Hoje é terça-feira, 25 de junho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALCaravana da Reurb entrega 551 títulos de propriedade em seis cidades de...

Caravana da Reurb entrega 551 títulos de propriedade em seis cidades de SC

Cartórios de SC realizam ação de regularização de moradias em Joinville, Indaial, Caçador, Criciúma, Palhoça e Monte Carlo

Os cartórios de Santa Catarina entregam esta semana 551 títulos de propriedade de moradia a cidadãos de seis cidades do Estado. A ação é decorrente da Caravana da Reurb, maior ação de regularização fundiária no Estado, que tem como objetivo divulgar e ampliar a implementação de políticas de regularização fundiária urbana nos municípios, conforme previsto na Lei Federal nº 13.465/17. As cidades contempladas com as entregas são Joinville (274 títulos), Indaial (4), Caçador (34), Criciúma (61), Palhoça (10) e Monte Carlo (168).

“A entrega de centenas de títulos demonstra que estamos no caminho buscando a união de entidades e órgãos públicos e disseminando informações para estimular a adesão à Reurb. Isso representa cidadania, a prestação de serviços públicos chegando ao cidadão”, explica o vice-presidente da Anoreg/SC e presidente do Colégio Registral Imobiliário (Cori/SC), Eduardo Arruda Schroeder. Nesta sexta-feira (7/6) as ações contam com a presença do ministro corregedor do Conselho Nacional da Justiça, Luís Felpe Salomão. Ele participará da entrega que ocorrerá em Palhoça, no Fórum da Comarca, às 10h. No plano nacional o CNJ desenvolve o programa Solo Seguro, que está alinhado com o mesmo propósito da Caravana da Reurb.

A Caravana da Reurb foi iniciada em maio, por São José, e vai percorrer todas as 21 macrorregiões catarinenses até o próximo ano. A ação é realizada pelo Cori/SC, com participação da Corregedoria-geral de Justiça, Federação Catarinense de Municípios (Fecam), Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) e apoio da Associação dos Notários e Registradores de Santa Catarina (Anoreg), dentre outras entidades. O programa tem duas pontas: uma delas é a realização de encontros nas cidades para orientação e divulgação do funcionamento da Reurb, e a outra são as entregas de títulos de propriedades já regularizadas.

As próximas etapas de orientação serão em São Miguel do Oeste, no dia 20 de junho, e em Maravilha, no dia 21 de junho. Entre os benefícios da regularização da propriedade, o cidadão poderá contar com linha de crédito para melhorias no imóvel e até mesmo com serviços públicos como energia elétrica e água, onde ainda não são ofertados. O município também passa a arrecadar impostos e os imóveis entram no mercado formal imobiliário. Estima-se que um imóvel regularizado também valorize de 30% a 40%.

O Reurb tem dois atores principais: os municípios e os cartórios de registro de imóveis. A Prefeitura é responsável pelo processo, identificando os ambientes que podem ser classificados como núcleos urbanos informais consolidados, indicando os moradores e as melhorias estruturais, urbanísticas e ambientais possíveis. O registrador faz a qualificação jurídica de toda a documentação e o registro da regularização fundiária. Para o cidadão, o custo depende da categoria ao qual se enquadra: na social, é totalmente gratuita. Na especial, o custo é baixo, pois nos dois casos não há cobrança de ITBI.

Títulos de propriedade entregues por cidade:

> Joinville: 274
> Indaial: 4 (Loteamento 5 de Novembro)
> Caçador: 34 (Núcleo Tarumã)
> Criciúma: 61 (Núcleos: Progresso, Cristo Redentor, Wosocris, São Sebastião, Ana Maria/Vida Nova, São João, Santo Antônio, Paraíso e Argentina)
> Palhoça: 10
> Monte Carlo: 168 (núcleo São José COHAB)

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa