Hoje é sexta-feira, 14 de junho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALCentro de Convivência Dia tem restaurante, oficinas e lavanderia para pessoas em...

Centro de Convivência Dia tem restaurante, oficinas e lavanderia para pessoas em situação de rua

Cerimônia de inauguração ocorreu hoje, dia 28

A Passarela da Cidadania, equipamento da Prefeitura de Florianópolis que abriga pessoas em situação de rua, recebe um novo espaço: o Centro de Convivência Dia. O espaço será um local de transformação de rotina destas pessoas em vulnerabilidade social. Entre as primeiras entregas, estão o novo refeitório, a lavanderia e a copa. Serão oferecidas novas oficinas profissionalizantes no espaço. A inauguração ocorreu nesta terça-feira (28), durante a manhã.

O refeitório do local atenderá pessoas em situação de rua que buscarem acolhimento. A Passarela da Cidadania já oferecia alimentação para 250 pessoas, o novo espaço terá, inicialmente, a possibilidade de oferecer mais 150 refeições por turno. Para usufruir do equipamento, é necessário fazer um breve cadastro, constando identidade. No caso de não haver documentação, o CentroPop realiza a recuperação documental.

Trabalho para integração dos serviços e retorno ao mercado de trabalho

Um espaço com lavadoras e secadoras está disponível, com um técnico para auxiliar no uso. Há também uma lavanderia industrial, para itens maiores e capacitação dos acolhidos, com objetivo de inseri-los no mercado de trabalho em manuseio destes equipamentos, como em lavanderias profissionais e hotelaria. “Além dos outros objetivos, manter as roupas limpas e em dia é um facilitador para entrevistas de emprego, por isso o maquinário é importante. Inauguramos há pouco também a Passarela da Moda, que oferece roupas para quem precisa ir às entrevistas”, explica Topázio Neto, prefeito de Florianópolis.

O Centro de Convivência Dia reúne diversos serviços do espaço, em conjunto com as oficinas do local. A Passarela já oferece espaço de educação, um Centro de Formação Profissional, biblioteca, Passarela da Moda, cuidados de higiene, atendimento com psicólogos, pedagogos, técnicos de enfermagem e assistentes sociais e orientação sociofamiliar.

O refeitório funciona oficialmente a partir de amanhã (29) e as pessoas em situação de rua que procurarem o Restaurante Popular serão direcionadas para este local aos poucos. A mudança terá como objetivo atender com mais precisão de acordo com as necessidades do público. “Quando temos a possibilidade de atender por completo alguém em vulnerabilidade, com equipamentos de todos os tipos, a chance do resgate é maior”, ressalta o secretário de Assistência Social de Florianópolis, Aníbal González. “Com acesso ao EJA, cursos profissionalizantes e atendimento da equipe de saúde mental, tudo no mesmo local que será oferecida a alimentação, é um atrativo maior aos serviços e, consequentemente, ao retorno para o mercado de trabalho”.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa