Hoje é terça-feira, 23 de abril de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioECONOMIAPrograma Sebrae Delas lança curso gratuito voltado às mulheres que têm o...

Programa Sebrae Delas lança curso gratuito voltado às mulheres que têm o seu próprio negócio  

É a 3ª edição da trilha Sou Meu Próprio Negócio; Os conteúdos abordam desenvolvimento pessoal, gestão do negócio e promoção de networking 

O Programa Sebrae Delas Mulher de Negócios, do Sebrae/SC, está lançando a trilha Sou Meu Próprio Negócio, voltado às mulheres que têm o seu próprio negócio.  As inscrições estão abertas a partir desta sexta-feira, 8 de março, e vão até o dia 28 de março. A trilha é totalmente gratuita e online e as inscrições podem ser feitas pelo link: sebrae.sc/soumeuproprionegocio

As aulas serão realizadas entre 2 de abril e 21 de maio. Ao todo, serão 19 encontros online, com aulas síncronas e assíncronas, que abordarão temas como: Autoconhecimento e Propósito, Ferramentas Digitais, Vendas em Canais Digitais, Planejamento de Metas, Branding Pessoal, Inteligência Artificial, Modelagem de Negócios, Gestão Financeira, Sustentabilidade, entre outros.

Com conteúdo feito exclusivamente por mulheres e para mulheres, o curso oferece oportunidade de aprendizado para empreendedoras baseado nos três pilares do Sebrae Delas: EU (desenvolvimento pessoal), MEU (gestão do negócio) e NÓS (networking). 

Essa é a 3ª edição da trilha, com foco em profissionais autônomas, MEI e mulheres que desejam ou precisam começar um negócio. A trilha vem reformulada para 2024, com conteúdo que vai ao encontro dos desafios e potencialidades desse perfil de mulheres na hora de encarar as demandas empresariais. 

 Para Marina Barbieri, Gestora do Programa Sebrae Delas Mulher de Negócios do Sebrae/SC, empreender é difícil para todos, mas, além dos desafios comuns a qualquer empreendedor, as mulheres ainda enfrentam uma série de obstáculos socioemocionais, como a falta de confiança, pouco reconhecimento da família, sobrecarga de trabalho doméstico e cuidados com familiares.  

“Um número muito grande de mulheres, que atuam como MEI ou são autônomas, se tornou empreendedora para conciliar a carreira com a vida pessoal e familiar. Muitas mudaram a rota depois da maternidade, de transformações pessoais ou diante do pouco acolhimento e flexibilidade do mercado de trabalho. São mulheres que buscam a autorrealização por meio do empreendedorismo, mas que não desenvolveram durante a sua formação as ferramentas de gestão, a autoconfiança e o networking necessários para empreender. Elas iniciam a trilha Sou Meu Próprio Negócio vendo sua empresa como um hobbie, um sonho ou um complemento de renda e saem se entendendo como empresárias”, afirma Marina.  

Débora Lima, da Rede de Estilo, é uma delas. Ela cursou as trilhas do Sebrae Delas em 2019 e novamente em 2023. “Passei a ver minha empresa como nunca havia visto antes. Estava acostumada a não dar tanta importância ao meu negócio, pois achava ele pequeno, já que fazia tudo sozinha. Mas, quando estudei a empresa e analisei os cenários, vi como tenho potencial e o quanto eu posso crescer”, completa Débora. 

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa