Hoje é sábado, 24 de fevereiro de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
InícioGERALFlorianópolis recebe uma experiência cinematográfica fantástica com a quarta edição do Floripa...

Florianópolis recebe uma experiência cinematográfica fantástica com a quarta edição do Floripa Que Horror

O Floripa Que Horror IV - Festival Internacional de Cinema Fantástico está de volta para uma jornada fantástica que promete emocionar e desafiar os amantes do cinema de gênero. O festival, que ocorrerá de 27 de outubro ao dia 5 de novembro de 2023, será realizado no cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) e em outros locais centrais da capital Florianópolis

Publicidadespot_img

O festival conta com uma curadoria diversificada, liderada pelo crítico de cinema, jornalista e pesquisador em cinema de horror pela UFSC, Andrey Lehnemann, além dos curadores Petter Baiestorf e Gurcius Gewdner, conhecidos por suas contribuições transgressoras ao cinema de horror, e pelo cineasta, roteirista e produtor Pedro MC, que tem trazido ciclos de palestras às sessões Cinemática no Centro Integrado de Cultura.

“O Floripa Que Horror nasceu da necessidade de servir como uma referência para os jovens e novos amantes do cinema de gênero, proporcionando uma oportunidade de explorar a diversidade no cenário nacional e internacional”, afirma Pedro MC, um dos curadores.

Em um mundo dominado por streamings e distribuidoras que favorecem filmes para grandes complexos de cinema, o horror independente encontra seu espaço por meio de cineclubes, boca a boca e redes sociais. O gênero tem evoluído tanto em termos de produção quanto de discussões acadêmicas sobre suas nuances socioculturais.

Destaques da programação

Entre os 95 filmes exibidos nesta edição do Floripa Que Horror, o festival destaca a importância do folclore no gênero, abordando temas profundos e polêmicos por meio do gênero fantástico. O filme de abertura, “O Medo é só o Começo”, de Rafael Van Hayden, mapeia o atual cinema de horror brasileiro por meio de conversas com cineastas ilustres.

Ao longo do festival, o público poderá explorar panoramas de animação, produções nacionais e internacionais, e uma coletânea de filmes da Troma Entertainment, um dos mais antigos estúdios independentes produtores de cinema do mundo.

O evento também presta homenagem ao artista brasileiro mais destacado no cenário do cinema fantástico, o capixaba Rodrigo Aragão, conhecido por seus inovadores efeitos especiais e maquiagem de horror.

Rodrigo Aragão desempenha um papel fundamental na programação do festival Floripa Que Horror, e sua importância não se limita apenas à exibição de três de seus longas-metragens. Ele recebe uma homenagem merecida, enquanto também compartilha sua expertise por meio de uma Master Class exclusiva sobre cinema de invenção, tornando-se um evento imperdível para estudantes, profissionais e fãs do gênero.

Sua contribuição como cineasta e mestre criador de efeitos especiais práticos e maquiagem de horror é de grande valor, enriquecendo o conhecimento e inspiração de todos os interessados na arte cinematográfica.

Para mais informações e conferir a listagem de todos os filmes, acesse o site oficial.

O Floripa que Horror é patrocinado pela Fundação Catarinense de Cultura, Governo de Santa Catarina e Prêmio Catarinense de Cinema. Com a realização da Marte Cultural e produção da Cinemática. Apoiado pela Troma, Cineclube Cinema Unisul, Unisul e MIS-SC, apoio da HAOMA Baixo Centro Florianópolis, Bugio Centro e Casa Frisson.

AGENDE-SE

Floripa Que Horror IV – Festival Internacional de Cinema Fantástico

27/10 a 05/11

Centro Integrado de Cultura (CIC) e em outros locais centrais da capital Florianópolis.

Classificação: livre

Entrada Gratuita

https://marte.art.br/floripaquehorror/

ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa