Hoje é domingo, 26 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALDançarinos voluntários do Cati animam tarde de grupos de idosos de Florianópolis

Dançarinos voluntários do Cati animam tarde de grupos de idosos de Florianópolis

Evento realizado no CentroSul foi repleto de animação e de entrosamento entre os idosos dos dois Municípios

Os voluntários da dança do Centro de Atenção à Terceira Idade (Cati) de São José embarcaram em uma emocionante jornada de celebração e cultura, ao visitar o evento Arena Vivendo os 60+, nesta segunda-feira (7). A festa reuniu grupos de idosos de Florianópolis, em uma tarde de dança e confraternização. Com sorrisos no rosto e corações repletos de entusiasmo, os idosos demonstraram que a idade não é um obstáculo para a alegria e expressão artística.

O grupo de São José chegou ao CentroSul com os voluntários ansiosos para participarem. Eles foram calorosamente recebidos, abriram a pista de dança com as idosas sem par e puderam desfrutar de uma tarde repleta de música e animação, resultando em uma experiência inesquecível. O encontro reuniu grupos de idosos de toda a região para celebrar a vitalidade e a criatividade que florescem com a idade.

A diretora do Cati, Karen dos Santos compartilhou sua experiência com entusiasmo: “Foi maravilhoso participar deste evento e ver que eles fizeram a diferença nessa festa, tirando tantas pessoas para dançar e aproveitarem a tarde. Ver a felicidade deles, se expressando através da dança, também foi incrível. A energia e a alegria que experimentamos aqui são verdadeiramente inspiradoras. Esse tipo de vivência externa é de suma importância para a socialização deles”.

O Projeto é coordenado pelo professor Marissandro Goulart e conta com 34 idosos homens, que gostam de dançar e se voluntariam para dançar com as idosas da oficina de dança de salão, assim como de eventos diversos.

O evento também serviu como uma oportunidade para os idosos dos dois municípios fortalecerem laços e fazerem novas amizades, além da administração trocar experiências. Ao final do dia, os idosos josefenses e a equipe retornaram para casa com corações cheios de gratidão e novas amizades. A visita provou que a alegria, a vitalidade e a expressão artística não têm idade e que a união entre comunidades vizinhas pode enriquecer a vida de todos.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa