Hoje é quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioPOLÍTICACâmara da Capital realiza primeira audiência pública da Revisão do Plano Diretor

Câmara da Capital realiza primeira audiência pública da Revisão do Plano Diretor

Aproximadamente 50 pessoas entre moradores, profissionais liberais, empresários e representantes de entidades sociais utilizaram a tribuna da Casa

Publicidadespot_img

Conforme cronograma aprovado pela Câmara de Vereadores, foi realizada nesta segunda-feira (13) no Plenário da Casa, a primeira audiência pública para discutir o Projeto de Lei Complementar, de autoria do executivo, que prevê a Revisão do Plano Diretor de Florianópolis. Aproximadamente 50 pessoas entre moradores, profissionais liberais, empresários e representantes de entidades sociais utilizaram a tribuna da Casa para expor seus questionamentos e também possíveis contribuições para melhoria do projeto.

Pedro Tavares Fernandes, morador do Centro, um dos inscritos a falar, subiu à tribuna destacando a preocupação muito grande no município, com o meio ambiente. Segundo ele, Florianópolis é uma cidade que um dos seus ativos é ser bela pela sua natureza e é preciso preservar.  “Temos que levar em consideração o seguinte fato, a população de Florianópolis cresceu 25% desde o último censo, ou seja, estamos falando que entre 2010 e 2022 tivemos um acréscimo de 100 mil pessoas, e essas pessoas tem que morar em algum lugar, espero que elas não vão morar em APP. O Plano de 2014 é de baixa qualidade, as pessoas que vêm aqui reclamar do Projeto de Revisão esquecem que a situação atual é de baixíssima qualidade e que castiga de forma demasiada os mais pobres. Por isso, quando viemos independente de ser véspera de carnaval ou pós carnaval, essa pauta é a mais importante de todas! Temos que sentar e discutir a melhoria do Plano Diretor de forma invariável para adensar, ou vamos aumentar o número de pessoas, aumentando a demanda e o custo e acabaremos expulsando os mais pobres daqui. Quero uma cidade inclusiva para todos, por isso defendo o adensamento da cidade e uma revisão qualificada do Plano Diretor”, afirmou.

Representando a  Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Hélio Barros acompanha a discussão do Plano Diretor na cidade há muito tempo pela entidade e destaca a importância da participação da população.  “Tivemos uma série de avaliações, algumas oficinas acontecendo pela cidade, 14 audiências. Para quem teve oportunidade e quis participar, esse conteúdo que está na Câmara hoje, não é um conteúdo novo, é fruto do resultado de tudo isso, e que culminou pela última etapa passar pelo Conselho da Cidade, onde o Conselho teve a oportunidade de procurar de alguma forma melhorar o conteúdo. Se vocês me perguntarem se esse conteúdo é produto perfeito, eu acredito que não, mas é um produto que nós acreditamos que vai melhorar significativamente a legislação que está hoje, que é de 2014, precisamos avançar muito nisso.  Essa lei não é estática, nenhuma é, leis são dinâmicas, depois de alguns anos precisamos rever essas leis e espero que a gente sempre faça isso de uma maneira bem madura, para que possamos pontuar no conteúdo, com a finalidade e o objetivo único de trazer o melhor resultado para a nossa cidade”, destacou Hélio que também participou do Conselho da Cidade pela CDL.

Esse primeiro encontro do Legislativo Municipal com a sociedade aconteceu dentro da Comissão de Viação, Obras Públicas e Urbanismo que tem como presidente o vereador Jeferson Backer. “A participação popular na audiência de hoje foi importante. Nós como representantes da população em membros da comissão ouvimos atentamente as  reivindicações e solicitações trazidas a esta Casa. Vamos analisar item por item debatido aqui e acrescentar o que for necessário para que o melhor seja feito pela nossa cidade e para os moradores”, finalizou.

As próximas audiências públicas dentro das comissões de mérito acontecem nesta terça-feira no plenário da Câmara, quarta-feira no SEST/SENAT, no bairro Jardim Atlântico e quinta-feira retorna ao plenário da Câmara, sempre com início às 18h.

ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa