos eliminar então essa via dos mapas viários da cidade. Tem que comprar medicamentos que terminaram. Ok, vamos remover os doentes para outros municípios.

Até entende-se o alto custo para reformar, já que essas estruturas são muito antigas e o custo seria elevadíssimo. Mas daí para remover e não se comprometer em colocar outra passarela nova no lugar, é no mínimo questionável. A administração municipal justifica que há outras soluções para transpor a via, como faixa de pedestres. A mais próxima, está situada há cerca de 200 metros da passarela.

COLUNA DO WHATSAPP – Quem quiser receber esse conteúdo no whatsapp, é só clicar e ingressar no grupo: https://chat.whatsapp.com/H2w34yUIK4F7SVYj69cyZ9

Trem da alegria

Pisaram na bola os vereadores de Florianópolis, Claudinei Marques (Republicanos), Josimar Pereira, o Mamá (UB), e o presidente da Casa, João Cobalchini (UB) ao usar recursos públicos (R$ 55 mil) em uma viagem de capacitação em Maceió, Capital de Alagoas, no Nordeste brasileiro. Foram para o outro lado do País, como se aqui no Estado não existissem inúmeras formas para se capacitar, como por exemplo o Tribunal de Contas. Agora, hipoteticamente, vamos supor que essa capacitação é assim tão necessária para os vereadores. Nesse caso, até vai, agora levar na mala uma turma de assessores, daí foi o verdadeiro trem da alegria.

COLUNA DO WHATSAPP – Quem quiser receber esse conteúdo no whatsapp, é só clicar e ingressar no grupo: https://chat.whatsapp.com/H2w34yUIK4F7SVYj69cyZ9

Faltou assessoria

Talvez tenha faltado assessoria para alertar ao jovem presidente da Casa, João Cobalchini (UB) que há coisas que até podem não serem ilegais, mas são imorais. Num País que passa por tantas mazelas, esse tipo de gasto faz tempo que é criticado pela opinião pública. E, político jovem, que se preocupa com sua imagem e seu futuro político deve cuidar com essas derrapadas.

O sujo falando do mal lavado

Falha maior ainda do diretor de Comunicação da Câmara, Guilherme Pontes, que acho que nem é da área de comunicação, que além de participar do trem da alegria nas alagoas ainda tentou justificar gasto desnecessário, com outro gasto igualmente desnecessário. Lembrou ele que o ex-presidente da Casa, Roberto Katumi gastou quase R$ 70 mil em uma viagem internacional para Barcelona, na Espanha, no ano passado e ninguém falou nada. Tentou encobrir um erro com outro erro e enlameou ainda mais a imagem da Câmara da Capital com um gasto de R$ 125 mil que nada trouxe de benefício para o contribuinte.

Castração

A prefeitura da Capital paga R$ 350,00 para cada castração de cães e gatos. Prefeituras da região pagam em torno de R$ 150.

Escola no Rio Vermelho

A construção de uma escola pré-moldada em 90 dias num investimento de R$ 17 milhões com dispensa de licitação no bairro Rio Vermelho, continua rendendo polêmica. Na Câmara, a vereadora Manu Vieira (Novo) questionou a forma de contratação, sem licitação, uma vez que não se trata nem de uma emergência, nem de uma calamidade, visto que a fila de espera por vagas na educação é conhecida desde há muitos anos no Norte da Ilha. Ela chegou a provocar o Ministério Público, para ver se a forma de contratação está totalmente correta.

Como toda ação tem uma reação, o vereador João do Bericó (UB), que tem como base o Rio Vermelho, envenenou mães e pais do bairro afirmando que a vereadora ao acionar o MP “criou o risco de parar a obra”. Famílias que lutam por uma vaga para os seus filhos querem ver o diabo, mas não querem ver a vereadora lá no bairro.

Problemas comuns

O presidente da Câmara de São José, vereador Matson Cé (PSD), será o anfitrião no segundo encontro entre os presidentes das câmaras de vereadores dos 22 municípios da Grande Florianópolis. Estarão na pauta assuntos como a mobilidade urbana da região, o sistema de transporte integrado e necessidades com concessionárias como a Casan.

“Vamos fortalecer essa relação e a representatividade da região, envolvendo os vereadores nos temas que são importantes para cada uma das nossas cidades”, diz Matson.  O encontro está marcado para o próximo dia 7, às 10 horas, na Câmara de São José.

Problemas comuns (II)

No começo de fevereiro houve o primeiro encontro entre os dirigentes legislativos, na Câmara de Florianópolis. A proposta é fazer encontro sistemáticos e ganhar força para se encontrar também com os dirigentes de outras esferas de governo e apresentar reivindicações.

“O convite aos demais já foi feito e agora iremos reforçar. Levantar pautas positivas na área da saúde, segurança e mobilidade, que atingem de pronto a população da Grande Florianópolis é nosso foco. Precisamos estar unidos com o executivo de cada cidade para que possamos levar essas pautas ao governo do estado e governo federal para trazer soluções e prazos de realizações e ações de cada município e na Grande Florianópolis”, completou.

COLUNA DO WHATSAPP – Quem quiser receber esse conteúdo no whatsapp, é só clicar e ingressar no grupo: https://chat.whatsapp.com/H2w34yUIK4F7SVYj69cyZ9

Eleição da Fecam 2023

Na tarde desta segunda-feira (27) aconteceu a assembleia de Eleição da Federação de Consórcios, Associações e Municípios de Santa Catarina (FECAM) sendo eleita a Chapa 01 com 96 votos, encabeçada pela prefeita de Vargem, Milena Andersen Lopes, e a outra, pelo prefeito de Penha, Aquiles José Schneider da Costa com 67 votos.

Prêmio da Inovação
A AEMFLO lançou na manhã desta terça-feira (28) o Prêmio AEMFLO 2023, que tem o objetivo de incentivar cases de inovação. As inscrições estão abertas para as seguintes categorias: indústria, comércio, serviços, construção civil e tecnologia. A revelação dos ganhadores acontecerá no dia 4 de maio, no Hard Rock Live. Mais informações no www.aemflo-cdlsj.org.br
COLUNA DO WHATSAPP – Quem quiser receber esse conteúdo no whatsapp, é só clicar e ingressar no grupo: https://chat.whatsapp.com/H2w34yUIK4F7SVYj69cyZ9
spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS

2 COMENTÁRIOS

  1. Gostaria de elogiar a qualidade e o ótimo conteúdo deste
    site! Fiquei fascinado com a profundidade e amplitude das
    informações fornecidas. É claramente muito bem
    pesquisado e cuidadosamente escrito. Continue com o
    bom trabalho e espero aproveitar mais do seu conteúdo no
    futuro. Gostaria de fazer um convite para experimentar
    nossa ferramenta 100% gratuita, e sem precisar instalar
    nada, que pode aumentar as suas chances de acertar um
    Resultado da Lotofácil. Experimente Grátis, clique no link
    ou pesquise no google por ‘Dr Calculadora Com Br’ tudo
    junto. Te espero lá!

Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa