Hoje é domingo, 26 de maio de 2024
Coluna da UNIMED
Coluna da AMPE
Coluna do Adriano
Publicações Legais
spot_img
spot_img
InícioGERALMacrodrenagem em São José: obras avançam no bairro Ipiranga

Macrodrenagem em São José: obras avançam no bairro Ipiranga

Serviços iniciados neste mês estão concentrados na Rua Bom Pastor, mas vão abranger um total de sete ruas

As obras de macrodrenagem no antigo Rio da Palha, no bairro Ipiranga, lançadas no início deste mês, seguem avançando. Nesta terça-feira (23), as equipes da Secretaria de Infraestrutura da Prefeitura de São José deram início a instalação de uma nova tubulação, que está sendo implantada na Rua Bom Pastor, que tem por finalidade de auxiliar no escoamento das águas pluviais e minimizar os riscos de alagamentos que a comunidade sofre.

No local estão sendo instalados tubos de 1,20 metro de largura e será implantada uma caixa de conexão de tubos devido a presença de uma adutora da Casan. No total já foram realizados 35 metros desta tubulação na via e na próxima semana, caso não chova, a intenção é instalar mais tubos numa profundidade de 5,20 metros. Para a realização dos trabalhos, a Rua Bom Pastor segue interditada para a passagem de veículos.

A expectativa é de que os trabalhos de correção e ampliação da macrodrenagem existentes sejam concluídos em 2025. As obras vão ser realizadas no trecho entre as ruas Bom Pastor e Francisco Nappi, num total de sete ruas, numa extensão de 720 metros, com tubulação de 1,2 metro, com trechos que terão escavação de cinco metros de profundidade e galerias de células com dois metros quadrados, num investimento de R$ 4,2 milhões.

O secretário de Infraestrutura, Júlio Cézar da Silva, explica que a obra é uma antiga reivindicação da comunidade do Ipiranga que sofre com alagamentos. Ele relata que, em dias de chuva forte, o nível das águas pode chegar a mais de 2 metros de altura. “Essa iniciativa da Prefeitura vai aumentar, de forma expressiva, a capacidade de escoamento da água das chuvas, abrangendo pontos que, atualmente, carecem de qualquer elemento para esse fim”, avalia.

No lançamento da obra, em abril, o prefeito Orvino Coelho de Ávila lembrou que muitas vezes esteve na localidade e que sempre ficava em alerta com as chuvas. “Aqui tem muitos tubos enterrados, conheço a região há décadas e nós devíamos para a comunidade essa obra. Sempre quis ser prefeito para poder fazer isso, atender os mais necessitados. Faço isso com satisfação, são mais de R$ 4 milhões investidos numa obra que vai ficar enterrada, mas que vai resolver um problema antigo e que vocês conhecem bem.”

spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS
Publicidadespot_img
Publicidadespot_img

Últimas do Informe Floripa