Hoje é sexta-feira, 19 de julho de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALAssociações, instituições de saúde e educação participam de reuniões sobre a nova...

Associações, instituições de saúde e educação participam de reuniões sobre a nova ETE Potecas

Como parte do Projeto Socioambiental da nova Estação de Tratamento de Esgoto de Potecas, em São José, a CASAN realiza reuniões com associações, instituições de saúde e de educação dos bairros próximos à obra

Médicos, enfermeiros e servidores da Unidade Básica de Saúde Santo Saraiva participam neste mês de junho de encontros para apresentação do projeto, receberam informações e conversaram sobre ações do plano de gestão ambiental do empreendimento, além de esclarecer dúvidas sobre a nova tecnologia de depuração do esgoto.

O objetivo dos encontros é informar sobre os avanços dessa que será uma das maiores Estações de Tratamento de Esgoto de Santa Catarina, além de reforçar os benefícios da coleta e tratamento de esgoto para a saúde pública e a conservação do meio ambiente.

“A nova estação de tratamento de esgoto do bairro Potecas representa uma conquista muito importante para a comunidade. É fundamental que todos os moradores tenham esses espaços para colocar suas dúvidas e ao mesmo tempo recebam informações sobre as obras e os benefícios ambientais, para a saúde pública e a valorização imobiliária que essa infraestrutura trará”, explica a técnica em saneamento Victória Cristina Machado, que faz parte da equipe executora do Projeto Socioambiental.

Na última semana a equipe também esteve presente no encontro pedagógico no Centro de Educação Infantil Manoel Cunha, no bairro Potecas. Diretoras das escolas, professoras e servidoras conversaram com os profissionais sobre a nova estação de tratamento de esgoto, seus benefícios para o bairro e os projetos de educomunicação realizados pela CASAN nas escolas municipais.

Os tradicionalistas do Centro de Tradições Gaúcha, CTG Figueira Velha, também receberam informações e apresentaram suas dúvidas sobre o andamento da obra, o que será feito com as lagoas de estabilização, como funciona a nova tecnologia de tratamento e porque não causará mau cheiro no bairro.

Além das reuniões nas associações, instituições de saúde e educação, a CASAN conversa diretamente com os moradores dos bairros próximos à obra da nova ETE Potecas. A equipe de profissionais já visitou mais de 4.500 casas com o objetivo de orientar os moradores sobre a ampliação e modernização da unidade de tratamento de esgoto. O trabalho socioambiental prevê a visitação de mais de 11 mil residências.

“A participação ativa da nossa equipe do social é fundamental, pois levamos uma visão interna do projeto para os moradores, mantendo todos atualizados sobre o andamento da obra e seus benefícios para a região”, completa Victória.

Nova ETE Potecas

Quando finalizada, a nova ETE Potecas terá capacidade de depuração média de 600 l/s na primeira etapa, cerca de 42% a mais do que a atual unidade com sistema de lagoas de estabilização.

Com o investimento previsto de R$ 270 milhões, a nova tecnologia de depuração permitirá maior controle de odor e remoção complementar de fósforo, atendendo uma população de 328.494 habitantes na primeira etapa, podendo chegar a 437.992 com sua ampliação.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa