Hoje é sábado, 13 de julho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALRestauro da antiga Escola Antonieta de Barros é anunciado em Florianópolis

Restauro da antiga Escola Antonieta de Barros é anunciado em Florianópolis

Prédio histórico será transformado em centro de valorização da cultura negra

A cidade de Florianópolis está prestes a ter um importante marco histórico revitalizado: a antiga Escola Antonieta de Barros. O prédio, que foi fechado em 2008 por falta de manutenção, passará por obras de restauro em parceria entre a prefeitura municipal e a sociedade civil. O anúncio foi feito no mês em que a cidade completou 350 anos de história e também marca os 71 anos do falecimento de Antonieta de Barros, primeira deputada negra do Brasil, professora e jornalista.

O projeto de revitalização foi possível graças à doação do prédio para a prefeitura municipal, através da lei nº 18.589/2023. A iniciativa simboliza a valorização da trajetória de Antonieta de Barros, que foi uma importante figura na história do país e da cidade de Florianópolis. O evento de anúncio da obra contou com a presença de representantes da sociedade civil organizada, autoridades, vereadores e deputados.

A expectativa é que a antiga escola seja transformada em um centro cultural de referência para a comunidade negra da cidade, com programações e atividades voltadas para a valorização da cultura afro-brasileira.

Durante a cerimônia de lançamento, o presidente da CDL Florianópolis, Júlio Geremias, destacou a importância deste movimento para a região. “Este é um passo fundamental para impulsionar o desenvolvimento local, juntamente com a restauração das ruas João Pinto e Tiradentes e outras obras que estão por vir”, afirmou.

O diretor de patrimônio da CDL Florianópolis, Rafael Salim, acrescentou que o movimento é essencial para trazer prosperidade para a região. “Precisamos de pessoas circulando pela região, e tenho certeza de que este prédio será um importante ponto de atração cultural”, pontuou Salim.

Geremias também parabenizou a prefeitura pelo compromisso de transformar o prédio em um centro cultural de valorização da cultura negra. “É uma iniciativa louvável e essencial para preservar a memória da primeira deputada negra do país e incentivar a diversidade cultural em nossa cidade”, concluiu Geremias.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa