Hoje é quarta-feira, 24 de abril de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALPrefeito Orvino autoriza início de obras de Infraestrutura no loteamento Benjamin

Prefeito Orvino autoriza início de obras de Infraestrutura no loteamento Benjamin

Os lotes contemplarão 217 famílias, que serão deslocadas para construção da Avenida Beira-Rio Forquilhas

Uma obra bastante aguardada pelos moradores do Loteamento Benjamin, em Forquilhas, foi autorizada pelo prefeito Orvino Coelho de Ávila na manhã desta quinta-feira (21). O prefeito, o vice-prefeito Michel Schlemper e secretários municipais assinaram a ordem de serviço para início dos serviços de infraestrutura do loteamento habitacional de interesse social.

O novo loteamento, além de proporcionar mais dignidade às famílias do Loteamento Benjamin, tem como objetivo abrir espaço para a futura Avenida Beira-Rio Forquilhas. Fruto de um investimento de R$ 10,4 milhões, o loteamento será executado com recursos próprios da Prefeitura e beneficiará 217 famílias e a obra contemplará implantação da rede de drenagem pluvial, esgotamento sanitário, pavimentação asfáltica de 41.839,92 metros quadrados de vias, construção de passeios em concreto e meios-fios, rampas de acessibilidade, instalação de piso tátil e faixas exclusivas para cadeirantes.

Também será feita a ligação da rede de esgoto de todas as residências da localidade. As ruas contarão com iluminação de LED, além de sinalização vertical e horizontal. Todos os lotes em ambos condomínios vão possuir uma área mínima de 125 metros quadrados. A construção dos dois condomínios urbanizados será entre as ruas Trinta e Quatro e Leopoldina Marcelino, para a realocação social das famílias hipossuficientes residentes da comunidade.  A assinatura da ordem de serviço foi acompanhada por diversos moradores do Loteamento Benjamin que demonstraram muita satisfação e felicidade por vivenciarem o momento.

“Este é um momento muito importante e que me enche de alegria. Então, é um sonho conjunto que começa a se tornar real e que tenho a felicidade de ser o prefeito que o realiza. Essas coisas não têm como não se emocionar, isso vale uma gestão e tenho a sensação de dever cumprido, eu sei que tem muita coisa para se fazer, mas ninguém olhou Forquilhas como nossa gestão. São mais de 20 anos sem um investimento em conjunto habitacional de interesse social”, destacou o prefeito Orvino.

Marilene de Souza Oliveira, 54 anos, não escondia a felicidade de acompanhar o momento da assinatura da ordem de serviço. Ela lembrou que foram várias reuniões com os moradores e com as equipes da Prefeitura para definir a forma que a comunidade seria contemplada. “Agora, vai ser bem melhor, vamos ter a nossa casa própria, com tudo registrado como deve ser, com escritura. Ninguém vai poder tirar as nossas casas. Nós não tínhamos documento algum, nenhum comprovante e agora tudo será legalizado.”

O vice-prefeito Michel Schlemper salientou que a Prefeitura de São José nunca tinha entrado na comunidade do Benjamin. “Eles não conheciam o que é o serviço público, por isso não acreditavam, achavam que seriam enganados. O prefeito Orvino disse que garantiria a dignidade deles, então em muitas mãos, fruto de nossas reuniões, conseguimos esse projeto, atender a comunidade. Então, a partir da obra da avenida Beira-Rio, nós, junto com a obra, uma obra que se define por um lado de mobilidade, mas por outro lado, uma obra que vai dar uma grande entrega social para a cidade de São José, em especial para essas pessoas”.

Obra social e inédita

O secretário de Infraestrutura, Nardi Arruda, disse que a Secretaria fará o papel de fiscalizador da obra para que a Prefeitura possa dar uma habitação digna aos moradores do Loteamento Benjamin. “É um trabalho de responsabilidade social do governo Orvino. Na condição de técnico da Secretaria vamos tomar o maior cuidado para entregar a melhor obra para a comunidade. Desde 2021, de forma inédita dentro da cidade de São José, estamos atendendo uma comunidade com toda atenção, dando uma obra social e digna que merecem”.

O superintendente da Fundação do Meio Ambiente de São José, Michael Rosanelli, que como secretário adjunto de Urbanismo e Serviços Públicos (Susp), participou das várias reuniões e definições do projeto, explicou que paralelo a construção do loteamento a Prefeitura estará abrindo licitação para construção das casas e que a já foi definido um orçamento estimado de R$ 20 milhões para essas moradias.

Legislativo

Representando o Poder Legislativo, os vereadores Sanderson de Jesus, Ruanito da Silva e Cleber Fabiano Goulart (Binho), parabenizaram o prefeito e a administração municipal pela iniciativa de atender a comunidade do Benjamin.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa