Hoje é terça-feira, 23 de julho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioESPORTEFestival de Jiu-Jitsu gradua praticantes e movimenta comunidade escolar da prefeitura de...

Festival de Jiu-Jitsu gradua praticantes e movimenta comunidade escolar da prefeitura de Florianópolis

No último sábado (1), alunos do projeto “Jiu-Jitsu Na Escola”, da Secretaria de Educação de Florianópolis, participaram da cerimônia de graduação das faixas, na quadra da Escola Básica Municipal Henrique Veras. Os mais jovens a conseguirem as trocas de faixas foram estudantes de 6 anos de idade, do 1º ano do ensino fundamental, que subiram da faixa branca para a cinza. Dos 100 alunos presentes no local, 70 deles conseguiram a graduação entre as faixas amarela e laranja, além dos graus branco e azul.

Um dos destaques foi Samuel Batista Siqueira, de 16 anos, que através de muita disciplina e dedicação subiu da faixa laranja para a verde, o que significa que ele está pronto para aprender além dos movimentos básicos da arte. Samuel foi aprovado no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) em 2022 para o curso técnico integrado em Química e concluiu por antecipação o ensino fundamental na EBM Henrique Veras, na Lagoa da Conceição, Leste da Ilha.

“Este é um dos exemplos de como o incentivo à prática desse esporte influencia diretamente na rotina estudantil do jovem”, observa a secretária de Educação de Florianópolis, Fabricia Luiz Souza.

Joaquim Antônio Gonçalves Neto, o Quinzinho, coordenador da iniciativa, junto à Divisão de Projetos Especiais, pontua benefícios do jiu-jitsu.

“Quem pratica essa arte ganha confiança, autoestima, desenvolve o equilíbrio emocional, cognição e o respeito à hierarquia. Isso se transfere para sua vida e para sua conduta dentro e fora da sala de aula”.

Quinzinho é formado em pedagogia com pós-graduação em psicopedagogia. Sensei (professor) do projeto, acumulando ao todo, 14 anos de faixa preta pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu.

Durante a cerimônia estiveram presentes também a subsecretária de Educação Básica da SME, Gisele Toledo; o chefe da Divisão de Projetos Especiais, Charles Schnorr; Marcos Aurélio Leite de Lima, da Polícia Científica; e Carmindo Almeida e Jadson Santos, ambos da academia Rilion Gracie Rio Vermelho, família responsável pelo aprimoramento do Jiu-Jitsu no país.

O “Jiu-Jitsu Na Escola”, atividade de contraturno, é realizado pela manhã e à tarde , envolvendo estudantes das escolas básicas municipais Henrique Veras, Retiro da Lagoa e João Francisco Garcez (Canto da Lagoa) . No período da noite, adultos e adolescentes da comunidade também participam do projeto.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa