Hoje é quarta-feira, 29 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALMoradores atingidos por chuva em Palhoça já sacaram mais de R$ 4...

Moradores atingidos por chuva em Palhoça já sacaram mais de R$ 4 milhões do FGTS

Veja como fazer para verificar a disponibilidade e como fazer para retirar parte do fundo.

A Prefeitura de Palhoça organizou o resgate de cerca de R$ 4,5 milhões retirados do FGTS para os palhocenses que foram atingidos pela chuva forte que caiu no município entre o fim do ano passado e os primeiros anos de chuva deste ano. Mais de 700 ruas já foram cadastradas e os moradores têm a disponibilidade de solicitar o valor a ser resgatado
dos Fundos de Garantia. “Estamos realizando um trabalho com muitas pessoas, que demanda bastante paciência e atenção de quem lida com os moradores atingidos pelas chuvas. Tivemos treinamento para buscar as melhores soluções. Essa é uma maneira de amenizar um pouco o impacto da perda”, explicou o prefeito de Palhoça, Eduardo Freccia.

De acordo com a Caixa, o Saque Calamidade do FGTS é uma modalidade em que o trabalhador tem direito a sacar o saldo da conta do FGTS por necessidade pessoal, urgente e grave decorrente de desastre natural que tenha atingido a sua área de residência. O valor do saque é o saldo disponível na conta do FGTS, na data da solicitação, limitado à quantia correspondente a R$ 6.220,00 (seis mil, duzentos e vinte reais). “Foi uma tempestade histórica, que nos pegou de surpresa e toda ajuda é bem-vinda nessa hora. Não poupamos esforços em atender os primeiros necessitados e continuaremos juntos para colaborar na reconstrução da nossa cidade”, exclamou o secretário de Assistência Social, Maurício Roque.

Os moradores de Palhoça que foram atingidos pela enxurrada do fim do ano passado podem solicitar o Saque Calamidade através deste link:
https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSf3FwnowIA5rQq0pu06cLFIkGOoBpz3FjE6Eo0l-0rT8N3jOQ/viewform

As informações serão repassadas aos servidores da Caixa para que o processo seja efetivado e vale salientar que a Prefeitura Municipal de Palhoça apenas informa as vias e  imóveis afetados ao Agente Operador, no caso a Caixa, não sendo responsável pela liberação do FGTS, que observa regramentos específicos e legais. Outra forma de entregar os documentos é indo até um dos CRAS de Palhoça, onde os moradores podem receber orientação de profissionais treinados para lidar com esta operação.

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa