Hoje é sábado, 18 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALCrianças do CEI Vera Lúcia Medeiros formam patrulha contra a dengue

Crianças do CEI Vera Lúcia Medeiros formam patrulha contra a dengue

Turmas reforçam formas de prevenção no dia a dia das residências

No Centro de Educação Infantil (CEI) Vera Lúcia Medeiros, no bairro Forquilhas, a batalha contra a dengue se tornou uma missão educativa e divertida. Ao som da música “Zum Zum Zum Zum Zum”, as crianças dos grupos G4/5 e G5 relembraram nesta quarta-feira (3) para todas as crianças do CEI como prevenir a dengue.

Com uma coreografia animada, cantaram: “A patrulha chegou e o medo acabou, o mosquito vai ter que fugir. Água parada não vamos deixar, a caixa d’água nós vamos tampar e as garrafas nós vamos virar.”

Antes da apresentação musical, as crianças assistiram à peça teatral “Todos contra a Dengue”, conduzida pela professora Thaiane Borges Branger, que deu vida ao fantoche Pedrinho, e contou com a participação da professora Mariana Weiss, caracterizada como o mosquito da dengue. “A história detalhou a experiência do Pedrinho, que morava em uma casa que tinha no pátio muitos locais ideais para a proliferação do Aedes aegypti. Pedrinho foi picado, teve muitos sintomas e aprendeu as formas de prevenção”, resumiu Thaiane.

As atividades integram o projeto “Colecionando Memórias”, que desde o início do ano envolve a comunidade escolar no combate à dengue. As crianças produziram desenhos, quebra-cabeças e cartazes informativos, incluindo um em tamanho ampliado (4x4m), que destaca as formas de prevenção. São elas: não deixar água nos pneus, colocar areia nos pratinhos das plantas, fechar a tampa da lixeira, tampar a caixa d’água e evitar acumular lixo no quintal.

O CEI também distribuiu para os pais e responsáveis material informativo, fornecido pela Secretaria Municipal de Saúde. “Acreditamos que, por meio de ações lúdicas, a gente pode conscientizar desde muito cedo as nossas crianças. São atitudes que vão refletir lá no contexto familiar, sendo essas crianças as multiplicadoras do processo de prevenção e combate à proliferação do mosquito da dengue”, citou a diretora Josiana Cléia Nascimento.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa